A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Evangelho - Mt 25,14-30 Por causa de Jesus e seu Reino, somos chamados a colocar com alegria os talentos a serviço. A fidelidade ao evangelho nos impele.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Evangelho - Mt 25,14-30 Por causa de Jesus e seu Reino, somos chamados a colocar com alegria os talentos a serviço. A fidelidade ao evangelho nos impele."— Transcrição da apresentação:

1

2 Evangelho - Mt 25,14-30 Por causa de Jesus e seu Reino, somos chamados a colocar com alegria os talentos a serviço. A fidelidade ao evangelho nos impele a viver como filhos e filhas da luz, colaborando na obra de amor de Cristo. Participemos da alegria do Senhor que é capaz de entregar sua vida por todos. A eucaristia nos anima a multiplicarmos os dons recebidos gratuitamente. LITURGIA DO DOMINGO DIA DE 2011 PARÁBOLA DOS DEZ TALENTOS

3 1ª Leitura – provérbios 31,( ) Na primeira leitura, a mulher que, trabalha tanto no serviço doméstico como na produção para o sustento da família, usando assim seus talentos na edificação do lar e do Reino,é louvada por esta atitude. 2ª Leitura - 1Ts 5,1-6 Na segunda leitura Paulo estimula as comunidades à vigilância para a vinda de Cristo, o que é para nós hoje, colocar nossos dons a serviço do amor e crescimento da comunidade,ou seja,vivermos o amor mútuo.

4 O evangelho Domingo Mateus 25,14-30, ensina-nos que os talentos que Deus nos deu são dons que devem produzir frutos e frutos que permaneçam. Na espera pelo Senhor que vem, devemos ser operantes e ativos.

5 Por isso fiquei com medo e escondi o teu talento no chão. Aqui tens o que te pertence”. Mas isso é fruto do pensamento pequeno daqueles que pensam em Deus como um homem duro e muito exigente diante de qual nutrem somente medo e não amor.

6 Não nos é lícito nem mesmo esconder, com o pretexto de uma falsa humildade, os dons que Deus nos confiou, como o fez um dos servos do evangelho.

7 Desde a criação, Deus dotou o homem de dons particulares para guardar e continuar a sua obra. Além disso, deu, a cada um de nós, talentos de acordo com as nossas capacidades. É isso que faz com que exerçamos funções diferentes na sociedade sem nos tornar melhores ou piores do que os outros.

8 Na vida, não somos iguais nem diferentes. Somos apenas outros. Assim, os talentos são dons que nos tornam capazes de agir pela glória de Deus e pelo bem do mundo. Aquilo que realmente importa é que nós produzamos frutos de acordo com o que Deus nos confiou.

9 Na família, os frutos a serem colhidos são o perdão, o diálogo, a compreensão, a paciência e o amor. Na sociedade, os frutos a serem colhidos são a defesa da vida, da família e da ética. Na vida pessoa, os frutos que podemos colher são a humildade, a realização dos nossos projetos mais elevados e...

10 como consequência de tudo, a felicidade. Assim, somos convidados a avaliar a nossa vida em termos de “custo e benefício espiritual”. Qual será a nossa reação, quando Jesus nos disser: “Muito bem, servo bom e fiel! Como você foi fiel na administração de tão pouco,

11 eu vou lhe confiar muito mais. Venha participar da minha alegria”?Aí está tudo o que um cristão precisa ouvir. Deus nos dá a alegria na terra, como gratificação por termos agido bem, e, no céu, como parte da bem- aventurança preparada para nós desde o início dos tempos e para a eternidade.

12 Descobrimos, assim, que a fidelidade a Deus tem sua origem no amor que temos por Ele, ao mesmo tempo em que a infidelidade tem suas raízes na concepção errônea que temos d’Ele: “Senhor, sei que és um homem severo, pois colhes onde não plantaste e ceifas onde não semeaste.

13 Por isso fiquei com medo e escondi o teu talento no chão. Aqui tens o que te pertence”. Mas isso é fruto do pensamento pequeno daqueles que pensam em Deus como um homem duro e muito exigente diante de qual nutrem somente medo e não amor.

14 Deus, no entanto, apresenta-se a nós no seu mais puro amor para nos ensinar que no amor é que as nossas relações com Ele devem ser tecidas.

15 Vamos refletir... Não sabemos quando o Senhor “virá nos chamar”. Poderá tardar ainda, como poderá ser hoje ou amanhã... -Estamos preparados para isso? Temos feito bom uso dos "talentos" que Ele nos confiou? -Como estamos empregando nosso tempo, nossa inteligência, nossa possibilidade de servir? Durante esta semana façamos um exame de consciência,e respondendo, depois, a nós mesmo, para participarmos dignamente da Santa missa neste Domingo que se aproxima. Parapuã, 7 de novembro de 2011 Marineves Jesus de Lima

16 FONTES CONSULTADA - Biblia Sagrada, SITES: - HOMILIA DOMINICAL -NPDBRASIL -TEOLOGIA FÉ E VIDA -DOMTOTAL


Carregar ppt "Evangelho - Mt 25,14-30 Por causa de Jesus e seu Reino, somos chamados a colocar com alegria os talentos a serviço. A fidelidade ao evangelho nos impele."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google