A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Perfil do Cristão Estudo 2 O Poder do Perdão José Adelson de Noronha Baseado em Estudo Bíblico do Pr. Marco Antônio.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Perfil do Cristão Estudo 2 O Poder do Perdão José Adelson de Noronha Baseado em Estudo Bíblico do Pr. Marco Antônio."— Transcrição da apresentação:

1 O Perfil do Cristão Estudo 2 O Poder do Perdão José Adelson de Noronha Baseado em Estudo Bíblico do Pr. Marco Antônio de Sousa

2 O que é a Morte? Morte significa separação. A morte física é a separação da alma do corpo e a morte espiritual é a separação eterna da alma da presença santa de Deus (Ap 21:8). Por isso a nossa necessidade de perdão de pecados!

3 Como ser perdoado? Se me arrepender agora, o Senhor me perdoa? SIM!E não ensinarão mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor deles até o maior, diz o Senhor; pois lhes perdoarei a sua iniqüidade, e não me lembrarei mais dos seus pecados. (Jr 31:34)

4 Deus está sempre pronto a perdoar e fica feliz ao fazer isso, pois deu o seu Filho unigênito (Jesus Cristo) para isso.Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna (Jo 3:16)

5 O que Acontece Quanto Recebo o Perdão? Você começa a experimentar o amor de Deus (beijos e abraços), vida nova e santa (roupas), autoridade (anel), liberdade para viver (sandálias), muita comunhão (festa), certeza da vida eterna, etc... O perdão precede cura e a maravilhosa VIDA DE CRISTO (Jo 10:10).

6 O que Acontece se recuso o Perdão? Você continuará impuro, separado do amor de Deus, sem vida verdadeira, sem autori- dade, sem liberdade, escravo do pecado, sem comunhão com Deus, sujeito a enfermidades, tormentos, em horrível expectação de juízo (Hb 10:26).

7 O que preciso fazer para ser perdoado? 1. Precisa reconhecer que é pecador e querer ser perdoado (Lc 18:13-14). Como Deus vai perdoar alguém que não reconhece que é pecador e quer ser perdoado?

8 Isto é o arrependimento! (At 2:38). A escritura diz que sem arrependimento não há remissão de pecados, pois o arrependimento é o desejo de mudança de vida (Lc 3:8, At 26:20).

9 2. Confessar os pecados (Mt 3:6). Quando reconhecemos a culpa e confessamos, rece- bemos o perdão como o Rei Davi recebeu (Sl 32:5) e como João ensinou (1ª Jo 1:9). 3. Deixar os pecados (Pv 28:13). Se quisermos ser perdoados, além de confessar devemos ter o propósito de não mais pecar (Jo 8:11).

10 Devemos perdoar também O perdão que recebemos só permanece se perdoarmos os que nos ofenderam (Mt 6:14-15), lembrando que Cristo nos perdoou (Ef 4:32). Perdoar a quem? A TODOS que nos ofenderam inclusive nós mesmos.

11 Finalmente devemos pedir perdão e perdoar em nome de Jesus. Porque? Porque o pecado é um débito que nós não po- demos pagar, mas Jesus pagou na cruz por nós. O crédito pertence a Ele e só Ele pode nos dar este crédito. NEle, Deus o Pai, pode nos perdoar completamente, mantendo sua justiça (Mt 1:21, 1ª Jo 2:12).

12 Quando alguém pecava no passado, levava um cordeiro sem defeito ao sacerdote, im- punha as mãos sobre ele, confessava o peca- do e o matava, derramando o sangue no altar. Saía feliz por haver pago o pecado através do derramamento de sangue justo. Mas isso era apenas uma figura, pois sangue de animais não pode remir o ser humano.

13 Mas Jesus, sendo Deus, se fez humano e como o cordeiro do passado derramou seu sangue justo e levou sobre si no madeiro, todos os nossos pecados (Is 53:4-5). Que oportunidade maravilhosa Deus nos dá. Não é necessário tentar entender este grande mistério, mas crer que Deus fará o que prome- teu àquele que receber pela fé o sacrifício de seu Filho Jesus.

14 Como Confessar meu Pecado? 1. Com sua boca, falando diretamente ao Senhor Jesus e reconhecendo sua culpa (1ª Jo 1:9). 2. Com sua boca, tendo como testemunha alguém que ama e serve de fato ao Senhor. Imediatamente será perdoado e coisas maravilhosas começarão a acontecer (Tg 5:16).

15 O outro lado da moeda: Como perdoar aos que me ofenderam? Da mesma forma que você foi perdoado através do sacrifício de um inocente, sacrifique seus direitos de ficar magoado e libere o perdão pela fé a todos os que te ofenderam e então haverá a confirmação da promessa Perdoai e sereis perdoados (Lc 6:37).

16 O RESSENTIMENTO O ressentimento ou amargura é o veneno que mais tem destruído vidas no mundo em que vivemos. Ressentimento é falta de perdão. É sentir novamente, tornar a viver uma ocorrência através das lembranças; magoar-se.

