A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

USB Flashdisk - Pen Drive. Memória USB Flash Drive, ( Pen Drive ) Também designado como Pen Drive, é um dispositivo de armazenamento constituído por uma.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "USB Flashdisk - Pen Drive. Memória USB Flash Drive, ( Pen Drive ) Também designado como Pen Drive, é um dispositivo de armazenamento constituído por uma."— Transcrição da apresentação:

1 USB Flashdisk - Pen Drive

2 Memória USB Flash Drive, ( Pen Drive ) Também designado como Pen Drive, é um dispositivo de armazenamento constituído por uma memória flash tendo uma fisionomia semelhante à de um isqueiro oumemória flash chaveiro e uma ligação USB tipo A permitindo a sua conexão a uma porta USB de umUSB tipo A computador. As capacidades actuais, de armazenamento, são 64 MB, 128 MB, 256 MB, 512 MB,MB 1 GB a 64 GB.GB

3 Alguns modelos podem reproduzir música MP3 e sintonizar FM.MP3FM Em contrapartida, são um pouco mais caros, volumosos e pesados ( por causa do peso da pilha), e utilizam uma pilha interna (geralmente no tamanho de uma pilha AAA ).pilha

4 Conector USB macho do tipo A – Interface com o computador Controlador USB Mass Storage – Acede à memória flash NAND flashNAND flash – Armazena a informação Oscilador de cristalOscilador de cristal – Produz um sinal de relógio com 12Uma vez encaixado na porta USB, o Flash Drive aparece como um disco removível, similar a um disco rígido ou disquete.

5 O MP3 (MPEG-1/2 Audio Layer 3) foi um dos primeiros tipos de compressão decompressão áudioáudio com perdas quase imperceptíveis ao ouvido humano.com perdas A taxa de compressão é medida em Kb/s (kilobits por segundo), sendo 128 Kb/s a qualidade padrão, na qual a redução do tamanho do arquivo é de cerca de 90%, ou seja, uma razão de 10:1. O método de compressão com perdas consiste em retirar do áudio tudo aquilo quecompressão com perdas o ouvido humano normalmente não conseguiria perceber, devido a fenômenos de mascaramento de sons e de limitações da audição humana (embora pessoas com ouvido absoluto possam perceber tais perdas).ouvido absoluto MP3

6 O MP3, é uma abreviação de MPEG Audio Layer-3. O "layer" poderia ser definido como o nível da evolução do esquema de codificação de áudio (codec):codec quanto maior, mais recente, e consequente redução da dimensão dos arquivos de som, mantendo ou melhorando a qualidade de áudio. Assim sendo, MP3 é a mesma coisa que MPEG-3, o MP3 faz parte do padrão MPEG (tanto MPEG-1 quanto MPEG-2) assim como MP1 e MP2. O Significado da Sigla MP3

7 Após a grandiosa fama na Internet, o MP3 causou grande revolução no mundoInternet do entretenimento. Assim como o LP de vinil, o cassete de áudio e o CD, o MP3 se fortaleceu como um popular meio de distribuição de canções. A questão chave para entender todo o sucesso do MP3 se baseia no fato de que, antes dele ser desenvolvido, uma música no computador era armazenada no formato WAV, que é o formato padrão para arquivo de som em PCs, chegando a ocupar dezenas de megabytes em disco. Na média, um minuto de música corresponde a 10 MB para uma gravação de som de 16 bits estéreo com 44,1 KHz, o que resulta numa grande complicação a distribuição de músicas por computadores, principalmente pela Internet. ComApós a grandiosa fama na Internet, o MP3 causou grande revolução no mundoInternet do entretenimento. Assim como o LP de vinil, o cassete de áudio e o CD, o MP3 se fortaleceu como um popular meio de distribuição de canções. A questão chave para entender todo o sucesso do MP3 se baseia no fato de que, antes dele ser desenvolvido, uma música no computador era armazenada no formato WAV, que é o formato padrão para arquivo de som em PCs, chegando a ocupar dezenas de megabytes em disco.o surgimento do MP3 essa história mudou, pois o formato permite armazenar músicas no computador sem ocupar muito espaço e sem tirar a qualidade sonora das canções. História

