A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 (Cohn-Haft) Marcelo A. dos Santos Jr Orientador: Mario Cohn-Haft, PHD Conferência LBA/GEOMA/PPBIO Manaus, Amazonas Novembro, 2008 Hábitat, distribuição.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 (Cohn-Haft) Marcelo A. dos Santos Jr Orientador: Mario Cohn-Haft, PHD Conferência LBA/GEOMA/PPBIO Manaus, Amazonas Novembro, 2008 Hábitat, distribuição."— Transcrição da apresentação:

1 1 (Cohn-Haft) Marcelo A. dos Santos Jr Orientador: Mario Cohn-Haft, PHD Conferência LBA/GEOMA/PPBIO Manaus, Amazonas Novembro, 2008 Hábitat, distribuição geográfica, e status de ameaça de Cyanocorax sp. (Corvidae)

2 2 Conservação: spp ameaçadas INTRODUÇÃO espécies ameaçadas tamanho populacional probabilidade extinção atividades antrópicas

3 3 Conservação: spp ameaçadas INTRODUÇÃO espécies ameaçadas tamanho populacional probabilidade extinção atividades antrópicas desafio da conservação probabilidade de sobrevivência pressões negativas sobre as espécies e seus hábitats

4 4 Conservação: spp ameaçadas INTRODUÇÃO espécies ameaçadas tamanho populacional probabilidade extinção atividades antrópicas desafio da conservação probabilidade de sobrevivência pressões negativas sobre as espécies e seus hábitats história natural + ecologia + comportamento hábitat – distribuição – tamanho populacional reprodução – uso de recursos...

5 5 1.Reconstrução da BR Gasodutos Urucu-Porto Velho e Coari-Manaus 3.Complexo do rio Madeira (Santo Antônio e Jirau) 6.Expansão madeireira, da pecuária e agroindústria 7.Mineração (Serras Três Irmãos e do Candomblé) 5.Abertura da rodovia p/ o Pacífico (Inter-oceânica) 8.Grilagem de terra 4.Expansão da Hidrovia no rio Madeira INTRODUÇÃO. Atividades Antrópicas

6 6 Área de estudo Complexos de campos naturais do interflúvio Madeira-Purus MATERIAL E MÉTODOS

7 7 Floresta de Terra Firme Campinarana Campina

8 8 Complexo Norte MATERIAL E MÉTODOS Complexo Sul Coleta de dados 3 de 06-07/07 (17 dias) 2 em 07/07 (7 dias) 1 em 05/07 (7 dias) 1 em 10/07 (7 dias) 4 em 09/07 (17 dias) Floresta de Terra Firme Campinarana Campina

9 9 MATERIAL E MÉTODOS Espécie focal: Cyanocorax sp.

10 10

11 11

12 12 Ninho, ovo e ninhego de Cyanocorax sp.

13 13 1.Resolução espacial: pixel de 90x90m MATERIAL E MÉTODOS Modelagem da Distribuição Análise dos dados 2.Camadas ambientais preditoras A.jers_l estresse hídrico no período seco B.veg_49 mapa temático de vegetação (49 classes) C.srtm_v3 altitude D.bio09 temperatura média do trimestre seco E.bio17 precipitação média do trimestre seco

14 14 MATERIAL E MÉTODOS Distribuição Análise dos dados 3.Algoritmo da Máxima Entropia 4.Validação externa A.Programa MAXENT (Phillips et al. 2006) B.Pontos divididos espacialmente 125 amostras de treinamento (construção do modelo) 37 amostras de teste (validação interna do modelo) A.2 registros: 2005 (holótipo) e B.Não foram utilizados no MAXENT

15 15 MATERIAL E MÉTODOS Grau de Ameaça (IUCN) Análise dos dados Área de ocupação = área de hábitat disponível Floresta de Terra Firme Campinarana Campina + Arquivo digitalizado das campinas de imagem Landsat 5 RGB 543 de 2000

16 16 MATERIAL E MÉTODOS Grau de Ameaça (IUCN) Análise dos dados Extensão de ocorrência = mínimo polígono convexo

17 17 Distribuição prevista para Cyanocorax sp. Norte Sul km Norte Sul RESULTADOS E DISCUSSÃO

18 18 Fração predita das amostras de fundo Omissão nas áreas de treinamento Omissão nas amostras de teste Omissão predita Limite de decisão cumulativo omissão vs. área predita sensibilidade VS. 1 - especificidade Dados de treinamento (AUC = 0,989) Dados de teste (AUC = 0,936) Previsto ao acaso (AUC = 0,5) RESULTADOS E DISCUSSÃO Distribuição Omissão (falsos negativos) Comissão (falsos positivos) Valor fracionário

19 19 (a) (b) % RESULTADOS E DISCUSSÃO Validação externa

20 20 Contribuição dos hábitats na área de vida de 7 bandos RESULTADOS E DISCUSSÃO (área de vida) (bando) (n)

21 21 RESULTADOS E DISCUSSÃO Uso do hábitat pelos indivíduos focais (n = 256)

22 22 RESULTADOS E DISCUSSÃO Categorias IUCNÁrea de ocupação (km 2 )Extensão de ocorrência (km 2 ) Criticamente ameaçado< 10< 100 Em perigo < 500< Vulnerável < 2.000< Quase ameaçada > 2.000> Grau de Ameaça

23 23 Previsões de desmatamento e perda de hábitat (Soares-Filho, 2006) Fragilidade dos ambientes de campina e campinarana Uso do fogo para limpar o terreno durante a estação seca coincide com o período reprodutivo Considerações RESULTADOS E DISCUSSÃO

24 24 CONCLUSÕES Distribuição hábitat-específica e restrita Preferência pela borda e capões de mata no interior das campinas IUCN quase ameaçada Prioridade: preservação de campos naturais em ambos os complexos 1.Preservação de hábitats reprodutivos 2.Distância geográfica entre complexos (possivelmente populações separadas há muito tempo) Cyanocorax sp.


Carregar ppt "1 (Cohn-Haft) Marcelo A. dos Santos Jr Orientador: Mario Cohn-Haft, PHD Conferência LBA/GEOMA/PPBIO Manaus, Amazonas Novembro, 2008 Hábitat, distribuição."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google