A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Poriferos Cnidários Platelmintes/ nematelmintes Annelida Arthropoda Mollusca Equinodermas Chordata Filos :

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Poriferos Cnidários Platelmintes/ nematelmintes Annelida Arthropoda Mollusca Equinodermas Chordata Filos :"— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Poriferos Cnidários Platelmintes/ nematelmintes Annelida Arthropoda Mollusca Equinodermas Chordata Filos :

4 Poríferos

5

6 -Poríferos- São Invertebrados, assimétricos São aquáticos (marinho e água doce) Vivem fixo a substratos Não apresentam órgãos definidos Não possuem tecidos bem definidos Não apresentam sistemas. Constituídos de células, que forma uma agregado frouxo Digestão intracelular Células agem de forma independente São filtradores Indicadores de impacto ambiental das águas litorâneas

7 Espécime de Radiospongilla amazonensis: Estudo realizado no Delta do Jacuí.

8 -Outras células- COANÓCITOS: filtração da água, capturando microorganismos e micropartículas alimentares PINACÓCITOS: células achatadas que revestem e protegem o corpo das esponjas PORÓCITOS: responsáveis pela formação dos poros que ligam a parte externa com o espongiocele. AMEBÓCITO: englobamento de nutrientes capturados pelos coanócitos e posterior distribuição para outras células ARQUEÓCITO: são células indiferenciadas, possibilita o crescimento, formação dos gametas e regeneração

9 -Estruturas- Estrutura simples Corpo no formato de tubo,ramificados,fixado ao substrato. OSCULO: extremidade que se mantém aberta, possui espermatozóides, água e resíduos ÁTRIO ou ESPONGIOCELE: local onde circulam os nutrientes. ÓSTIO:possibilita o fluxo de água (com nutrientes e oxigênio)

10 Estruturas esqueléticas – Espícula Espongina Calcária ou silicosa

11 Tipos anatômicos

12 Áscon Mais simples, Dimensões reduzidas A espongiocele ocupa maior volume, Completamente revestida por coanócitos.

13 Sícon Parede do corpo mais espessa e enrugada, Formam canais abertos para fora e para dentro, Inalantes (comunicação com meio externo ) Exalantes (comunicação com meio interno – espongiocele)

14 Lêucon Espongioncele menor, Parede do corpo mais desenvolvida, Camaras vibráteis (cavidades com coanócitos) Maior circulação de água e filtração.

15 Reprodução: assexuada Brotamento ou gemulação Brotamento Formação de pequenos agregados de amebócitos, quando crescem desenvolvem pequenas esponjas que podem ser destacados do organismo original.

16 Reprodução: assexuada - Gemulação Ocorre em condições desfavoráveis (frio / calor) As gemulas sobrevivem até as condições se normalizem Com isso, o conjunto de células é liberado do revestimento, formando uma nova esponja.

17 Reprodução : sexuada Podem ser Dióica ou Monóica Fecundação interna Desenvolvimento indireto (fase larval)

18 Regeneração Os Poríferos possui alto grau de regeneração, Células apresentam pouca diferenciação A regeneração depende da secreção de agregação. Aglutina células de uma mesma esponja.

19 Importância econômica das esponjas * São usadas como esponjas para banho. *Utilizadas sob a forma de pó, na indústria, para polimentos e pinturas. * Algumas das toxinas produzidas por certos tipos de esponjas tem sido isoladas e utilizadas para a cura de certos tipos de câncer

20 Importância Ambiental das esponjas Servem de abrigo, desova, Alimentação, cobertura ou camuflagem de pequenos peixes e invertebrados. Bioindicadores – controle na qualidade de água,

21

22 AExercícios do livro pág. 15


Carregar ppt "Poriferos Cnidários Platelmintes/ nematelmintes Annelida Arthropoda Mollusca Equinodermas Chordata Filos :"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google