8 As taxas de compressão alcançadas pelo MP3 chegam a até 12 vezes, dependendo da qualidade desejada. Para fazer isso o MP3 utiliza-se, além das técnicas habituais de compressão, de estudos de psico-acústica, sendo que estes permitem aproveitar-sepsico-acústica das limitações e imperfeições da audição humana.audição A utilização dos limites da audição humana baseia-se em três princípios básicos: 1)Faixa de frequência audível dos seres humanos; 2)Limiar de audição na faixa de frequência audível; 3)Mascaramento em frequência e mascaramento temporal. Faixa de frequência audível humana: O ouvido humano, devido às suas limitações físicas, é capaz de detectar sons em uma faixa de frequência que varia de 20Hz a 20KHz, sendo que estes valores podem variar de indivíduo para indivíduo e também com a idade (com o envelhecimento perdemos a capacidade de ouvir frequências mais altas). Desta forma, não faz sentido armazenar dados referentes a sons fora desta faixa de frequência, pois ao serem reproduzidos, os mesmos não serão percebidos por um ser humano. Esta é a primeira limitação da audição humana do qual o sistema MP3 faz uso para alcançar altas taxas de compressão. De acordo com o Teorema de Nyquist, para garantir a reprodução de um sinal,Teorema de Nyquist temos de amostrá-lo pelo menos a duas vezes sua frequência máxima. Ou seja, neste caso, como a frequência máxima de interesse é 20KHz, basta amostrar a 40KHz. Utilizam-se 44100Hz como taxa de amostragem, pois levam-se em consideração 10% de tolerância e busca-se um valor produto dos quatro primeiros números primos.números primos (Obs. (2x3x5x7)^2 = 44100). Desta forma, esta taxa de amostragem funciona como um filtro passa-baixas, que remove todos os componentes de frequência fora da faixa de interesse, neste caso, acima de 20Khz. Principios

9 Limiar de audição na faixa de frequência audível : Outro fator utilizado pela codificação MP3 é a curva de percepção da audição humana dentro da faixa de frequências audíveis, ou Limiar de Audição.Limiar de Audição Apesar da faixa de audição humana variar entre 20Hz e 20KHz, a sensibilidade para sons dentro desta faixa não é uniforme. Ou seja, a percepção da intensidade de um som varia com a frequência em que este se encontra. Desta forma, o MP3 utiliza-se desta propriedade para obter compressão em arquivos de áudios. Esta abordagem é bastante intuitiva, sendo que o que se faz é descartar amostras que se encontrem abaixo deste limiar. Mascaramento em frequência e mascaramento temporal: Por fim, uma última propriedade da audição humana ainda é utilizada pelo método é o chamado mascaramento auditivo, ou audiabilidade diminuída de um som devido à presença de outro, podendo este ser em frequência ou no tempo. O mascaramento em f requência ocorre quando um som que normalmente poderia ser ouvido é mascarado por outro, de maior intensidade, que encontra-se em uma frequência próxima. Ou seja, o limiar de audição é modificado (aumentado) na região próxima à frequência do som que causa o ocorrência do mascaramento, sendo que isto se deve à limitação da percepção de frequências do ouvido humano. O mascaramento em frequência depende da frequência em que o sinal se encontra, podendo variar de 100Hz a 4KHz. Em função deste comportamento, o que o método de compressão do MP3 faz é identificar casos de mascaramento em frequência e descartar sinais que não serão audíveis devido a este fenômeno. Além do mascaramento em frequência, temos ainda o mascaramento no tempo, sendo que este ocorre quando um som forte é precedido por um mais fraco que encontra-se em uma frequência próxima à do primeiro. Se o intervalo de tempo entre os dois for suficientemente pequeno, este som mais fraco não será percebido pela audição humana. Se um som é mascarado após um som mais forte, temos o chamado pós-mascaramento. No caso de um som ser mascarado antes do som mais forte, temos o que chamamos de pré-mascaramento. O pré-mascaramento existe só por um curto momento, cerca de 20ms, enquanto que o pós-mascaramento tem efeito por até 200ms. O método de compressão do MP3 utiliza-se portanto deste fenômeno, identificando casos onde o mesmo ocorre e descartando sons que seriam mascarados, o que permiter reduzir a informação de áudio consideravelmente sem mudança audível.

