A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Perfil do Jovem de Porto Alegre Secretaria Municipal da Juventude.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Perfil do Jovem de Porto Alegre Secretaria Municipal da Juventude."— Transcrição da apresentação:

1 O Perfil do Jovem de Porto Alegre Secretaria Municipal da Juventude

2 Metodologia O Estudo foi desenvolvido em três etapas: Entrevistas pessoais junto a amostra de jovens entre 15 e 29 anos, através de aplicação de questionários estruturados; Pesquisa Qualitativa com 20 jovens, através de entrevistas semi- estruturadas; Levantamento de dados em fontes secundárias.

3 Período de coleta de dados: Pesquisa Quantitativa - Os dados foram coletados nos meses de julho, agosto e setembro de Pesquisa Qualitativa – os dados foram coletados no mês de março de 2007.

4 Objetivo Identificar as características, anseios e necessidades dos jovens da cidade de Porto Alegre, com vistas a subsidiar a implantação de políticas públicas e ações voltadas ao público com idade entre 15 e 29 anos.

5 Principais Resultados

6 Características Sociodemográficas Distribuição segundo o Sexo do entrevistado Distribuição segundo os Grupos de Idade do entrevistado

7 Distribuição percentual Segundo a Cor/Raça Declarada

8 Escolarização 39,3% dos jovens têm como maior série concluída o terceiro ano do ensino médio; evidencia-se que as mulheres possuem níveis de escolaridade mais elevados do que os homens

9 A população de mulheres estudantes revelou-se mais expressiva do que a dos homens em todas as faixas etárias pesquisadas Distribuição Percentual de Estudantes por Grupos de Idade e Sexo

10 Distribui ç ão Percentual Segundo a Institui ç ão de Ensino

11 Distribuição Total e Percentual Segundo o Turno de Freqüência à Escola Mais da metade dos jovens afirmou ter desenvolvido ou estar desenvolvendo seus estudos no turno da noite (53,7%), outros 31,8% no turno da manhã e 13,4% à tarde

12 Distribuição segundo a Realização de Curso Profissionalizante A imensa maioria dos jovens porto-alegrenses, equivalente a quase 2/3 do total, não desenvolveu cursos além do ensino tradicional.

13 Arranjos Familiares Distribuição conforme a Situação de Moradia Distribuição conforme a Situação Familiar 60,7%, não possuía família própria e não morava só. 67,6% moravam em domicílios com os pais e/ou familiares e 29,5% moravam em domicílios constituídos pelos próprios jovens.

14 Trabalho e Renda Distribuição Percentual segundo a Classificação Econômica Brasil A pesquisa revela que a maioria absoluta dos jovens entrevistados encontrava-se nas faixas de consumo que se pode classificar como média baixa e baixa. Concentrando quase a metade dos jovens pesquisados, a Classe C detinha 45% do total.

15 Distribuição de Jovens com Trabalho Remunerado Os resultados indicam que 45,9% dos jovens participavam do mercado de trabalho desenvolvendo algum tipo de trabalho remunerado

16 A participação no mercado de trabalho é maior entre os homens do que entre as mulheres: dentre a população masculina, 49,8% exerciam trabalho remunerado enquanto atingia 42,1% o número de mulheres em igual situação. Distribuição Percentual de Jovens com Trabalho Remunerado Segundo o Sexo e Grupos de Idade

17 Distribuição dos Jovens Segundo a Condição de Trabalho Parcela expressiva dos jovens trabalhadores assalariados de Porto Alegre integra o mercado de trabalho formal, totalizando 43,1% de todo o universo pesquisado, contra um pouco mais de um quarto, ou 26%, que trabalha sem carteira assinada.

18 84,4%, divide-se entre o comércio, 43,9%, e o setor de serviços, 40,5%. Distribuição dos Jovens Segundo o Setor de Atividade

19 Renda Individual em Salários Mínimos Os vencimentos recebidos por grande parte destes jovens, perfazendo 70,4% de seu total, são de no máximo dois salários mínimos

20 A média dos rendimentos recebidos pelas mulheres era 22,5% menor em relação à recebida pelos homens e a faixa etária que apresentava a maior diferença era a dos 25 aos 29 anos Renda Média Individual, Segundo Sexo e a Faixa Etária

21 O vestuário, a alimentação e o lazer/festas são os que mais absorvem parcelas de ganhos. A escola/educação, a saúde e o transporte são os que menos pesam sobre os ganhos. Distribuição de Gastos

22 Condições Ideais para a sua Inserção no Mercado de Trabalho e Manutenção nos Estudos 67%, considera como a situação mais adequada aquela em que eles possam manter o trabalho e os estudos como atividades conjuntas.

23 Distribuição Percentual de Jovens que Trabalham e Estudam, Segundo a Faixa Etária e Sexo Apenas entre os jovens com idades entre 15 e 18 anos se verifica a ocorrência de um índice significativo de concomitância entre trabalho e estudo, 75%.

