A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

COLÉGIO VALSASSINA. Reunião Encarregados de Educação do 9º ano Ordem de Trabalhos: 1- A orientação vocacional e o final do 3º ciclo; 2- Testes intermédios.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "COLÉGIO VALSASSINA. Reunião Encarregados de Educação do 9º ano Ordem de Trabalhos: 1- A orientação vocacional e o final do 3º ciclo; 2- Testes intermédios."— Transcrição da apresentação:

1 COLÉGIO VALSASSINA

2 Reunião Encarregados de Educação do 9º ano Ordem de Trabalhos: 1- A orientação vocacional e o final do 3º ciclo; 2- Testes intermédios e exames finais de Língua Portuguesa e de Matemática; Final do ano letivo 3- Plano de Estudos do Ensino Secundário no Colégio Valsassina para 2013/14. 4 de dezembro de 2012

3 COLÉGIO VALSASSINA ORIENTAÇÃO VOCACIONAL NO 9ºANO: COMO PODEM OS PAIS AJUDAR? Gabinete Psicopedagógico - dezembro de 2012

4 OPÇÕES DE ENSINO APÓS O 9º ANO ENSINO NÃO QUALIFICANTE Duração: 3 anos Certificação: 12º Ano ENSINO QUALIFICANTE Duração: 3 anos Certificação: 12º Ano + Qualificação Profissional: nível 3 ou 4 Ensino Científico-Humanístico: Curso de Ciências e Tecnologias Curso de Ciências Socioeconómicas Curso de Línguas e Humanidades Curso de Artes Visuais Ensino Tecnológico Ensino Artístico Especializado Ensino Profissional Cursos de Educação e Formação PERCURSOS APÓS O 9º ANO

5 ORIENTAÇÃO VOCACIONAL  Processo ao longo da vida: desde a infância até à reforma.  Promoção do desenvolvimento pessoal. PRINCIPAIS TAREFAS DA ADOLESCÊNCIA:  Estabelecer uma identidade como adulto;  Separar-se psicologicamente dos pais;  Construir um projeto escolar/ profissional. A AUTONOMIA DOS FILHOS DEVE SER ENCORAJADA!

6 A VOCAÇÃO  As pessoas não nascem com uma vocação, constroem-na!  Primeiro passo – conhecimento de si próprio: Aptidões, Interesses, Valores, Características da Personalidade, Objetivos, Motivações, Percurso Escolar e Métodos e Hábitos de Estudo, Consciência das Influências Parentais e dos Pares  O que é bom para os outros, não é necessariamente bom para mim!

7 CRENÇAS ERRADAS DOS JOVENS (1)  “Vou escolher Ciências e Tecnologias, porque estou indeciso. É o curso mais abrangente e tomo a decisão só no final do Ensino Secundário”;  Tomar uma decisão baseado no nível de desempenho/ classificações obtidas ao longo do percurso escolar;  “ Se sempre fui bom a Ciências Naturais devo ir para Ciências e Tecnologias”.

8 CRENÇAS ERRADAS DOS JOVENS (2)  “Se sou um aluno de níveis 4 e 5 devo ir para Medicina”.  “Os cursos de Artes são considerados cursos complementares/ hobbies”.  “Tenho de seguir a tradição da família … não quero ser diferente”.  “Vou para o Curso … porque os meus amigos vão”.  “Mesmo que venha a ser bom em artes não vou ter um bom emprego”.

9 COMO PODEM OS PAIS APOIAR? (1)  Encorajar uma exploração planeada;  Demonstrar confiança na capacidade de tomada de decisão dos seus filhos;  Supervisionar sem controlar;  Realçar as características positivas;  Incentivar a exploração de competências e a pesquisa/contacto com diversas atividades profissionais;

10  Partilhar o próprio processo de descoberta vocacional;  Dar conselhos e fornecer informação sobre as profissões e o mundo do trabalho;  Promover o diálogo sobre os motivos das suas (in)decisões;  Analisar o perfil vocacional com os seus filhos. COMO PODEM OS PAIS APOIAR? (2)

11 EVITE :  Demitir-se de apoiar o seu filho;  Projetar-se e decidir pelo seu filho;  Ter escolhas definidas a priori em função. AS INTERFERÊNCIAS AMBIENTAIS (AMIGOS, FAMÍLIA, ETC.) TÊM UMA INFLUÊNCIA MUITO DIRETA NA TOMADA DE DECISÃO!

12 PAPEL DO PSICÓLOGO  O psicólogo não escolhe, nem decide por ninguém, apenas fornece ferramentas para que o jovem passe a conhecer-se melhor a si e ao mundo profissional;  Os testes de orientação vocacional são apenas um instrumento no processo e não a resposta final.

