A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IBAD – PINDAMONHANGABA/SP Formação, Estabelecimento e Expansão do Cristianismo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP Formação, Estabelecimento e Expansão do Cristianismo."— Transcrição da apresentação:

1 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP Formação, Estabelecimento e Expansão do Cristianismo

2 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Os Evangelhos se constituem as mais belas de todas as literaturas neotestamentárias, uma vez que retratam de forma simples e objetiva a trajetória do Cristianismo desde sua mais remota origem, à gênese dos fundamentos norteadores de toda sua estrutura.

3 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  O Evangelho de Mateus agrega em si simplicidade e fonte dos ensinamentos de Jesus assim como sua obra.Por isso veremos alguns desses pontos como: autoria; possível data de escrita entre outras.  1.1 – Autoria  É atribuída por vários pais da igreja (0s sucessores dos apóstolos) a Mateus, o discípulo ex-publicano. ▪ Mateus, o Cobrador de Impostos ▪ Mateus, o Escritor

4 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.2 – Data da Redação  Uma possível data para Mateus é 60 d.C, na concepção dos mais conservadores estudiosos.  1.3 – Local da Redação  É provável que tenha sido Antioquia da Síria,pois é muito amplo seu uso naquela região, o que traz certo apoio para tal hipótese.

5 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.4 – Destinatários  O propósito primário do Evangelho de Mateus certamente foi alcançar os judeus recém convertidos ao cristianismo,que moravam nas regiões da Síria e Ásia Menor.  1.5 – Tema  Baseando-se nos fatos narrados um tema para Mateus é: Jesus, o Messias Prometido no Antigo e Revelado no Novo Testamento.

6 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.6 – Propósito  O propósito deste evangelho é fornecer de forma sistemática, informações básicas mas de fundamental importância sobre o Messias.  1.7– Esboço I – A Apresentação do Messias II – O Ministério de Jesus na Galiléia e Arredores III – O Auge do Ministério Messiânico de Jesus na Judéia,Peréia e em Jerusalém IV – A Prisão, Julgamento e Crucificação de Jesus V – Ressurreição de Jesus

7 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Considerado o primeiro dos evangelhos, Marcos tem vinte e cinco por cento de sua narrativa é dedicada a falar sobre a Paixão de Cristo.  2.1 – Autoria  Papias de Hierápolis e Eusébio de Cesaréia afirmam que a autoria deste Evangelho é João Marcos o mesmo mencionado em Atos dos Apóstolos. ▪ – Marcos, o Companheiro de Viagem ▪ – Marcos, o Intérprete de Pedro

8 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.2 – Data da Redação  Existe uma grande divergência sobre a possível data para a escrita de Marcos,mas uma dentre todas parece ser a mais apropriada é entre 64 e 67 d.C se o mesmo foi escrito em Roma.  2.3 – Local da Redação  O local atribuído para a escrita do Evangelho de Marcos é a cidade de Roma.

9 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.4– Destinatários  A comunidade, para à qual o evangelho se destina era essencialmente composta por gentios, que haviam se convertido ao Cristianismo.Entretanto algumas dúvidas surgem apenas sobre qual igreja o teria recebido.  2.5 – Tema  O tema central do Evangelho segundo Marcos é Cristo, o Poderoso Messias de Deus,e tem por objetivo mostrar as atividades realizadas por Jesus.

10 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.6– Propósito  O propósito deste livro é oferecer aos seus leitores e consolo necessário para enfrentarem as terríveis tribulações daqueles dias,levando-os a lembrarem do supremo propósito da vida e obra de Cristo.  2.7 – Esboço do Livro  I-A Preparação para o Ministério de Jesus  II-O Ministério Inicial na Galiléia  III-O Ministério Posterior na Galiléia  IV-O Ministério Além da Galiléia  V-A Caminho de Jerusalém  VI-A Semana da Paixão  VII-A Ressurreição de Jesus

11 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  O terceiro evangelho, Lucas, é o mais extenso evangelho e também possui ao lado de Hebreus, o melhor texto grego do Novo Testamento.Nesta etapa estudaremos: A autoria, Lucas o Médico, Lucas o Historiador, data da Redação, local da redação, destinatários, tema, propósito e as fontes utilizadas pelo autor durante a composição do seu livro.