17 Muitos dos problemas existentes a nossa volta como: desentendimento familiar, falta de unidade e harmonia entre cônjuges, pais e filhos, problemas de solidão, depressão, descontrole emocional, vários casos de enfermidades psicossomáticas e até loucura, podem ser conseqüências diretas da falta de perdão na vida de uma pessoa.

18 A liberdade que tanto se busca para uma vida plena e vitoriosa física, emocional e espiritual está diretamente condicionada a atitude de perdão incondicional e constante e perdoa- nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos nossos devedores (Mt. 6:12).

19 O RESSENTIMENTO CAUSA: 1.Separação de amigos e familiares 2.Problemas psíquicos 3.Enfermidades 4.Suicídio causado por depressão aguda ou desespero proveniente de profunda decepção. 5.Assassinato. Resultado de ódio e desejo de vingança.

20 O RESSENTIMENTO NA IGREJA: A.Impede a comunhão com Deus e o desenvolvimento de relacionamentos sadios entre irmãos.

21 B.Causa divisões entre famílias, membros que acabam se mudando para outras igrejas por não suportarem a presença dos problemáticos, como também a própria divisão da igreja. Muitas igrejas, congregações e denomi- nações nasceram de problemas não resolvidos entre irmãos e entre lideranças.

22 C.Impede a graça de Deus nas nossas vidas (Hb 12: 15).

23 Quando perdoamos, liberamos cura ao nosso corpo, à nossa alma e ao nosso espírito. Muitos destes problemas são causados por ressentimentos. O perdão é proteção contra conflitos espirituais, emocionais e psicológicos

24 Espírito perdoador (Lc 17:4; Ef 4:32; Cl 3:13). Se mantivermos um espírito perdoador, não ficaremos abatidos quando feridos ou decepcionados com outras pessoas

25 CARACTERÍSTICAS DO PERDÃO:. É um mandamento aos filhos de Deus (Mt 18:21-22);. É universal O modelo é como o Senhor nos perdoa. Abrange todas as pessoas, de todas as raças, línguas e culturas (Lc 23:34).

26 Algumas pessoas mantêm uma antipatia por determinadas culturas por causa da história ou algum filme que assistiu, ou ainda por causa de algum fato negativo envolvendo pessoas desta cultura ou nação, e acabam projetando esse sentimento de uma forma generalizada.

27 . Tem que ser uma atitude constante Independente da pessoa se arrepender ou não. (Pv 10:18; Mt 18:23 a 35).

28 . É uma escolha que fazemos e não uma emoção (Cl 3:13) Uma das razões para a falta de poder nas nossas vidas e igreja é a falta de perdão, pois quebra a comunhão e impede o fluir de Deus (1ª Jo 1:7).

29 Uma atmosfera de santidade e pureza manifesta o poder de Deus. Pureza está vinculada a COMUNHÃO que mantemos uns com os outros, o que depende de mantermos um espírito perdoador. (1 o Jo 3:15) EXEMPLO: Fulano para mim está morto!!! INDIFERENÇA !!! (1ª Jo 4:20; Rm 12:18)

30 COMO DEVEMOS PERDOAR 1) Tomar a decisão de perdoar a pessoa (escolher) - Mc 11: ) Depender da Graça de Deus e aceitá-la pela Fé - 1ª Pe 1:13 e 2ª Tm 2:1. 3) Voltar (ou começar) a fazer o melhor possível para a pessoa - (1ª Pe 3:8-9).

31 Disciplinar os pensamentos não aceitando pensar negativamente contra a pessoa. (Fp 4:8-9). Interceder pela pessoa e abençoá-la em oração. É impossível ter ressentimento contra alguém pelo qual oramos sempre. (Mt 5:38-48).

32 PERDOAR A QUEM? 1) AOS PAIS: É comum que filhos guardem ressentimentos contra seus pais por causa de brutalidades, incompreensões, brigas entre os pais, sentimentos de rejeição, abusos físicos e sexuais, etc.

33 2) IRMÃOS, AMIGOS E CONJUGES: As maiores decepções e feridas emocionais são causadas pelas pessoas mais íntimas e próximas da gente. 3)AOS INIMIGOS: (Mt 5:38-42; 1ª Pe 2:21-23).

34 4) ÀS AUTORIDADES: (1ª Tm 2:12). 5)A SI MESMO: Muitas pessoas sofrem por causa de erros e/ou pecados no passado e não conseguem se perdoar ou aceitar o que aconteceu (Rm 8:33-34). Se sofrermos por esta causa, a Graça de Deus não pode fluir através de nossas vidas...

35 CONCLUSÃO O cristão precisa cultivar duas atitudes que são básicas no seu caminhar diário, para que a graça de Deus possa fluir constantemente na sua vida. Ele precisa ser: 1)PERDOADOR 2)DOADOR

36 Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. Bem- aventurado o homem a quem o Senhor não atribui a iniqüidade, e em cujo espírito não há dolo. Sl. 32:1-2 :


Carregar ppt "O Perfil do Cristão Estudo 2 O Poder do Perdão José Adelson de Noronha Baseado em Estudo Bíblico do Pr. Marco Antônio."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google