A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MINISTÉRIO da DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex - DEPA COLÉGIO MILITAR de FORTALEZA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MINISTÉRIO da DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex - DEPA COLÉGIO MILITAR de FORTALEZA."— Transcrição da apresentação:

1 MINISTÉRIO da DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex - DEPA COLÉGIO MILITAR de FORTALEZA

2 Objetivos: a. Conceituar calor. b. Conceituar temperatura. c. Distinguir calor de temperatura. d. Explicar o equilíbrio térmico entre corpos. e. Comparar a dilatação linear, volumétrica e superficial entre si. f. Explicar a dilatação irregular da água e sua importância para sobrevivência de seres vivos nas regiões frias.

3 A Termologia ( termo = calor, logia = estudo) é a parte da Física encarregada de estudar o calor e seus efeitos sobre a matéria. A Termologia está intimamente ligada à energia térmica, estudando a transmissão dessa energia e os efeitos produzidos por ela quando é fornecida ou retirada de um corpo.

4 Termologia é a parte da física que estuda o calor, ou seja, ela estuda as manifestações dos tipos de energia que de qualquer forma produzem variação de temperatura, aquecimento ou resfriamento, ou mesmo a mudança de estado físico da matéria, quando ela recebe ou perde calor.

5 A Termologia estuda de que forma esse calor pode ser trocado entre os corpos, bem como as características de cada processo de troca de calor. São essas as formas de transferências de calor: Convecção; Irradiação; e Condução.

6 O estudo da termologia, assim como os vários outros ramos de estudo da física, possibilita entender muitos fenômenos que ocorrem no cotidiano como, por exemplo, a dilatação e contração dos materiais, bem como entender por que elas ocorrem e como ocorrem.

7 São essas as formas de dilatação que a termologia estuda: Dilatação superficial Dilatação volumétrica Dilatação dos líquidos

8 A termologia, mais precisamente a termodinâmica, estuda também os gases, adotando para isso um modelo de gás ideal denominado de gás perfeito. Estuda as leis que os regem e as transformações termodinâmicas que se classificam em: Transformação isotérmica (temperatura constante) Transformação isobárica ( pressão constante ) Transformação isocórica (isovolumétrica)

9 Conceitos de Temperatura e Calor Mas o que vem a ser calor? O que é temperatura? Como a sensação térmica é variável de indivíduo para indivíduo, ela não se presta como medida da temperatura de um sistema.

10 Energia interna Todos os corpos são constituídos por partículas que estão sempre em movimento. Esse movimento é denominado energia interna do corpo. O nível de energia interna de um corpo depende da velocidade com que suas partículas se movimentam.

11 O estado de aquecimento de um corpo influi no estado de agitação de suas partículas, tornando-o mais acentuado à medida que o corpo vai ficando mais quente.

12 Conceito de Calor Calor é a energia térmica em trânsito, ou seja, é a energia que está sempre em constante movimento, sempre sendo transferida de um corpo para outro.

13 Calor é a energia que flui de um corpo com maior temperatura para outro de menor temperatura. Como sabemos a unidade de representação de qualquer forma de energia é o joule (J), porém para designar o calor, é adotada uma unidade prática denominada caloria, onde 1 cal = 4,186 J.

14

15 Conceito de Temperatura Já temperatura é o grau de agitação das moléculas, ou seja, calor e temperatura são conceitos bem diferentes com os quais a termologia trabalha.

16 Temperatura é a grandeza que mede o estado de agitação das moléculas. Quanto mais quente estiver uma matéria, mais agitadas estarão suas moléculas, assim, a temperatura é o fator que mede a agitação dessas moléculas, determinando se uma matéria está quente, fria, etc.

17 Equilíbrio térmico é o estado onde a temperatura de dois ou mais corpos são iguais. Assim, quando um corpo está em equilíbrio térmico em relação a outro, cessam os fluxos de troca de calor entre eles. Ex: Quando uma xícara de café é deixada por certo tempo sobre uma mesa, ela esfriará até entrar em equilíbrio térmico com o ambiente em que está.

18 Termômetros Aparelhos que permitem medir a temperatura de um corpo. A temperatura de um corpo indica se esse corpo vai ganhar ou perder energia interna ao entrar em contato com outro corpo.

19 Se dois corpos, um quente e outro frio, forem colocados em contanto, uma parcela da energia interna do corpo quente passará para o corpo frio sob a forma de calor. Um termômetro colocado sobre o corpo quente mostra que sua temperatura diminui, enquanto que outro termômetro colocado sobre o corpo frio mostra que sua temperatura aumenta.

20

21 Assunto da Próxima Aula e Exercícios. Assunto: UD VI. TERMOLOGIA 2. TERMOMETRIA. a.Comparar as diferentes escalas termo- métricas (oK, oC, oF). b. Converter um valor de temperatura para as diversas escalas Exercícios: PP 469 a 472.

22 ESTUDE


Carregar ppt "MINISTÉRIO da DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO D E C Ex - DEPA COLÉGIO MILITAR de FORTALEZA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google