A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

NEOPLASIAS CÍSTICAS PANCREÁTICAS HOSPITAL GERAL DE JACAREPAGUÁ – RJ SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL DR. EDISON IGLESIAS VIDAL 05/ 2008.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "NEOPLASIAS CÍSTICAS PANCREÁTICAS HOSPITAL GERAL DE JACAREPAGUÁ – RJ SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL DR. EDISON IGLESIAS VIDAL 05/ 2008."— Transcrição da apresentação:

1 NEOPLASIAS CÍSTICAS PANCREÁTICAS HOSPITAL GERAL DE JACAREPAGUÁ – RJ SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL DR. EDISON IGLESIAS VIDAL 05/ 2008

2 APRESENTAÇÃO DE CASOS 1° CASO S.B.L, fem, DN- 06/04/52 Dor abdominal RM 02/06/99: Imagem cística de 7,5 cm de diâmetro não captante de contraste localizada na cauda do pâncreas.

3 1° CASO Impressão diagnóstica: Imagem cística de pseudocisto de pâncreas Operada em 24/08/99 Incisão mediana: Realizado pancreatectomia corpo caudal com esplenectomia. Alta em 27/08/99 Patologia: Macroscopia: cauda de pâncreas pesando 30g e 16 cm de comprimento com tumoração cística de 7 cm de diâmetro na extremidade proximal Microscopia –neoplasia cística mucinosa de pâncreas com invasão focal de feixe nervoso intrapancreático. Microscopia –neoplasia cística mucinosa de pâncreas com invasão focal de feixe nervoso intrapancreático. A paciente está bem e tem vida normal.

4 2° CASO A.P.M.G, fem, DN- 22/08/74 Internada em 17/07/03 com dor abdominal, emagrecimento de 5 kg em 3 meses e anemia. Havia sido operada em abril de 2001 por cisto pancreático e submetida a cistogastrostomia e de urgência em fevereiro de 2002 por prenhez tubária. Endoscopia (11/07/03): tumoração na parede posterior do estômago Endoscopia (18/07/03): lesão vegetante bocelada irregular (diagnostico endoscópico): tumor de pâncreas com invasão gástrica. Patologia inconclusiva.

5 2° CASO Nova endoscopia em 24/02/03 com macrobiopsia – Patologia sugeria tumor estromal gastrointestinal. Tomografia mostrava aumento do cisto neste período. Ex de sangue de 21//07/03 hct 25,8 ; Hb 7,8 Operada em 13/08/03 Incisão mediana Havia grande tumor de corpo e cauda de pâncreas invadindo o antro e corpo gástrico.Foi realizado gastrectomia subtotal com esplenectomia e pancreatectomia corpo caudal e reconstrução a BII e Braun.

6 2° CASO Peça em bloco: baço, pâncreas e estomago

7 2° CASO Patologia –tumor cístico mucinoso de pâncreas(Lesão bordeline) Pós operatório teve síndrome dispéptica e tem vida normal.

8 3° CASO J.R.S. fem, DN- 21/10/42 Massa abdominal Diagnosticada em exame físico em QSE.Tinha diabetes e hipertensão arterial. US-massa de 12x11 cm

9 3° CASO TC: tumor cístico em projeção de cauda e corpo de pâncreas rechaçando estômago e rim.

10 3° CASO Internada em 13/06 e operada em 14/06/05 Incisão em L – Havia grande tumor cístico de corpo e cauda de pâncreas Realizado pancreatectomia corpo caudal com esplenectomia. Alta em 17/06/05.Patologia- cisto adenoma mucinoso do pâncreas faleceu por hemorragia digestiva em setembro de 2007 faleceu por hemorragia digestiva em setembro de 2007

11 4° CASO A.M.F.F, fem, DN- 23/05/49 Us de rotina em 27/09/07 imagem cística de 28x30x21 mm no corpo do pâncreas Ex físico e laboratoriais normais.

12 4° CASO RM de 22/10/07 – lesão cística de 44x39x30mm no corpo do pâncreas com dilatação distal do wirsung.

13 4° CASO Eco Endoscopia em 05/12/07 – lesão cística no corpo do pâncreas medindo 46 mm no maior diâmetro com septos, sem adenomegalia. Não foi feito biopsia.

14 4° CASO

15 Operada em 22/01/08 Incisão em L. Havia tumor cístico no corpo do pâncreas a esquerda dos vasos mesentéricos. Foi realizado pancreatectomia corpo caudal com preservação do baço e ligadura da artéria esplênica que estava aderida ao tumor.

16 4° CASO Alta em 26/01/08 Patologia – cistoadenoma seroso microcístico

17 LESÕES CÍSTICAS DO PÂNCREAS São lesões que não se comunicam com o ducto pancreático principal, e apresentam revestimento epitelial característico. São lesões que não se comunicam com o ducto pancreático principal, e apresentam revestimento epitelial característico. Correspondem de 10 a 15 % das lesões císticas do pâncreas. Correspondem de 10 a 15 % das lesões císticas do pâncreas.