10 Reprodutores O programa reprodutor de MP3 mais popular e o primeiro é o Winamp, criadoprograma reprodutorWinamp pela NullSoft,NullSoft que posteriormente foi adquirida pelo conglomerado AOL Time-Warner. O MP3 também pode serAOL Time-Warner reproduzido em programas como o Windows Media Player da Microsoft, o QuickTime e o iTunes da Apple,Windows Media PlayerMicrosoftQuickTimeiTunesApple o RealPlayer da RealNetworks,RealPlayerRealNetworks o MusicMatch Jukebox do Yahoo!, o MediaMonkey, e o XMMS do Linux.Yahoo!MediaMonkeyXMMSLinux

11 MP4

12 Mp4 refere-se especificamente a MPEG-4 Part 14. Um padrão de container de áudio e vídeo que é parte da especificação MPEG-4. A extensão oficial do nome do arquivo é.mp4, por isso é comum vermos o formato ser chamado assim.[1][1] É similar ao popular AVI, mas traz algumas vantagens:AVI Suporte nativo a legendas embutidas (AVI também pode ter, mas só através de hacks como o usado no DivX6); Melhor suporte ao padrão de codificação de vídeo H.264, também conhecido como MPEG4 AVC. Estando codificado, um arquivo MP4 pode ter sido criado com diversos tipos de codec diferentes, incluindo DivX e XviD. Porém como DivX e XviD são relativamente bem atendidos pelo arquivo codificado AVI (que é muito mais popular), é mais comum você encontrar um MP4 que seja constituído por streams criados por codecs incomuns. MP4 é o codec escolhido pelo popular programa Nero Recode. Todo arquivo criado pelo Recode é um MP4. MP4 foi também o codec escolhido pela Apple para ser usado na 5a geração do iPod.Apple Também chamado de iPod Video. A diferença entre os dois e que no ipod o teclado tem sensor para trocar de musica, ou aumentar o volume e o Mp4 não. 6 Tocadores de MP4 Hoje, é muito comum encontrarmos no comércio brasileiro aparelhos com tela LCD sendo chamados deLCD "tocadores de MP4", sugerindo que sejam compatíveis com esse codec. Mas a maioria desses aparelhos é chamada assim simplesmente porque é capaz de reproduzir vídeo e para diferenciá-lo dos "tocadores de MP3", que só reproduzem áudio. Na realidade, quase todos esses aparelhos são incompatíveis com MP4, mesmo quando a palavra "mp4" está presente. O usuário é obrigado a processar seus filmes com um programa especial que os converte para o formato AMV ou outro formato similar de baixa resolução.[2]AMV[2] Devido à similaridade nos nomes, alguém pode ser levado a pensar que MP4 trata-se de uma evolução do já popular MP3, mas na verdade tratam-se de tecnologias distintas. MP3 é um codec de áudio, enquanto MP4 é um container de áudio e container de vídeo. Estando codificado, um MP4 pode inclusive conter um MP3.container de áudiocontainer de vídeo

13 Softwares compatíveis Amarok Banshee Music Player foobar2000 iTunes KSP Sound Player Media Player Classic MPlayer QuickTime Player RealPlayer The KMPlayer VLC media player Winamp Xine Nero Burning ROMNero Burning ROM (Nero ShowTime) PSPPSP (Playstation Portable) MP4


Carregar ppt "USB Flashdisk - Pen Drive. Memória USB Flash Drive, ( Pen Drive ) Também designado como Pen Drive, é um dispositivo de armazenamento constituído por uma."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google