A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O PICO DO PETRÓLEO E O DESTINO DA HUMANIDADE Capítulo 9A – O que podemos fazer ao nível individual Por Robert Bériault Tradução por Luís de Sousa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O PICO DO PETRÓLEO E O DESTINO DA HUMANIDADE Capítulo 9A – O que podemos fazer ao nível individual Por Robert Bériault Tradução por Luís de Sousa."— Transcrição da apresentação:

1 O PICO DO PETRÓLEO E O DESTINO DA HUMANIDADE Capítulo 9A – O que podemos fazer ao nível individual Por Robert Bériault Tradução por Luís de Sousa

2 O que podem os humanos fazer para amenizar a aterragem?

3 Um palavra de cautela: Não leves à letra o que digo. Sou incapaz de prever o futuro como qualquer outra pessoa. Os conselhos que se seguem resultam de muitas fontes, da minha própria experiência e da análise dos factos expostos nos capítulos anteriores. Mas penso que a maior parte fará sentido para ti.

4 Vejamos os diferentes níveis a que a acção pode ser levada a cabo:  1- Nível individual  2- Nível da vizinhança/bairro  3- Nível Municipal  4- Nível estatal ou nacional  5- Nível global

5 1- Nível individual  Não penso que haja preparação possível a nível individual para o pior, ou seja: um total colapso social ou uma guerra global.  Mas podemos impedir que esses desatres aconteçam no nosso país se o governo agir a tempo de mitigar os efeitos da escassez de energia.  Se o governo não fizer o que é necessário, penso que o país sofrerá apenas uma recessão gradual a cada passo pior. E talvez consigamos estabelecer uma economia estável, mas ´num nível de vida muito inferior ao que temos hoje.  Nesse caso, os indivíduos podem planear a sua própria sobrevivência.

6 1- Nível individual: Os indivíduos que se querem proteger provavelmente irão viver para perto do centro das cidades ou do seu local de trabalho, a curta distância dos serviços.  Quando os suburbios de casas luxuosas colapsarem, ficaremos contentes por viver em casas pequenas mais perto do centro.

7 1- Nível individual: Actividades culturais e desportivas terão de estar mais perto de casa.

8 1- Nível individual: Se possível, controi uma casa super-isolada. Não podendo, repara uma casa antiga com grandes quantidade de isolante e selagem que impeçam a infiltração de ar. Instala um Recuperador de Calor para renovar o ar.  Os preços dos combustíveis de aquecimento e da electricidade crescerão astronómicamente assim que entrarmos na fase de esgotamento.  Mais importante que o preço será a disponibilidade.  A escassez de energia resultará em apagões nas alturas mais frias ou quentes do ano.  Quando os longos apagões se tornarem frequentes, a nossa casa super isolada impedirá que a água congele nos canos, e nós de sermos miseráveis.

9 1- Personal Level: Quando a fase de declínio estiver instalada, as pessoas passarão a viver mais juntas, abandonando os subúrbios.  Então, porque não construit um pequeno apartamento na cave ou no sótão enquanto os materiais estão disponíveis? Esta poderá ser uma fonte de rendimento extra para ajudar a pagar os altos custos de energia do futuro.

10 1- Nível individual Equipa a tua casa com uma lareira fechada. Mantem um mínimo de lenha para duas semanas num sítio seguro.  Fá-lo agora enquanto os materiais são baratos.  Em 2002 um apagão na América do Norte deixou 55 milhões de pessoas sem electricidade  Algures no futuro isto tornar-se- á normal.  O governo pode não ter fundos para nos ajudar nessa altura.

11 1- Nível individual: Faz as obras agora (chão, casa- de-banho, cozinha, etc.) As nossas casas devem necessitar do mínimo de manutenção: janelas, tapumes, soalhos.  Estes são luxos que não poderemos pagar no meio da crise petrolífera.  Ou os materiais necessários para fazer estas coisas podem já não estar disponíveis.

12 1- Nível individual: Penso que toda a gente deve aprender um pouco de jardinagem e cuidar pelo menos de um pequeno jardim na sua propriedade.  Produtos de climas quentes podem deixar de ser importados. Se forem a família média pode não ter dinheiro para os comprar.  Embora não possamos viver do nosso jardim de cidade, ele poderá dar-nos o prazer de pequenas coisas que nos trarão conforto em tempos difíceis. Jardins no topo dos edifícios desencorajam o roubo.

13 1- Nível individual: Aprende técnicas de conservação de alimentos: Enlatados, Fumados, Secos e Salgados E se possível controi uma dispensa fresca na tua cave.  Produtos frescos transportados para os países frios só chegarão à mesa dos ricos.  Para aqueles que não são ricos e querem comer bem, aprender a conservar a fruta e os vegetais produzidos localmente pode ser uma benção.

14 1- Nível individual: Equipa a tua cozinha com utensílios eficientes: Panelas e tachos de fundo razo, fritadeira eléctrica, panela de pressão.  Fá-lo agora enquanto a energia é barata e tudo está disponível.  Se esperares até chegar o declínio estas coisas poderão ser difíceis de encontrar.

15 1- Nível individual: Aqueles que nunca aprenderam a cozinhar é bom que o façam agora.  Alimentos pré-cozinhados só estarão disponíveis para os endinheirados.  Mais ainda, pode não haver outra escolha.

16 1- Nível individual: Aprende a cozer e compra uma máquina de cozer agora que são baratas.  A roupa descartável de hoje em dia não é feita para durar, teremos que aprender a repará-la para que dure mais tempo.  Também beneficiaremos se soubermos fazer a nossa própria roupa. Uma máquina mecânica não usa electricidade e é fácil de raparar.