13 Tornar o jovem mais ativo e autónomo no processo de desenvolvimento vocacional; Promover o autoconhecimento (experiências, expetativas, objetivos, interesses, aptidões, valores, etc.); Análise de crenças erradas e autoavaliações inconsistentes; Ajudar a interpretar informação profissional; Apoiar a tomada de decisões vocacionais fundamentadas ; Perspetivar o futuro académico e profissional, não especificando, nesta fase, uma profissão, mas optando por uma área de estudos. Ajuda especializada na construção de projetos vocacionais e da identidade pessoal dos jovens GABINETE PSICOPEDAGÓGICO: OBJETIVOS DE INTERVENÇÃO

14 FASES DO PROGRAMA DE ORIENTAÇÃO VOCACIONAL 2012/13 FASESCALENDARIZAÇÃO 1ª Fase: Sessão de sensibilização para a Orientação Vocacional setembro de ª Fase: Realização de Provas de Orientação Vocacional outubro e novembro de ª Fase: Fórum de Orientação Profissionalnovembro e dezembro de ª Fase: Reunião com os Encarregados de Educação dezembro de ª Fase: Entrevistas Individuais no Gabinete Psicopedagógico novembro de 2012 a março de ª Fase: Envio dos Relatórios Individuaisjaneiro a março de ª Fase: Visita de exploração vocacional à Futurália Feira da Juventude, Qualificação e Emprego 13 a 15 de março de 2012

15 3ª FASE: FÓRUM DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL Engenharias Gestão e Economia Arquitetura Ciências da Saúde Design Biotecnologia

16 2 – Testes Intermédios, exames nacionais e final do ano letivo

17 Testes Intermédios - ( matéria do 3º ciclo) 2º período3º Período Português 7 fevereiro Inglês 22 fevereiro Matemática 12 abril Físico-química 18 abril História 22 abril Ciências Naturais 30 abril Testes Intermédios / final ano letivo

18 Final do ano letivo -Último dia de atividades letivas – 7 de junho -Entre 7 de junho e os exames nacionais: Aulas de Português e de Matemática – preparação para exame. -Afixação Pautas 3º período – entre 12 e 14 junho ? - Exames nacionais – a partir de 17 de junho ? - (matéria relativa ao 3º ciclo – 7º, 8º e 9º ano) Testes Intermédios / final ano letivo

19 situação de retenção e não admitido a exame Alunos que tenham no final do 3º período: - Nível 1 a Português e a Matemática - Nível 1 ou 2 a duas disciplinas e nível 1 a Português ou a Matemática - Nível 1 ou 2 a três disciplinas, com exceção de Português e Matemática Condições de transição e acesso aos exames

20 Exemplo de um aluno que pode ser admitido a exame Aluno com 4 níveis de 2, sendo dois deles a Português e a Matemática Português – 2 Matemática – 2 Ciências – 2 Educação Visual – 2 Pode transitar de ano caso obtenha, no exame, nível 4 a Português e a Matemática Condições de Transição e acesso aos exames

21 Condições de transição após exames nacionais Qualquer aluno transita, desde que: - Não obtenha classificação final inferior a 3 em Português e a Matemática - Não obtenha classificação final inferior a 3, em três disciplinas quaisquer Condições de Transição e acesso aos exames

22 3- Plano de Estudos do Ensino Secundário no Colégio Valsassina para 2013/14.

23 Cursos Científico-humanísticos: - Curso Ciências e tecnologias - Curso Ciências Socioeconómicas - Curso Línguas e Humanidades - Curso de Artes Visuais Ensino Secundário 2013/14.

24 Curso Ciências e Tecnologias Ensino Secundário 2013/14.

25 Curso Ciências Socioeconómicas Ensino Secundário 2013/14.

26 Curso de Artes Visuais Ensino Secundário 2013/14.

27 Processo de Renovação da matrícula: Janeiro/Fevereiro – envio de Inquérito de 5 a 12 de março – renovação matrícula Ensino Secundário 2013/14.

28 3 – Ordem de Prioridade No caso de haver mais pedidos de inscrições do que as vagas existentes para cada curso (29), a ordem de prioridade será a seguinte: 1º - Média do 9º ano (todas as disciplinas exceto as áreas curriculares não disciplinares e Religião e Moral). 2º - Nota de Matemática 3º - Nota de Língua Portuguesa 4º - Ter um(a) irmão/irmã no Colégio em 2012/2013 5º - Antiguidade no Colégio 6º - Ordem de inscrição As inscrições efetuadas após os prazos definidos só serão aceites caso haja vagas nas turmas pretendidas. Após a afixação das pautas relativas às notas do 3º período, a Secretaria Pedagógica informará da existência, ou não, de vaga para o(a) seu(sua) educando(a). Ensino Secundário 2013/14.

29 COLÉGIO VALSASSINA Um projeto pedagógico de formação humanista - do jardim de infância, à preparação para a universidade - identidade, exigência, responsabilidade social


Carregar ppt "COLÉGIO VALSASSINA. Reunião Encarregados de Educação do 9º ano Ordem de Trabalhos: 1- A orientação vocacional e o final do 3º ciclo; 2- Testes intermédios."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google