A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Energia e Modernização da Agricultura Elias de Freitas Júnior Diretoria Executiva Diretoria ExecutivaAssessor Palestra apresentada no I Seminário Energia.

Cópias: 1
Energia e Modernização da Agricultura Elias de Freitas Júnior Diretoria Executiva Diretoria ExecutivaAssessor Palestra apresentada no I Seminário Energia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Energia e Modernização da Agricultura Elias de Freitas Júnior Diretoria Executiva Diretoria ExecutivaAssessor Palestra apresentada no I Seminário Energia."— Transcrição da apresentação:

1

2 Energia e Modernização da Agricultura Elias de Freitas Júnior Diretoria Executiva Diretoria ExecutivaAssessor Palestra apresentada no I Seminário Energia na Agricultura Uberaba, MG, 25 de outubro de 2000 Ministério da Agricultura e do Abastecimento

3 Agronegócio Brasileiro Ministério da Agricultura e do Abastecimento

4 AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Agentes Econômicos 5 milhões de propriedades rurais 5 milhões de propriedades rurais 60 mil agroindústrias 60 mil agroindústrias 300 mil estabelecimentos comerciais 300 mil estabelecimentos comerciais Importância Econômica 40% do PIB nacional (1999) - US$ 228 bilhões 40% do PIB nacional (1999) - US$ 228 bilhões 36% da PEA - 27 milhões de empregos 36% da PEA - 27 milhões de empregos 39% das exportações (1999) - US$ 19 bilhões 39% das exportações (1999) - US$ 19 bilhões Saldo comercial (1999) - 14,5 bilhões Saldo comercial (1999) - 14,5 bilhões Ministério da Agricultura e do Abastecimento

5 Ministério da Agricultura e do Abastecimento US$ bi Plano Real

6 Agricultura e Abastecimento Política Nacional Objetivo - Brasil mais auto-suficiente: Objetivo - Brasil mais auto-suficiente: - Agricultura Forte, Moderna e Competitiva. - Agricultura Forte, Moderna e Competitiva. - Renda e Liquidez para o Produtor. - Renda e Liquidez para o Produtor. - Melhoria das Condições de Vida no Campo - Melhoria das Condições de Vida no Campo O Brasil será a maior nação agrícola do O Brasil será a maior nação agrícola do mundo em dez anos. mundo em dez anos. Tecnologia e Qualidade. Tecnologia e Qualidade. Ministério da Agricultura e do Abastecimento

7 Prioridades do Ministério da Agricultura e do Abastecimento Defesa agropecuária Pesquisa & Desenvolvimento (Qualidade e Tecnologia) Preservação ambiental Ministério da Agricultura e do Abastecimento

8 Pronunciamento do Presidente da República O país que não prioriza e não investe em C&T jamais será uma Nação, mas simplesmente um mercado. Ministério da Agricultura e do Abastecimento

9 TECNOLOGIA & COMPETITIVIDADE VANNERVAR BUSH Pai da Política Científica Americana, 1945 UMA NAÇÃO QUE DEPENDE DE OUTROS PARA A PESQUISA BÁSICA, TERÁ UM DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL LENTO E UMA POSIÇÃO COMPETITIVA FRACA NO COMÉRCIO MUNDIAL, NÃO IMPORTA SUA CAPACIDADE PRODUTIVA. Ministério da Agricultura e do Abastecimento

10 Relação entre PPA/capita e investimentos em pesquisa Ministério da Agricultura e do Abastecimento

11 ÍNDICE DE INTENSIDADE DE PESQUISA AGRÍCOLA (%) INVESTIMENTOS EM PESQUISA / VALOR BRUTO DO PRODUTO AGRÍCOLA PAÍSES DESENVOLVIDOS 2,3 EUA 3,4 REINO UNIDO 3,7 CANADÁ 5,3 PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO 0,5 BRASIL 1,2

12 Demanda mundial crescente Razões Crescimento da população mundial (até 2025) Aumento de renda nos países asiáticos (China) Retirada de subsídios agrícolas pelos países desenvolvidos Escassez de produtos agrícolas (início do próximo século) Ministério da Agricultura e do Abastecimento

13 Aumento na demanda mundial por alimentos (% ) Ministério da Agricultura e do Abastecimento

14 Projeção da demanda total de grãos Ministério da Agricultura e do Abastecimento

15 GLOBALIZAÇÃO Ministério da Agricultura e do Abastecimento

16 Tecnologia & Competitividade Não importa quanto as pessoas queiram ver de outra maneira, a globalização e a revolução tecnológica não são escolhas políticas, e sim fatos. A escolha é moldar as forças dessa nova economia para beneficiar as pessoas e melhorar os nossos valores, a se esconder atrás dos muros de proteção e ficar para trás na corrida pelo futuro. Presidente Clinton Maio, 1998 Ministério da Agricultura e do Abastecimento

17 A globalização resulta da conjunção de 3 forças poderosas: 1 - a terceira revolução tecnológica; 2 - formação de áreas de livre comércio e blocos econômicos integrados; 3 - Crescente ligação e interdependência dos mercados físicos e financeiros em escala planetária. Ministério da Agricultura e do Abastecimento

18 GLOBALIZAÇÃO GLOBALIZAÇÃO Competitividade X Protecionismo Barreiras Sanitárias Barreiras Sanitárias Restrições Tarifárias Restrições Tarifárias Cotas Quantitativas Cotas Quantitativas Subsídios Diretos e Indiretos Subsídios Diretos e Indiretos Resultados no Brasil Resultados no Brasil - Redução de emprego e de renda no campo - Redução de emprego e de renda no campo - Problemas sociais - Problemas sociais Ministério da Agricultura e do Abastecimento

