A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sistemas Elevatórios Aula 16. Curva Característica de uma Instalação 5.35 5.36 5.37 5.38.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sistemas Elevatórios Aula 16. Curva Característica de uma Instalação 5.35 5.36 5.37 5.38."— Transcrição da apresentação:

1 Sistemas Elevatórios Aula 16

2 Curva Característica de uma Instalação

3 Hg Curva Característica de uma Sistema

4 Característica da tubulação Determinação Gráfica de Funcionamento de uma Bomba Característica da bomba Ponto de Funcionamento

5 Sistema de Tubulação em Série 5.39 Série

6 Sistema de Tubulação em Paralelo HgHg T1T1 T2T2 Curva do sistema Curva da Bomba A Q(m 3 /s) H(m) Q1Q1 Q2Q2 Q 1 +Q 2 q1q1 q2q2 qtqt xy xy

7 Determinação Gráfica do Ponto de Operação da Bomba P(Q,H m )

8 Exemplo 5.3 Uma bomba centrífuga, com rotação igual a 1750rpm e curva característica dada pela tabela a seguir, esta conectada a um sistema de elevação de água que consta de duas tubulações em paralelo e dois reservatórios. Uma tubulação de 0,10m de diâmetro, comprimento de 360m e fator de atrito f=0,015 está ligada ao reservatório com nível dágua na cota 800,00m, e a outra, de 0,15m de diâmetro, comprimento de 900m e fator de atrito f=0,030, está ligada ao reservatório com nível dágua na cota 810,00m. O reservatório inferior tem nível dágua na cota 780,00m. Assumindo que os fatores de atrito sejam constantes, independentes da vazão, determine: a)Ponto de funcionamento do sistema; b)As vazões em cada tubulação da associação; c)A potência necessária à bomba

9 Exemplo 5.3 Q(m 3 /s)00,0060,0120,0180,0240,0300,0360,042 H(m)50,649,046,342,439,234,229,523,6 (%) ,0 810,0 800,0 900m 360m D 1 0,10m D 2 =0,15m

10 Exemplo 5.3

11

12 (%) H(m) T1T1 T2T2 Curva de rendimento Curva do sistema Curva da bomba Q2Q2 Q1Q1 A Q(m 3 /s)

13 a) Q = 0,030m 3 /s, H = 34m e = 70% Exemplo 5.3 b) Q 1 =0,018m 3 /s Q 2 =0,012m 3 /s

14 Associação de Bombas em Série e Paralelo 1 bomba 2 bombas em série QxQx QxQx HyHy HyHy T1T1 T2T2 2 bombas em paralelo Q H HgHg QAQA QCQC A C QEQE QBQB B D E H 1 +H 2 =H Q Q Q Q Q1Q1 Q1Q1 H

15 Associação de Bombas em Série

16 Associação de Bombas em Paralelo

17 Exemplo 5.4 As características de uma bomba centrífuga, em uma certa rotação constante, são dadas na tabela abaixo. A bomba é usada para elevar água vencendo uma altura geométrica de 6,5m, por meio de uma tubulação de 0,10m de diâmetro, 65m de comprimento e fator de atrito f=0,020. a) Determine a vazão recalcada e a potência consumida pela bomba. b) Sendo necessário aumentar a vazão pela adição de uma segunda bomba idêntica à outra, investigue se a nova bomba deve ser instalada em série ou em paralelo com a bomba original. Justifique a resposta pela determinação do acréscimo de vazão e potência consumida por ambas as bombas nas associações. Q( l /s) H(m)22,621,319,416,211,66,50,6 (%)

18 Exemplo 5.4

19 Série Paralelo Tubulação Rendimento A B C E Q(m 3 /s) H(m) (%) D

20 Exemplo 5.4 a) o ponto A é o ponto de funcionamento de uma única bomba no sistema e tem como valores, Q=0,027m3/s, H=14m, =78%

21 Escolha do Conjunto Motor-Bomba KSB MEGANORM

22 Escolha do Conjunto Motor-Bomba KSB MEGANORM


Carregar ppt "Sistemas Elevatórios Aula 16. Curva Característica de uma Instalação 5.35 5.36 5.37 5.38."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google