18 Diagnóstico Exames de imagem: Exames de imagem: –US –TC (MDTC) –RM –US endoscópico

19 Classificação Lesões de Baixo Risco Lesões de Baixo Risco –Cistos Simples –Pseudocistos –Cistoadenoma Seroso (SCA) Lesões de Alto Risco (produtoras de mucina) Lesões de Alto Risco (produtoras de mucina) –Neoplasia Cística Mucinosa (MCN) –Neoplasia Mucinosa Papilar Intraductal (IPMN) Adenoma Adenoma Bordeline Bordeline Carcinoma in situ Carcinoma in situ Carcinoma invasivo Carcinoma invasivo –Tumores Cístico-sólidos Tumor Cístico papilar Tumor Cístico papilar Adenocarcinoma Cístico ductal Adenocarcinoma Cístico ductal Tumores de Células das Ilhotas Tumores de Células das Ilhotas Van der Waaij LA, van Dullemen HM, Porte RJ (Groningen University Medical Center, Groningen, The Netherlands). Cyst fluid analysis in the differential diagnosis of pancreatic cystic lesions: a pooled analysis. Gastrointest Endosc 2005;62: 383–389.

20 Classificação histológica das Neoplasias Císticas Pancreáticas OMS (WHO) Tumores Císticos Serosos Tumores Císticos Serosos –Cistoadenoma Seroso –Cistadenocarcinoma Seroso Tumores Císticos Mucinosos Tumores Císticos Mucinosos –Cistoadenoma Mucinoso –Cistoadenoma Mucinoso com Displasia Moderada –Cistoadenocarcinoma Mucinoso Não infiltrante Não infiltrante Infiltrante Infiltrante Adenoma Mucinoso Papilar Intraductal Adenoma Mucinoso Papilar Intraductal –Tumor Mucinoso Papilar Intraductal com moderada displasia –Carcinoma Mucinoso Papilar Intraductal Não infiltrante Não infiltrante Infiltrante Infiltrante –Tumor Sólido Pseudopapilar Kloppel G SE, Longnecker DS, Capella C, Sobin LH. Histological typing of tumors of the exocrine pancreas. World Health Organization International Histological Classification of Tumors. Berlin: Springer-Verlag, 1996.

21 LESÕES CÍSTICAS DO PÂNCREAS SCA, IPMN, MCN: Representam 87% das lesões císticas do Pâncreas (372 cistos operados- Associação Francesa de Cirurgia) SCA, IPMN, MCN: Representam 87% das lesões císticas do Pâncreas (372 cistos operados- Associação Francesa de Cirurgia) French Surgical Association. Ann Surg 1999;230:152–61.

22 LESÕES CÍSTICAS DO PÂNCREAS Cistoadenoma Seroso (SCA): Cistoadenoma Seroso (SCA): –Rico em glicogênio; –Sem mucina; –Tamanho - 1 a 20 cm; –Malignidade <1 %; –Sintomas: Dor e Icterícia –120 pacientes operados no MSKCC Advances in Surgery 41 (2007) 211–228

23 LESÕES CÍSTICAS DO PÂNCREAS Neoplasia Cística Mucinosa (MCN): Neoplasia Cística Mucinosa (MCN): –Menor incidência; –Sem comunicação com o sistema ductal pancreático; –Stroma ovariano (exclusivo do sexo feminino); –Localizações: Corpo e cauda; –Tamanho- 2 a 25 cm; –Malignidade - 10 a 50 % (epitélio benigno e maligno no mesmo cisto);

24 LESÕES CÍSTICAS DO PÂNCREAS Neoplasia Mucinosa Papilar Intraductal (IPMN): Neoplasia Mucinosa Papilar Intraductal (IPMN): –Dilatação ductal difusa; –Produção de mucina; –Componente sólido no interior da lesão; Adenoma Adenoma Bordeline – displasia de baixo grau Bordeline – displasia de baixo grau Ca in situ – displasia de alto grau Ca in situ – displasia de alto grau Carcinoma Carcinoma Johns Hopkins -136 cirs. 55% Ca in situ 38% Ca invasivo MSKCC – 62 cirs 27% Ca in situ 48% Ca invasivo

25 Avaliação Diagnóstica TC (MDCT) TC (MDCT) RM RM CPRE CPRE US endoscópico US endoscópico Guaraldi, S. e cols. Radiol. Bras. 2005;38(6):

26 Tratamento Cistoadenoma Seroso (SCA) Cistoadenoma Seroso (SCA) Neoplasia Cística Mucinosa (MCN) Neoplasia Cística Mucinosa (MCN) Neoplasia Mucinosa Intrapapilar (IPMN) Neoplasia Mucinosa Intrapapilar (IPMN) Mortalidade – 2 a 15 % Mortalidade – 2 a 15 % Morbidade – 45 % Morbidade – 45 %

27 Sumário

28 Referências Bibliográficas Allen P.J., Brennan M.F. Allen P.J., Brennan M.F. The Management of Cystic Lesions of the Pancreas. Advances in Surgery : 211–228 Khalid A., Brugge W. ACG Practice Guidelines for the Diagnosis and Management of Neoplastic Pancreatic Cysts. Am J Gastroenterol 2007;102:2339– ; 38 (6): Guaraldi S., Sá E.,Romano S., Carvalho A.C.P. O Papel da Ecoendoscopia no Diagnóstico das Neoplasias Císticas Primárias do Pâncreas. Radiol. Bras. 2005; 38 (6): van der Waaij L.A., et al. Pancreatic cystic lesion: cyst fluid analysis; Gastrointestinal Endoscopy 2005; 62 (3):


Carregar ppt "NEOPLASIAS CÍSTICAS PANCREÁTICAS HOSPITAL GERAL DE JACAREPAGUÁ – RJ SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL DR. EDISON IGLESIAS VIDAL 05/ 2008."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google