A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Protoctistas Heterótrofos Classificação São constituídos por cerca de 65.000 espécies conhecidas 50% são fósseis Aproximadamente 25.000 são de vida livre.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Protoctistas Heterótrofos Classificação São constituídos por cerca de 65.000 espécies conhecidas 50% são fósseis Aproximadamente 25.000 são de vida livre."— Transcrição da apresentação:

1

2 Protoctistas Heterótrofos

3 Classificação São constituídos por cerca de espécies conhecidas 50% são fósseis Aproximadamente são de vida livre espécies são parasitos 30 espécies atingem o homem.

4 Divisão Rizópodes ou Sarcodíneos Ciliophora Flagelados ou Mastigóforos Esporozoários (Esta divisão ocorre pelo tipo de locomoção)

5 Locomoção

6 Estrutura Celular

7 Nutrição Holozóicos ou heterotróficos Ingestão de partículas orgânicas por fagocitose ou pinocitose. Saprozóicos Ingestão de substancias inorgânicas já em decomposição.

8

9 Respiração Aeróbicos ou Anaeróbicos

10 Reprodução Assexuada Divisão Binária

11 Sexuada Conjugação Singamia ou Copulação (união de micro e macrogametas)

12 Doenças Causadas por Protozoários

13 Amebíase (Rizópode) Agente etiológico: Entamoeba Hystolitica Contaminação: Ingestão de cistos em água ou alimentos contaminados Sintomas: Disenteria aguda, náuseas, vômitos, cólicas intestinais e processos necróticos.

14 Giardíase (Flagelado) Agente etiológico: Giardia lamblia Contaminação: Ingestão de cistos em água ou alimentos contaminados Sintomas: Disenteria aguda, náuseas, vômitos, cólicas intestinais e fezes com odor extremamente fétido.

15 Balantidíase (Ciliado) Agente etiológico: Balantidum coli Contaminação: Ingestão de cistos em água ou alimentos contaminados Sintomas: Disenteria aguda, náuseas, vômitos, cólicas intestinais.

16 Doença de Chagas (Flagelado) Agente etiológico: Trypanosoma cruzi Hospedeiro Intermediário: Barbeiro (Triatoma infestans) Hospedeiro Definitivo: Homem Sintomas: Chagoma primário, cardiomegalia, hipertensão, taquicardia, cansaço. (Não tem cura)

17 Carlos Chagas

18 Áreas Afetadas Pelo Barbeiro

19 Doença do Sono (Flagelado) Agente etiológico: Trypanosoma gambiensis Hospedeiro Intermediário: Mosca Tsé-Tsé (Glossina palpalis) Hospedeiro Definitivo: Homem Sintomas: Sonolència e torpor devido as lesões no sistema nervoso (Letargia). (Não tem cura)

20 Leishmaniose (Flagelado) Agente etiológico: Leishmania sp Hospedeiro Intermediário: Mosquito-palha ou Birigui (Phlebotomus ou Lutzomya) Hospedeiro Definitivo: Homem Sintomas: Ulcerações cutâneas e intestinais

21

22 Tipos de Leishmania Leishmania brasiliensis (Úlcera-de-Bauru) Leishmania tropica (Botão-do-Oriente) Leishmania donovani (Leishmniose Visceral)

23 Tricomoniase (Flagelado) Agente etiológico: Trichomona vaginalis Contaminação: Relações sexuais ou Contato com objetos contaminados. Sintomas: Leucorréia, prurido e infecções vaginais e uretrais.

24

25 Toxoplasmose (Esporozoário) Agente etiológico: Toxoplasma gondii Hospedeiro Intermediário: Homem Hospedeiro Definitivo: Gato Sintomas: Febre, cefaléia, infecções oculares e cerebrais.

26 Malaria (Esporozoário) Agente etiológico: Plasmodium sp Hospedeiro Intermediário: Homem Hospedeiro Definitivo: Mosquito-prego (Anopheles) Sintomas: Febre intensa, anemia, cefaléia, cansaço..

27 Tipos de Plasmodium Plasmodium vivax (Terçã benigna) Plasmodium falciparum (Terçã maligna) Plasmodium malariae (Quartã) Plasmodium ovale (Não identificado no Brasil)

28 REINO FUNGI

29

30 Características Gerais Seres uni ou pluricelulares, sem tecidos verdadeiros. Suas células são chamadas hifas, sendo que um emaranhado de hifas recebe o nome de micélio. Apresentam nutrição heterotrófica e digestão extra corpórea. A parede celular é constituída de quitina e seu material de reserva é o glicogênio.

31 Importância dos Fungos Decompositores: permitem a reciclagem da matéria orgânica morta; destrói objetos de madeira, couro, tecidos e alimentos em geral. Produção de alimentos: fabricação de queijos, pães e bebidas alcoólicas. Indústria farmacêutica: produção de penicilina (antibiótico). Parasitas: causam doenças em animais (micoses) e plantas (ferrugem do café).

32 Importância dos Fungos

33 Classificação dos fungos Filo Eumycota: Phycomycetes (fungos simples – bolores ou mofos); Ascomycetes (formam esporos no interior de esporângios alongados, os ascos – ex: Morchella e Penicillium); Basidiomycetes (possuem corpos de frutificação chamados basidiocarpos – ex: cogumelos); Deuteromycetes (fungos imperfeitos – não foram observadas formas sexuadas de reprodução). Filo Mixomycota: seres gelatinosos unicelulares de cores variadas.

34 Reprodução assexuada Brotamento ou gemulação: é a formação de saliências na célula de um fungo unicelular. Esporulação: nas extremidades das hifas ocorre a produção de zoósporos que germinam e formam novos fungos. Fragmentação: consiste na fragmentação de hifas de um micélio.

35 Reprodução Sexuada A reprodução sexuada resulta, frequentemente, da fusão de duas hifas haplóides. Se os núcleos se fundirem forma-se um núcleo zigótico diplóide que sofre meiose, formando núcleos haplóides ou esporos.

36 LÍQUENS Associação mutualística entre algas e fungos. Muitos líquens produzem o ácido liquênico, capaz de dissolver rochas, transformando-as em terra.


Carregar ppt "Protoctistas Heterótrofos Classificação São constituídos por cerca de 65.000 espécies conhecidas 50% são fósseis Aproximadamente 25.000 são de vida livre."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google