24 Como o Jovem Se Identifica Vantagem de ser Jovem Os jovens de Porto Alegre apontaram como vantagens prioritárias de ser jovem, o baixo grau de responsabilidade e a pouca preocupação e os poucos compromissos.

25 Desvantagem de ser Adulto Os jovens apontaram como desvantagem do mundo adulto questões relacionadas à responsabilidade, às obrigações e aos compromissos que os adultos devem responder.

26 Grau de Satisfação do Jovem, Segundo a Faixa Etária Pode-se afirmar que o grau de satisfação do jovem porto-alegrense é bastante elevado, já que a quase globalidade dos entrevistados, ou 93,5% deles, se declarou feliz e satisfeito consigo mesmo ou muito feliz e muito satisfeito consigo mesmo.

27 Importância atribuída pelos jovens a diferentes fatores para a sua felicidade pessoal

28 Cultura, Esporte e Lazer Tipos de esportes praticados pelo Jovem Através de respostas múltiplas, constatou-se que o futebol foi indicado, com folga, como sendo o esporte mais praticado pelos jovens porto-alegrenses, seguido das caminhadas e do vôlei

29 Atividades Socioculturais que desenvolve A freqüência a parques, com cerca de 80% das citações, e a presença em festas, bares e danceterias, com quase 70%, são as atividades socioculturais praticadas por mais jovens porto-alegrenses.

30 Estilo de Música que mais agrada ao jovem Quanto aos estilos de músicas mais apreciados pelos jovens porto-alegrenses, através de livre citação e com menção múltipla, apareceu em primeiro lugar o pagode, com mais da metade das citações, seguido do funk, do hip hop e do reggae, todos com cerca de 40%.

31 Cidadania, Responsabilidade Social e Participação Política Meio de transporte mais utilizado para se deslocar dentro de POA

32 Participação Social e Política Ainda que os jovens porto-alegrenses dediquem pouca atenção às questões espirituais, sua participação em atividades desenvolvidas por igrejas e grupos religiosos, que atingem pouco mais de 20% do total dos respondentes, revelou-se muito maior do que a declarada nos programas e ações voluntárias

33 Vulnerabilidade Social Tratamento dispensado aos jovens O lugar dos jovens na sociedade Apoio e discriminação aos jovens

34 Vitimização dos jovens de Porto Alegre Constatou-se que as incidências de roubos e furtos são muito altas, tendo atingido, quando somadas, mais de 70% dos respondentes.

35 Avaliação que os jovens de POA fazem de si mesmos em relação à prevenção de gravidez e doenças sexualmente transmissíveis A avaliação que o jovem faz de si mesmo em relação à prevenção da gravidez e doenças sexualmente transmissíveis é bastante positiva, atingindo a nota média de 9,2. As mulheres, em quaisquer das três faixas etárias observadas, declararam-se um pouco mais satisfeitas do que os homens quanto à prevenção da gravidez e doenças sexualmente transmissíveis

36 Avaliação que os jovens de POA fazem de si mesmo em relação ao consumo de cigarros, bebidas e outras drogas Parte expressiva fez auto-avaliações negativas sobre sua relação com o consumo de cigarros, bebidas alcoólicas e outras drogas. Em muitos casos, foi observado, durante a coleta dos dados no campo, que o que os entrevistados consideravam negativo era o consumo dessas drogas e não a sua relação com elas.

37 RespostaN% Nenhum126860, ,2 2723,4 3150,7 4 ou mais60,3 Total ,0 Constatou-se que apenas cerca de 40% deles possuem microcomputadores em suas residências e, nelas, apenas pouco mais de 30% possuem conexões com a internet Número de microcomputadores que possui em casa Acesso às Tecnologias de Comunicação

38 Tipo de sitesN% Orkut2829,36 Pesquisa13013,58 Portais**868,99 Notícias/esporte/games/chat555, ,72 Outros***38039,60 Total ** Ig, Bol, Yahoo, MSN, etc. *** Emprego; entretenimento; música, etc. Tipo de sites que costuma visitar na internet

39 TipoN% Assiste televisão ,2 Ouve Rádio ,9 Navega pela Internet98647,0 Comunica-se pela Internet89242,5 Utiliza telefone celular ,1 Lê jornais, revistas, livros de literatura ,3 95% dos entrevistados declarou assistir televisão, cerca de 90% ouvir rádio, quase 80% utilizar telefone celular e ter hábito de leitura de jornais, revistas e livros de literatura e pouco menos de 50% navegar e se comunicar pela internet. Utilização das mídias eletrônicas

40 Tipo de programa de TV que costuma assistir Tipo ProgramaN% Esportes1517,60 Filmes/Seriados26813,4 Música723,63 Noticiários24912,54 Novelas63732,07 Diversos643,22 Vários49524,93 Outros502,52 Total os tipos de programas mais assistidos são as novelas, com mais de 32% das citações, e os noticiários, com apenas pouco mais de 1/3 das preferências frente à primeira referência, ou seja, com pouco mais de 12%.

