A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Igreja Presbiteriana do Brasil Confederação Nacional das SAFs Quadriênio 2014/2018.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Igreja Presbiteriana do Brasil Confederação Nacional das SAFs Quadriênio 2014/2018."— Transcrição da apresentação:

1 Igreja Presbiteriana do Brasil Confederação Nacional das SAFs Quadriênio 2014/2018

2 Confederação Nacional das SAFs TEMA DO QUADRIÊNIO 2014/2018 “Que formosos são sobre os montes os pés do que anuncia as boas-novas” (Is 52.7)

3 a O desafio para anunciarmos as boas-novas sempre serão grandes e para vencê-los teremos que estar atentas aos pequenos detalhes, como os requeridos para uma travessia como a do Rio Jordão no tempo de Josué.

4 Deus fará maravilhas, quando.... Js

5 Para obtermos as vitórias das quais necessitamos temos que observar também detalhes simples, mas que são fundamentais para a nossa vitória em Cristo.

6 Vivemos numa sociedade muito complexa, cheia de exigências, que busca muita coisa, coisas grandiosas e com fórmulas difíceis.

7 Estejamos atentas para as Coisas simples Respostas simples Orientações simples

8 Na realidade o que Deus pede de nós se resume a: Praticar a justiça Amar a misericórdia Andar humildemente com Deus (Mq 6.8)

9 Respondeu-lhe o Senhor: Marta! Marta! Andais inquieta e te preocupas com muitas coisas. Entretanto, pouco é necessário ou mesmo uma só coisa; Maria, pois, escolheu a boa parte, e esta não,lhe será tirada. Lc

10 Deus fará maravilhas, quando... Em Js vemos que Deus fez maravilhas na vida de seu povo, e para isso os orientou como deveria fazer e se comportar durante a travessia do Rio Jordão.

11 Deus fará maravilhas Se desejamos as vitórias em Cristo, sobre as nossas aflições, desafios, dificuldades e tudo o mais, estejamos atentas a voz de Deus, e tão somente sejamos obedientes e praticantes de suas ordens, pedidos e instruções.

12 Atentemos para os simples detalhes

13 De Madrugada Js Levantou-se Josué de madrugada Não levantou-se tarde, ou mais tarde, mas na madrugada, cedo, mostrando disponibilidade para a jornada para a sua responsabilidade de líder.

14 Todos estavam envolvidos Js Levantou-se Josué de madrugada Todo o povo estava reunido, não apenas os líderes, e isso quer dizer que houve o envolvimento de todos no desafio. Todos estavam diante do grande desafio de atravessar o Jordão, não um pequeno grupo.

15 Obediência a voz de comando Js 3.6 A obediência as ordens de Deus, as ordens específicas para cada grupo: povo e sacerdotes. Obediência de todos não só de alguns.

16 A instrumentalidade deve vir de Deus Js O diálogo de Deus com Josué animando-o instrumentalizando-o. ‘Então, disse o SENHOR a Josué: Hoje, começarei a engrandecer-te perante os olhos de todo o Israel, para que saibam que, como fui com Moisés, assim serei contigo”.

17 A instrumentalidade deve vir de Deus Se o envio for de Deus, a instrumentalidade for de Deus ele confirmará a obra de nossas mãos. Seja sobre nós a graça do Senhor, nosso Deus; confirma sobre nós as obras das nossas mãos, sim, confirma a obra das nossas mãos. ( Sl 90.17)

18 A autenticação devem vir de Deus Precisamos da autenticação de Deus para nossa missão. Vão haver: dificuldades, desafios, opiniões contrárias, tempestades. Precisamos ser encorajadas por Deus, instrumentalizadas por Deus, autorizadas/autenticadas por Ele para vencer todos os desafios da liderança em seu serviço.

19 Andar com humildade, com Deus Mesmo sendo um líder escolhido por Deus, teve a humildade de ouvir Deus e suas instruções. Temos que parar, ouvir e servir a Deus e nos seus moldes. Ouvir, ler, estudar a Santa Palavra e orar sem cessar.

20 Saber que Deus está presente e que também é Senhor de outros As vezes perdemos a noção de que estamos na presença de Deus, de que a obra é dEle e não nossa e de que também salvou a muitos e não está somente onde estamos. “Ele é o Senhor de toda a terra (Js 3.11 e 12)

21 Organizar-se Em Js a 13 e 16 a 17, destaca-se a continuação da preparação para a travessia. Podemos concluir que para realizar a obra de Deus precisamos de ordem, planos, comando, obediência a voz de comando, disciplina... Nosso Deus é organizado e não podemos ser diferentes.

22 Viver piedosamente/santificação Disse Josué ao povo: Santificai-vos, porque amanhã o SENHOR fará maravilhas no meio de vós. (Js 3.5) Mudança de vida Então, disse Jacó à sua família e a todos os que com ele estavam: Lançai fora os deuses estranhos que há no vosso meio, purificai-vos e mudai as vossas vestes. (Gn 35.2) A santificação é condição primordial para que Deus faça maravilhas em nós e no nosso meio.

23 Viver piedosamente/santificação No processo da travessia Deus exige santificação do povo e da liderança. Deus exige santificação na caminhada. Não podemos ter deuses em nossas vidas, mas somente um Deus: O Senhor de toda a terra. Precisamos lançar fora todas as coisas, idéias e ideais que temos e amamos, mas que estão em confronto com as Santas Escrituras. Podemos as vezes não estarmos tendo vitórias na nossa vida por conta dos ídolos que temos.

24 Crer nas promessas de Deus 3.7 Então, disse o SENHOR a Josué: Hoje, começarei a engrandecer-te perante os olhos de todo o Israel, para que saibam que, como fui com Moisés, assim serei contigo. 3.9 Então, disse Josué aos filhos de Israel: Chegai-vos para cá e ouvi as palavras do SENHOR, vosso Deus Disse mais Josué: Nisto conhecereis que o Deus vivo está no meio de vós e que de todo lançará de diante de vós os cananeus, os heteus, os heveus, os ferezeus, os girgaseus, os amorreus e os jebuseus.

25 Fazer o que deve ser feito O que podemos fazer, devemos fazer. Deus com certeza fará o não podemos fazer. Não adianta perdermos tempo e energia falando do que não podemos fazer, do que não podemos realizar, e nos esquecermos do principal, que é o que podemos e devemos fazer. Deus também fará o que é impossível a nossos olhos ser feito.

26 Deus fará maravilhas sim, e devemos atentar para os pequenos detalhes

27 a) Estar disponíveis para cooperar com a obra de Deus b) Envolvidas num só ideal

28 c) Obedecer a voz de Deus d) Crer nas promessas de Deus

29 e) Saber que a instrumentalidade e a autenticação devem vir de Deus

30 f) Ser humildade para ser instruída por Deus g) Ser organizada

31 h) Entender e aceitar que Deus também é Senhor de outros i) Saber que Deus está presente na nossa caminhada

32 j) Viver piedosamente/ santificação l) Crer no que promete o Senhor

33 m) Fazer cada um o que tiver de ser feito, ou seja, a sua parte.

34 E tudo que fizermos deve buscar a glória de Deus.

35 Deus sempre fará maravilhas em nós, no meio de nós e através de nós e para tal observemos sempre os pequenos detalhes.

36 Ana Maria Prado Fonte Bíblia Sagrada Deus fará maravilhas – Reverendo Anderson José


Carregar ppt "Igreja Presbiteriana do Brasil Confederação Nacional das SAFs Quadriênio 2014/2018."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google