A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

III. Os Irmãos Morávios Alderi Souza de Matos. Com o advento da Reforma do Século 16, os herdeiros de Jan Hus, os irmãos unidos, abraçaram o protestantismo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "III. Os Irmãos Morávios Alderi Souza de Matos. Com o advento da Reforma do Século 16, os herdeiros de Jan Hus, os irmãos unidos, abraçaram o protestantismo."— Transcrição da apresentação:

1 III. Os Irmãos Morávios Alderi Souza de Matos

2 Com o advento da Reforma do Século 16, os herdeiros de Jan Hus, os irmãos unidos, abraçaram o protestantismo. Nessa época, eles contavam com cerca de 400 igrejas locais e 150 a 200 mil membros na Boêmia e na vizinha Morávia. Expulsos de sua pátria durante a Guerra dos Trinta Anos ( ), eles se espalharam por diversas regiões da Europa e perderam muitos adeptos.

3 Guerra dos Trinta Anos

4 Um ano especialmente amargo foi 1621, quando quinze irmãos foram decapitados no chamado dia de sangue. Muitos crentes foram mandados para as minas ou masmorras; igrejas foram fechadas e escolas destruídas; Bíblias, hinários e catecismos foram queimados. Os poucos remanescentes continuaram a realizar as suas funções religiosas em segredo e a orar pelo renascimento da sua igreja.

5 Expulsão de um pastor morávio

6 Um importante líder desse período aflitivo foi o notável educador Jan Amos Comenius ( ), eleito bispo dos irmãos morávios em Noventa anos mais tarde, uma série de acontecimentos notáveis daria novos rumos e renovada vitalidade ao movimento morávio.

7 Jan Amos Comenius

8 Comenius

9 Casa onde nasceu Comenius

10 Cartilha de Comenius

11 Comenius e fiéis

12 Em 1722, sobreviventes dos irmãos unidos que falavam alemão, residentes no norte da Morávia, começaram a buscar refúgio na vizinha Saxônia, sob a liderança de um carpinteiro, Christian David. O jovem conde Nikolaus Ludwig von Zinzendorf ( ) permitiu que eles fundassem uma vila em sua propriedade de Berthelsdorf, cerca de 110 km a leste de Dresden.

13 Tchecoslováquia e Saxônia

14 Christian David

15 Conde Zinzendorf

16 Condessa Zinzendorf

17 O conde Zinzendorf era fruto do pietismo, um influente movimento que havia surgido recentemente no luteranismo alemão. Esse movimento teve como líderes Phillip Jacob Spener ( ) e August Hermann Francke ( ). Seu principal centro de atividade era a cidade de Halle, também na Saxônia, a terra de Martinho Lutero.

18 Phillip Jakob Spener

19 Pia Desideria (Desejos Piedosos)

20 August Hermann Francke

21 Os pietistas davam grande ênfase à devoção, à experiência e aos sentimentos, em contraste com a ortodoxia, credos e rituais. Também valorizavam a conversão pessoal, o sacerdócio universal dos crentes, o estudo das Escrituras, os pequenos grupos para comunhão e auxílio mútuo, bem como um cristianismo prático voltado para educação, missões e beneficência.

22 Nascido em uma família aristocrática, Zinzendorf recebeu uma educação pietista em Halle dos dez aos dezessete anos. Desde a infância revelou uma intensa devoção pessoal a Cristo e mesmo depois de ingressar no serviço público, em 1721, continuou a ter como interesse predominante o cultivo da religião do coração.

23 Universidade de Halle

24 Foi então que Zinzendorf entrou em contato com os morávios. De início lhes deu pouca atenção, porém em 1727 começou a assumir a liderança espiritual desse grupo. Superadas algumas divisões iniciais, no dia 13 de agosto de 1727 foi realizado um marcante culto de comunhão que veio a ser considerado o renascimento da antiga Unitas Fratrum, a Igreja Morávia renovada.

25 Herrnhut

26 A partir de então, Herrnhut tornou-se uma disciplinada e fervorosa comunidade cristã, um corpo de soldados de Cristo ansioso em promover a sua causa no país e no exterior. Embora Zinzendorf desejasse que os morávios permanecessem como membros da igreja estatal da Saxônia (luterana), gradualmente eles formaram uma igreja separada.

27 Herrnhut

28 Em 1745 a Igreja Morávia já estava plenamente organizada com seus bispos, presbíteros e diáconos, embora seu governo fosse, e ainda seja, mais presbiteriano que episcopal. A essa altura o moravianismo estava criando uma liturgia de grande beleza e uma rica tradição hinológica.

29 A Igreja Morávia restaurada permaneceu pequena, mas sua influência se fez sentir em toda a Europa. Seus primeiros bispos foram David Nitschmann (1735) e o próprio Zinzendorf (1737), que após uma vida de intensa atividade missionária e pastoral na Europa e na América do Norte faleceu em Herrnhut em Certa vez ele havia declarado, referindo-se a Cristo: Eu tenho uma paixão; é ele e ele somente.

30 Conde Zinzendorf

31 David Nitschmann

32 Anita Nitschmann


Carregar ppt "III. Os Irmãos Morávios Alderi Souza de Matos. Com o advento da Reforma do Século 16, os herdeiros de Jan Hus, os irmãos unidos, abraçaram o protestantismo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google