41 Tipo de emissorasN% Rádios Jovens**21011,1 Rádios Populares***1678,8 Geral****32717,3 Outras241,3 Esportes251,3 Jornalismo/documentário/Entrevistas170,9 Música ,8 Não resposta462,4 Total ,0 Tipo de emissoras e de programas de rádio que costuma ouvir ** Incluem-se nesta categoria as rádios: Ipanema; Atlântida; Pop Rock; Jovem Pan; Cidade. *** Incluem-se nesta categoria: Eldorado; Metro; Continental; Cultura FM; Antena 1; Itapema; Alegria; Farroupilha e Gaúcha.

42 Telefone CelularN% Pré-pago (cartão) ,1 Pós-pago (conta)21112,9 Tipo de conta de telefone celular que costuma utilizar

43 Políticas públicas / Atuação da Secretaria Municipal da Juventude/PMPA PrioridadeN% Educação, ensino69933,3 Saúde, atendimento médico e hospitalar 60328,7 Trabalho e renda dos jovens57527,4 Cultura, esporte e lazer934,4 Participação política e social844,0 Meio ambiente462,2 Total ,0 Prioridades da Secretaria Municipal de Juventude

44 PosiçãoTrabalhoEducaçãoSaúdeCulturaMeio ambiente Participação política 127,433,328,74,42,24,0 227,033,024,86,44,34,2 322,617,228,813,99,68,1 411,96,49,036,619,116,9 56,75,75,221,544,716,2 64,54,43,617,220,150,5 Total100,0 Prioridades da Secretaria Municipal de Juventude

45 Prioridades no interior de cada área Os jovens porto-alegrense declararam-se favoráveis a que seja priorizado: a) na área do trabalho e renda, seja a preparação do jovem para o trabalho, com mais de 50% das citações; b) na área da educação, em um quase empate na casa dos 30%, sejam o oferecimento de cursos pré-vestibulares para os jovens sem condição de pagá-los e o apoio à retomada dos estudos por parte dos jovens que não estão na escola; c) na área da saúde, a prevenção das doenças sexualmente transmissíveis e da gravidez precoce, com quase 50% das referências; d) na área da cultura, o incentivo à expressão cultural por intermédio da realização de concursos, mostras e festivais; e) na área do meio ambiente, a realização de ações de limpeza, preservação e recuperação do meio ambiente e a conscientização sobre a necessidade de preservação do meio ambiente, ambas com mais de 30% das referências; f) na área da participação política e social, o apoio ao trabalho voluntário e à participação em ambientes políticos da sociedade, também com cerca de 30% de lembrança cada uma delas.

46 Resumindo: o Perfil do Jovem Porto-alegrense Em termos sócio-demográficos: é do sexo feminino (50,6%); têm entre 19 e 24 anos (42,2%), de tez branca (60,5%), estudou até a 3ª série do Ensino Médio (39,3%), em escola pública (70%), no turno noturno (53,7%) e não fez curso profissionalizante (61,8%). pertence à classe C (45%). 54,1% não exerce atividade remunerada; entre os que exercem, 59% come ç aram trabalhar entre 15 e 19 anos; 43,1% possuem carteira assinada

47 Atribuí notas entre 9,6 e 9,5 ao desejo de relacionar-se bem com sua família e amigos, poder trabalhar e estudar e não sofrer discriminação social de qualquer tipo O jovem considera que a maior vantagem da juventude é o fato de ter um baixo grau de responsabilidade e preocupação (21,8%) e a que a maior desvantagem de ser jovem é depender dos pais (16,9%). 90% considera-se feliz e satisfeito consigo; É bastante vinculado a pessoas e grupos (47,8%), Adora música (57%), Gosta muito de sua casa (87%), Gosta de festas (51%) e de trabalhar (51%) E gosta um pouco menos de estudar (44,5%). Espera ter um futuro muito bom (52,1%) e Afirma que sua vida atual vai bem (45,3%).

48 Não possui computador em casa (60%)entre a parcela que possui, a grande maioria possui apenas uma máquina (60%) e uma conexão à internet (60%). Assiste TV (95%) e rádio (90%), vê novelas (32%), freqüenta o Orkut (24%) e lê, mais do que tudo, jornais (72,5%). Joga futebol (43,3%) e esportes coletivos (54,5%), mas não é muito assíduo praticante (54,2%). Freqüenta parques e praças (79,9%), Vai a festas, bares e danceterias (68%) e aos shoppings centers (64,6%) Faz refeições fora de casa (64,2%), mais do que vai ao cinema (48,1%). Vai à boates e raves (20,1%) e à shows de pagode (20,3%). Sendo que o pagode é o estilo de música de sua preferência (56%). Entende que as prioridades da Secretaria Municipal de Juventude da Juventude de Porto Alegre devem estar voltadas para atividades associadas à educação e ensino (33,3%), Saúde (28,7%) e trabalho e renda (27,4%), Deixando em segundo plano às ligadas à cultura, esporte e lazer (4,4%), participação política e social (4%) e ao meio ambiente (2,2%).


Carregar ppt "O Perfil do Jovem de Porto Alegre Secretaria Municipal da Juventude."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google