19 Pesquisa Agropecuária Ministério da Agricultura e do Abastecimento

20 Os números da Embrapa Centros de Pesquisa: - 39 centros - Pesquisadores: % PhDs - orçamento/ano US$ 325 milhões - Sede Centros Temáticos Centros de Produtos Centros Agroflorestais/Ecoregionais Servicios Especiais Ministério da Agricultura e do Abastecimento

21 ORIENTAÇÃO A pesquisa começava no produtor rural e terminava no produtor rural. e terminava no produtor rural. O foco era a produção primária de alimentos, dentro da porteira da fazenda Ministério da Agricultura e do Abastecimento

22 MISSÃO - III PDE Viabilizar soluções para o desenvolvimento sustentável do agronegócio brasileiro, por meio de geração, adaptação e transferência de conhecimentos e tecnologias, em benefício da sociedade Ministério da Agricultura e do Abastecimento

23 REALINHAMENTO ESTRATÉGICO - III PDE AMBIENTE EXTERNO III PLANO DIRETOR DA EMBRAPA AGRONEGÓCIOCOMPETITIVO SUSTENTABILIDADE ECONÔMICA E AMBIENTAL MENORES DESEQUILÍBRIOS DESEQUILÍBRIOSEQUIDADESAÚDENUTRIÇÃOQUALIDADE DE VIDA Ministério da Agricultura e do Abastecimento

24 Recursos naturais Recursos genéticos Biotecnologia Produção de grãos Frutas e hortaliças Produção animal Matérias primas Produção florestal Agricultura familiar Colheita e pós colheita Qualidade ambiental Automação agropecuária Desenvolvimento rural Produção de informação Sistemas estaduais Administração institucional PROGRAMAS Ministério da Agricultura e do Abastecimento

25 PNP Energia ( ) Biomassas produtoras de álcool Biomassas produtoras de álcool (cana-de-açúcar, mandioca, sorgo sacarino, beterraba, batata doce, babaçu) Culturas oleaginosas Culturas oleaginosas (colza, girassol, amendoim, mamona, dendê, etc.) Florestas energéticas Florestas energéticas Utilização de resíduos Utilização de resíduos Biodigestores e microdestilarias Biodigestores e microdestilarias Alimentos para fins energéticos Alimentos para fins energéticos Ministério da Agricultura e do Abastecimento

26 Uso racional de energia Enfoque da Embrapa Enfoque da Embrapa Aumentar a produtividade por unidade de insumo energético unidade de insumo energético Ministério da Agricultura e do Abastecimento

27 Soluções tecnológicas que otimizam o uso de energia Resfriamento de leite em pequenas propriedades Resfriamento de leite em pequenas propriedades Secador comunitário para frutas e hortaliças Secador comunitário para frutas e hortaliças Sistemas de produção para oleaginosas com Sistemas de produção para oleaginosas com potencial energético (dendê, mamona, babaçu, potencial energético (dendê, mamona, babaçu, etc.) etc.) Máquinas para a agricultura familiar Máquinas para a agricultura familiar Ministério da Agricultura e do Abastecimento

28 Soluções tecnológicas que otimizam o uso de energia Planejamento da adubação Planejamento da adubação Planejamento do uso de defensivos Planejamento do uso de defensivos Variedades mais produtivas Variedades mais produtivas Manejo integrado de pragas e doenças Manejo integrado de pragas e doenças Ministério da Agricultura e do Abastecimento

29 Soluções tecnológicas que otimizam o uso de energia Sistema de produção de cana de açúcar Sistema de produção de cana de açúcar Fixação biológica de N em gramíneas Fixação biológica de N em gramíneas Sistema de Plantio Direto Sistema de Plantio Direto Manejo de água em sistemas irrigados Manejo de água em sistemas irrigados Inoculação da soja com bactérias fixadoras de N Inoculação da soja com bactérias fixadoras de N Ministério da Agricultura e do Abastecimento

30 Ministério da Agricultura e do Abastecimento Semi Árido AREA TOTAL :85 milhões de ha IRRIGAÇÃO (mil ha) - Irrigados Irrigados Potencial ,500 - Potencial ,500 PRODUÇÃO DE FRUTAS (milhões ton) - Atual Atual Potencial Potencial Exportações US$ 50 milhões - Exportações US$ 50 milhões - Potencial exportação US$ 5 bilhões - Potencial exportação US$ 5 bilhões PRODUÇÃO ANIMAL (mil ton) - Carne caprinos/ovinos Carne caprinos/ovinos Potencial Potencial

31 Ministério da Agricultura e do Abastecimento Cerrados (Milhões de ha) (Milhões de ha) Área Total Área Total Área Cultivável Área Cultivável Pastagens cultivadas Pastagens cultivadas Culturas anuais Culturas anuais culturas perenes eculturas perenes e Florestas Florestas Área disponível Área disponível Produção potencial (Milhões de ton.)Produção potencial (Milhões de ton.) - Grãos Carne Frutas

32 Ministério da Agricultura e do Abastecimento Produção brasileira de grãos (soja, milho, trigo, feijão, arroz) fonte: Embrapa Área em milhões de ha e Produção em milhôes de ton

33 Ministério da Agricultura e do Abastecimento Produção brasileira de grãos (soja, milho, trigo, feijão, arroz) Fonte: Embrapa 150 Utilizando as soluções tecnológicas da pesquisa Área em milhões de ha e Produção em milhôes de ton


Carregar ppt "Energia e Modernização da Agricultura Elias de Freitas Júnior Diretoria Executiva Diretoria ExecutivaAssessor Palestra apresentada no I Seminário Energia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google