A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CAPACIDADE SUPORTE DE AMBIENTE AQUÁTICO Aluno:Rafael Mascarenhas Falci.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CAPACIDADE SUPORTE DE AMBIENTE AQUÁTICO Aluno:Rafael Mascarenhas Falci."— Transcrição da apresentação:

1 CAPACIDADE SUPORTE DE AMBIENTE AQUÁTICO Aluno:Rafael Mascarenhas Falci

2 CAPACIDADE SUPORTE EM AQUICULTURA –Considera-se como Capacidade de Suporte em aquicultura o nível máximo de produção de pescado que um ambiente aquático pode sustentar,respeitadas as normas estabelecidas para a conservação e uso de suas águas,bem como os limites de tolerância da espécie cultivada. –Os modelos preditivos existentes para calcular a Capacidade Suporte tem sido sugeridos para estimar os efeitos na escala do ambiente.

3 IMPACTOS SOBRE O AMBIENTE FISÍCO Uso do espaço Alteração da circulação da água Qualidade estética do meio

4 IMPACTOS DAS UNIDADES DE CULTIVO Alteração da qualidade da água Alterações das populações naturais, introdução de espécies exóticas e não- endêmicas Doenças Uso de substâncias tóxicas e drogas diversas Atração de predadores

5 Determinação e Compreensão das mudanças ambientais dependem: Fatores que controlam o estado trófico (variáveis hidrológicas,climáticas,físicas e quimícas da água-nutrientes. Substâncias empregadas e/ou liberadas pelos organismos cultivados(insumos,metabólicos e resíduos). Respostas do ambiente aquático a tais modificações.

6 O PAPEL DO FÓSFORO-ESTADO TRÓFICO X PRODUTIVIDADE NATURAL

7 A FUNÇÃO DO FÓSFORO(P)- AMINOÁCIDOS,PROTEÍNAS

8 APORTE DE NUTRIENTES A PARTIR DO CULTIVO

9

10 Destino do fósforo e volume de diluição necessário,dependem: Da capacidade de absorção e diluição na água.Sendo determinada pela: 1.absorção das algas e macrófitas e da profundidade do epilímnio; 2.Pelo tempo de assimilação do fósforo na camada dágua,que depende da taxa de renovação da água e perda para o sedimento.

11

12

13 DADOS DO SISTEMA DE TANQUE-REDE Teste realizado em lago Chinês(Guo e Li,2003). Intefere até 50 m de distância Reduz a diversidade biológica (plâncton e bentos) Aumenta a biomassa fitoplantônica

14 20% do alimento é perdido sem ingestão pelos peixes(Pearson e Gouren,1990) Taxa de utilização do alimento:(Guo e Li,2003) 14,8 para Nitrogênio e 11% para fósforo) A produção de 1 tonelada de peixe libera ao ambiente:(Haakanson et al.,1988) Kg de fósforo mais 75 Kg de Nitrogênio

15

16

17

18 APLICAÇÃO DO MODELO Dillon- Rigler

19 CONSIDERAÇÕES DE William Severi Os modelos não incluem a ingestão de restos da ração por peixes selvagens e/ou zooplâncton. Além,do transporte para longe do sistema de tanque-rede,devido a correnteza e vento.

20 BIBLIOGRAFIA CONSULTADA ZANIBONI,EVOY FILHO(Lab. De aquicultura/UFSC.Cultivo de peixes em tanques-rede e Impactos ambientais. SEVERI,WILLIAM(Lab de Limnologia/UFRPE).Determinação da capacidade suporte de reservatórios para a piscicultura em tanques-rede.


Carregar ppt "CAPACIDADE SUPORTE DE AMBIENTE AQUÁTICO Aluno:Rafael Mascarenhas Falci."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google