A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial EXECUÇÃO DO PLANO DE AÇÃO LOCAL ARTICULAÇÃO E COMPOSIÇÃO DO COMITÊ INTERSECRETARIAL/ INTERGOVERNAMENTAL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial EXECUÇÃO DO PLANO DE AÇÃO LOCAL ARTICULAÇÃO E COMPOSIÇÃO DO COMITÊ INTERSECRETARIAL/ INTERGOVERNAMENTAL."— Transcrição da apresentação:

1 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial EXECUÇÃO DO PLANO DE AÇÃO LOCAL ARTICULAÇÃO E COMPOSIÇÃO DO COMITÊ INTERSECRETARIAL/ INTERGOVERNAMENTAL OFICIALIZAÇÃO E LANÇAMENTO DO PROGRAMA Governador Secretários SEADS e SSP Prefeito e Subprefeitos PLANO DE AÇÃO LOCAL FORMAÇÃO DE COORDENAÇÃO EXECUTIVA LOCAL Subprefeitura C. Limpo, Subprefeitura Butantã e DRADS Capital ACOMPANHAMENTO MONITORAMENTO AVALIAÇÃO Coord. Executiva Local e Sociedade Civil Organizada DEMANDA DE IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA (OSTE – SSP) DIAGNÓSTICOS SETORIAIS PLANOS DE AÇÃO SETORIAIS DIAGNÓSTICO DA VULNERABILIDADE SOCIAL COORDENAÇÃO GERAL E TÉCNICA DO PROGRAMA SEADS / COORDENAÇÃO DAS SUBPREFEITURAS RELATÓRIO DO PROJETO PARAISÓPOLIS HABI-SEHAB 17/03/2009 Assessoria do Gabinete / Escritório de Projetos CGE/SEADS Gestão SEADS Gestão parceiros Gestão compartilhada (SEADS/Coord. Executiva Local/ Sociedade Civil Organizada) PLANO DE COMUNICAÇÃO Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial

2 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Atribuições da Coordenação Técnica* coordenar e organizar a elaboração do diagnóstico local das áreas de atuação prioritária, definidas pelos atores institucionais envolvidos. O diagnóstico deverá ser realizado pelo grupo de secretarias e organizações envolvidas em cada projeto; coordenar e organizar a elaboração do Plano de Ação nas áreas de atuação prioritária; realizar a coordenação técnica dos projetos implantados em áreas prioritárias. A coordenação técnica visa favorecer a articulação entre os parceiros, suplantar os entraves institucionais, administrativos, técnicos e de relacionamento intersetorial e verificar permanentemente a compatibilização das ações e atividades desenvolvidas em cada projeto com as metas e objetivos gerais do Programa; responsabilizar-se por coletar e divulgar para as instâncias do Comitê Intersecretarial / Intergovernamental as informações gerenciais relativas aos projetos do VS. A coordenação técnica deverá contar com uma estrutura técnica (pessoal e recursos tecnológicos e financeiros) que lhe permita um grau de autonomia administrativa e institucional e uma capacidade de articulação que lhe forneçam a agilidade de gestão necessária para cumprir suas atribuições. * Márcia Paterno Joppert (Consultoria), Produto 2: Modelo Gerencial e Operacional Piloto do Programa Virada Social - 12/11/2008.

3 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Comitê intersetorial/Intergovernamental Representantes das áreas que definem as ações e as metas setoriais, fazem o acompanhamento técnico e executivo da execução de cada ação, participam das reuniões de acompanhamento e articulam as ações setoriais ao Projeto geral, identificam problemas e apontam sugestões de solução, levando ao conhecimento da Coordenação geral e técnica. Composição: Representantes e técnicos das áreas governamentais estaduais e municipais envolvidas no PVS: Áreas Estaduais: Assistência e Desenvolvimento Social, Casa Civil, Cultura, Gestão Pública, Educação, Emprego e Relações do Trabalho, Esporte Lazer e Turismo, Habitação, Justiça e Defesa da Cidadania, Saneamento e Energia,Saúde, Segurança Pública, Planejamento. Áreas municipais: Coordenação das Subprefeituras, Assistência e Desenvolvimento Social, Habitação, Esportes, Cultura, Educação, Infra-Estrutura e Obras, Participação e Parceria,Saúde,Trabalho,Transportes,Verde e Meio Ambiente,Segurança Urbana, Planejamento, Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Serviços.