17 1- Nível individual: Será bom aprendermos a reparar as nossas coisas. Faz cursos de reparações e de mecânica. Compra agora as ferramentas de que precisa enquanto são baratas.  Quando a vida ficar difícil, estaremos entre os sobreviventes se consigormos repara coisas e fazê-las nós próprios.

18 1- Nível individual: As nossas finanças:  Livrar-nos de todas as dívidas.  Pagar as rendas na totalidade.  Nunca comprar coisas a crédito (inclusive automóveis) Ningém quer estar em dívida se as taxas de juro dispararem para 15%, 30% ou 60%.

19 1- Nível individual: As nossas finanças:  Provavelmente vai ser preciso o petróleo chegar a 100 $ por barril para as infraestruturas turísticas, como estações de ski, navios de cruzeiro e parques temáticos começarem a sofrer.  Temos de ter a consciência que nunca mais vai haver crescimento no mercado do turismo.  Aqueles que possuem acções de qualquer coisa relacionada com o turismo deve estar atentos e vendê- las assim que possível.

20 1- Nível individual: As nossas finanças :  Se tens acções relacionadas com a indústria aeronáutica, planea livar-te delas antes que o declínio começe. Esta aeronave extraordinárina ficará para a história como uma das loucuras da humanidade.

21 1- Nível individual: Aqueles que precisam de perder peso devem fazê-lo agora, de modo a estarem em forma quando a vida se tornar difícil. Isto deve incluir uma dieta saudável e equilibrada, menos centrada na carne e com mais gramíneas e cereais.  Quando começar o declínio, o nosso sistema de saúde, que depende inteiramente de abastecimento descartável e energia, provavelmente colapsará.  Nãp será uma boa altura para estar doente. Temos de nos pôr em forma.

22 1- Nível individual: Os que têm idade avançada: Farão bem em mudar-se para uma casa preparada para cadeiras de rodas. Os que vivem sozinhos poderão mudar-se para viver com outra pessoa, preferivelmente mais nova e em melhor forma. Por causa do slto desemprego e das falências, os governos não serão capazes de recolher os impostos necessários para responder Às crescentes necessidades de saúde e serviços sociais.

23 Aqueles que vivem em prédios … devem considerar estas questões: Como passarei quando os apagões se tornarem regulares? Conseguirei subir até ao meu andar com facilidade pelas escadas? As janelas do meu apartamento abrem? O meu prédio necessita de um sistema de pressurização de água próprio (eléctrico)? Devo considerar vender o meu apartamento agora que o mercado está favorável? Que tipo de sistema de aquecimento de emergência tem?

24 Donos destes beberrões de combustível têm de estar conscientes que quando o petróleo declinar, os preços altos serão um facto permanente da vida. Talvez devam manter atenção aos preços e antes que fiquem altos demais, pô-los à venda e não regatear muito pelo preço. É melhor cedo de mais que tarde de mais. E porque não aprender a velejar?

25 1- Nível individual: Devemos aprender o máximo que podermos sobre a situação e difundir esse conhecimento: Richard Heinberg Colin Campbell Jean Laherrère Matthew Simmons  Trazendo os assuntos de Sobrecarga e do Pico do Petróleo às nossas conversas  Dizendo a toda a gente que conhecemos esta apresentação.  Pode ser descarregada, gravada num CD e distribuída.

26 1- Nível individual Se estás na escola secundária e pensas escolher uma profissão ou um negócio que serão necessários durante o declínio económico, podes considerar as seguintes:

27 Como ganhar a vida em tempos difíceis PROFISSÕESNEGÓCIOS SoldadorLoja de roupas usadas CanalizadorMercearia ElectricistaCasa de Bowling Reparador de electrodomésticosCasa de Snooker Mecânico de motores pequenosBar/Café Mecânico de automóveisLoja de bicicletas Técnico e saúdeSapateiro (reparação) Medicina não tradicionalSistemas de alarme e vídeo Trovadores e comediantesVinho e Distilaria PadreCabeleireiro Técnico de SegurançaPlantação de marijuana Alfaiate ou CustureiraEstafeta privado Agricultor Escreve-me se conheceres outras

28 Outra lista enviada por um leitor: Norm Erickson of Rochester, MN Vendedor de lenha Limpa-chaminés Sapateiro Jardineiro Marceneiro Carteiro (usando bicileta) Produtor de biodiesel (visita: Remodelador (subdividir vivendas) Venda/reparação de bicicletas/scooters Operador de serração Professor de técnicas básicas de sobrevivência: Procriação de animais, talhante, conservação de alimentos, etc. Técnico de sistemas de segurança Constructor de casas alimentadas a energia solar passiva e/ou energia geotérmica, recorrendo a materiais locais Sucateiro Ferreiro Constructor de celeiros Técnico de sistemas solares Consultor de eficiência energética Tecelão Maquinista Vendedor de ferramentas Pintor Merceeiro Produtor de leite Leiteiro (transporte) Pescador/pisci-agricultura Padeiro Jardineiro de estufa Operador de câmaras frigoríficas Operador de fábrica de gêlo Trabalhador de restauração Escreve-me se conheceres outras

29 Quando o choque energético se tornar uma realidade cada vez pior, teremos todos de viver mais localmente. É sobre isso que fala o Capítulo 9B…


Carregar ppt "O PICO DO PETRÓLEO E O DESTINO DA HUMANIDADE Capítulo 9A – O que podemos fazer ao nível individual Por Robert Bériault Tradução por Luís de Sousa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google