12 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.1 – Autoria  É atribuída a Lucas, o médico, que não era um dos apóstolos, mas é mencionado em outros escritos de Paulo. ▪ Lucas, o Médico ▪ Lucas,o Historiador

13 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.2 – Data da Redação  Uma possível data para a redação de Lucas é entre 60 e 63 d.C.  3.3 – Local da Redação  É incerta haja vista que a reunião do material escrito por Lucas foi feita durante suas viagens, mas alguns sugerem que Antioquia da Síria pode ter sido o local de sua origem.

14 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.4 – Destinatários  Teófilo é o primeiro destinatário, mas provavelmente um patrocinador da pesquisa feita por Lucas, os destinatários certamente são gentios de mente grega.  3.5 – Tema  O tema principal do Evangelho de Lucas é “ O Filho do Homem veio buscar e salvar o perdido”.

15 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.6 – Propósito  O propósito de Lucas, neste caso, era apresentar a Cristo como o homem perfeito, autor de uma obra perfeita, um grande e compassivo Médico, Mestre e Profeta.  3.7 – Fontes Utilizadas  Lucas por não ter sido uma fonte ocular utilizou- se de outras fontes para redigir seu evangelho entre elas Marcos, Fonte Q e Fonte L.

16 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.8– Esboço do Livro  I – Prefácio  II – A Vida do Salvador  III – Preparação do Salvador para o Seu Ministério  IV – Ministério na Galiléia  V – A Viagem Final de Jesus a Jerusalém  VI – A Semana da Paixão  VII – Ressurreição e Ascensão

17 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Em decorrência de sua forma toda peculiar de relatar a história do Salvador, sendo profundo em suas considerações e, ao mesmo tempo, tão claro que qualquer criança é capaz de assimilar a sublimidade do amor de Deus desvelado em Cristo,que o Evangelho Segundo João é tido como o texto mais interpretativo de todo o Novo Testamento.

18 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.1 – Autoria  Evidencias como: o autor ser um entre os apóstolos,ser um judeu,uma testemunha ocular e ser natural da Palestina, indicam a autoria para João o Apóstolo. ▪ João,o Discípulo Amado ▪ João, o Teólogo

19 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.2 – Data da Redação  Segundo evidências como a descoberta dos “Manuscritos P”, uma provável data para esse evangelho é entre 70 e 90 d.C.  4.3 –Local da Redação  Muitos historiadores supõem que Éfeso, seja a cidade onde João estava quando escreveu seu Evangelho.

20 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.4 – Destinatários  Os destinatários deste último Evangelho não eram pessoas desprovidas de conhecimentos acerca das verdades de Cristo,a ponto de necessitarem de informações basilares, tais como a genealogia e o nascimento virginal de Jesus cujo objetivo é demonstrar Sua origem humana e divina.  4.5 –Tema  O tema do evangelho de João é a “Encarnação do Verbo”.

21 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.6 – Propósito  O propósito desse evangelho é sustentar a afirmativa “Que Jesus é o Cristo, e o único nome em que se tem Vida Eterna”.  4.7 –Fontes Utilizadas  Diferentemente dos outros evangelistas,João utiliza outras fontes,que deixam seu evangelho,único diante dos sinópticos,além de existir a possibilidade dele ter utilizado a tradição para compor seus escritos. ▪ João-Marcos ou João-Lucas ▪ João -Tradições

22 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.8 – Esboço do Livro  I-Apresentação do Verbo  II- Os Sinais e Sermões de Cristo Diante de Israel e a Sua Rejeição  III- Cristo e o Começo do Povo do Novo Concerto

23 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Os Sinópticos,como são chamados Mateus, Marcos e Lucas,constituem um capítulo de grande importância no estudo introdutório do Novo Testamento, pois trazem pontos diferentes a respeito de um mesmo evento sem, contudo, se contradizerem.  5.1 – Etimologia  Proveniente de duas palavras gregas,”syn” (junto com) e “ópsis” (ótica,vista,visão),Sinóptico significa literalmente “Ver Junto”,”ter a mesma visão”.

24 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  5.2 – Origem dos Sinópticos  Os sinópticos são livros interligados por um certo fio condutor que os une. Isso nos leva a várias posições em relação à sua origem. ▪ Hipótese A - documental ▪ Hipótese Mono-Documental ▪ Hipótese Bi-documental ▪ Hipótese Tetra-documental

25 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP ▪ Tradição Antioquiana ▪ Tradição Cesareana ▪ Fonte “Q” ▪ Proto-Marcos  5.3 – Quadro Comparativo dos Evangelhos Sinópticos


Carregar ppt "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP Formação, Estabelecimento e Expansão do Cristianismo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google