4 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Atores do Poder Público Secretarias EstaduaisSecretarias Municipais Casa Civil Assistência e Desenvolvimento Social Cultura Gestão Pública Educação Emprego e Relações do Trabalho Esporte Lazer e Turismo Habitação Justiça e Defesa da Cidadania Saneamento e Energia Saúde Segurança Pública Planejamento Coordenação das Subprefeituras Assistência e Desenvolvimento Social Habitação Esportes Cultura Educação Infra-Estrutura e Obras Participação e Parceria Saúde Trabalho Transportes Verde e Meio Ambiente Segurança Urbana Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida Serviços Planejamento

5 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Coordenação Executiva Local À Coordenação Executiva local cabe acompanhar a execução das ações planejadas no local e a interface existente entre elas no momento da execução. Terá como atribuições: apoiar a elaboração do Plano de Ação da área; acompanhar e supervisionar as ações em implantação; articular-se com as lideranças e instâncias de representação instituídas; realizar a interface direta entre a coordenação técnica e a comunidade local, propondo soluções e reportando problemas à Coordenação técnica. Composição: Subprefeitura de Campo Limpo, Subprefeitura Butantã e DRADS Capital

6 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Relatório do Projeto Paraisópolis HABI-SEHAB Durante o levantamento das ações do poder público em Paraisópolis, constatou-se um extenso e denso trabalho da Secretaria Municipal de Habitação de São Paulo – SEHAB de análise sobre a realidade sócio-econômica e de produção de um diagnóstico participativo sobre as principais necessidades da população residente no local. Os relatórios e demais produtos citados foram produzidos pela equipe técnica da SEHAB em Paraisópolis desde 2004, envolvida no Projeto de Urbanização do Complexo, atualmente em fase de execução. Por decisão consensuada, em reunião coordenada pela SEADS, dos representantes das secretarias envolvidas na implantação da Virada Social de Paraisópolis, estabeleceu-se a adoção desses materiais produzidos pela SEHAB como principal subsídio para o desenvolvimento dos Planos de Ações, evitando, assim, o retrabalho e a sobreposição de recursos.

7 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Infra – Estrutura Inclusão Sustentabilidade Infra – Estrutura Inclusão Sustentabilidade Eixos do Plano de Ações

8 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Infra - Estrutura Estratégias Ações Construção de unidades habitacionais Reformas e manutenção de espaços e iluminação públicos Regularização de Coleta de Lixo Melhoria da estrutura de transporte Construção e reformas de equipamentos de saúde (núcleo e UBSs), assistência social (CRAS e CREAS), educação (CEU e creche) e cultura (Casa da Cultura), segurança (Batalhão) e cidadania (CIC) Limpeza de córregos Pavimentação de vias Projeto Urbanístico – SEHAB Melhoria da rede de abastecimento de água e da rede de esgoto Abertura e melhoria de ruas e vielas Aumento e melhora da oferta de serviços

9 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Inclusão Qualificação do uso ou acesso a bens e serviços Ampliação de Programas de Transferência de Renda Capacitação profissional Ampliação dos serviços de saúde Incentivo a espaços e atividades educativas, culturais e esportivas Inclusão digital Acesso a serviços de registros Qualificação do uso ou acesso a bens e serviços Ampliação de Programas de Transferência de Renda Capacitação profissional Ampliação dos serviços de saúde Incentivo a espaços e atividades educativas, culturais e esportivas Inclusão digital Acesso a serviços de registros Mãe Paulistana Jovens Construindo a Cidadania Centro de Convivência da Família Centro para Criança e Adolescente Espaço vivencial de trânsito Time do Emprego Virada Esportiva Circo-Escola Estratégias Ações Ação Jovem Renda Cidadã CRAS CREAS Acessa Escola Posto Poupatempo Jornadas de Cidadania Esporte Social PROERD Aprendendo com Saúde Biblioteca Itinerante Jovem Cidadão Ler e escrever

10 Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial Sustentabilidade Estímulo à participação comunitária, geração de trabalho e renda, manutenção dos serviços públicos e ações pelo meio ambiente Estratégias Ações Rua de Lazer Clube escola Parque Paraisópolis Parque Linear Centro Comunitário de Educação Ambiental Uso Racional de Água (PURA) Programa Córrego Limpo Observatório de Políticas Públicas com ênfase no combate à violência Cinema a céu aberto SUTACO Zelador de Praças Aplicação de Ecâmetro Criação do Conselho de Direitos Humanos na Subprefeitura de Campo Limpo Treinamento em Direitos Humanos para os Agentes Comunitários do Programa de Saúde da Família Entrega parcial das Unidades Habitacionais (SEHAB) Desenvolvimento de ações voltadas a geração de renda - desenvolvimento de cursos de capacitação através de parceiras com orgãos governamentais e não governamentais Apoio as organizações locais para o desenvolvimento de projetos sociais/educacionais Organização e Capacitação de Agentes Ambientais Desenvolvimento de Campanha para redução do lixo e coleta seletiva Ações voltadas ao pós urbanização e pós ocupação


Carregar ppt "Virada Social Paraisópolis Fluxo Operacional / Gerencial EXECUÇÃO DO PLANO DE AÇÃO LOCAL ARTICULAÇÃO E COMPOSIÇÃO DO COMITÊ INTERSECRETARIAL/ INTERGOVERNAMENTAL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google