A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CRIAÇÃO DO INSTITUTODE GERIATRIA E GERONTOLOGIA DA PUCRS Y.MORIGUCHI MD.PhD. Professor Titular de Geriatria e Gerontologia da Pontifícia Universidade Católica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CRIAÇÃO DO INSTITUTODE GERIATRIA E GERONTOLOGIA DA PUCRS Y.MORIGUCHI MD.PhD. Professor Titular de Geriatria e Gerontologia da Pontifícia Universidade Católica."— Transcrição da apresentação:

1 CRIAÇÃO DO INSTITUTODE GERIATRIA E GERONTOLOGIA DA PUCRS Y.MORIGUCHI MD.PhD. Professor Titular de Geriatria e Gerontologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

2 HISTÓRIA Em 24 de novembro de 1970, o Reitor Magnífico da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Prof.Ir. José Otão convidou o Prof. Yukio Moriguchi, da Universidade de Seisen, de Tóquio, para criar a primeira disciplina de geriatria nos países latinoamericanos.

3

4 Em 1 de março de 1971 iniciou a disciplina de geriatria ministrada na Faculdade de Medicina. HISTÓRICO

5 O IGG foi fundado em 27 de novembro de HISTÓRICO

6 Primeiro Projeto da colaboração do Governo do Japão no Brasil através da JICA.

7 Através da JICA o governo do Japão investiu mais de cinco milhões de dólares para a criação do Instituto de Geriatria e Gerontologia da PUCRS.

8 1976 A Residência Médica em Geriatria HISTÓRICO

9 1980 O curso de Especialização em Geriatria HISTÓRICO

10 Em 2000 iniciamos o Programa de Pós Graduação em Gerontologia Biomédica HISTÓRICO

11 ENSINO LATO SENSU Residência Médica em Geriatria Especialização em Geriatria STRICTO SENSU Gerontologia Biomédica Mestrado Doutorado

12 LINHAS DE PESQUISA l FENÔMENOS BIOLÓGICOS, PATOLÓGICOS E POPULACIONAIS ASSOCIADOS AO ENVELHECIMENTO. l FENÔMENOS BIOPSICOSSOCIAIS E COMPONENTES BIOÉTICOS. ASSOCIADOS AO ENVELHECIMENTO l AMBIENTE, TECNOLOGIA E QUALIDADE DE VIDA.

13 ASSITÊNCIA l INTERNAÇÃO GERIÁTRIA l AMBULATÓRIO GERIÁTRICO l VILA FÁTIMA l ASILO PADRE CACIQUE l ASILO SPAAN

14 PAÍSNº ALUNOS Angola02 Argentina09 Bolívia08 Brasil12 Chile06 Colômbia16 Costa Rica16 Cuba02 El Salvador03 Equador16 Guatemala04 ESTATÍSTICA DE PARTICIPANTES DO TCTP PAÍSNº ALUNOS Honduras03 México01 Moçambique02 Nicarágua02 Panamá09 Paraguai05 Peru16 Rep. Dominicana10 Uruguai12 Venezuela05 TOTAL159 Novembro 2008 ORIUNDOS DE 21 DIFERENTES PAISES

15 Publicações e trabalhos1120 APRESENTAÇÕES CIENTÍFICAS EM CONGRESSOS NACIONAIS E INTERNACIONAIS Novembro 2008

16 CURSO Nº ALUNOS Arquitetura01 Ciências Biológicas08 Educação Física05 Enfermagem07 Engenharia01 Farmácia07 Filosofia01 Fisioterapia10 Fonoaudiologia05 ESTATÍSTICA DE ALUNOS MATRICULADOS NO PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA Março CURSO Nº ALUNOS Letras01 Medicina08 Nutrição05 Odontologia05 Pedagogia03 Psicologia03 Terapia Ocupacional01 TOTAL71 ORIUNDOS DE 16 DIFERENTES CURSOS

17 CURSO Nº ALUNOS Ciências Biológicas26 Educação Física11 Enfermagem18 Farmácia15 Fisioterapia18 Fonoaudiologia08 Matemática02 ESTATÍSTICA DE ALUNOS FORMADOS PELO PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA Março CURSO Nº ALUNOS Medicina15 Nutrição15 Odontologia08 Pedagogia05 Psicologia05 Terapia Ocupacional07 TOTAL153 ORIUNDOS DE 13 DIFERENTES CURSOS

18 ESTATÍSTICA DE FORMADOS NO IGG Especialização831 Residência Médica66 Mestrado183 Doutorado81 TCTP159 TOTAL1320 Junho 2008.

19 INSTITUTO DE GERIATRIA E GERONTOLOGIA ENSINOASSISTÊNCIAPESQUISA Biologia Bucal e Envelhecimento Epidemiologia do Envelhecimento Geriatria Clínica Geriatria Preventiva Osteoporose e Metabolismo Ósseo Promoção da Longevidade com Qualidade de Vida LATO SENSU Residência Médica Especialização em Geriatria STRICTO SENSU Gerontologia Biomédica – Mestrado – Doutorado Internação Ambulatório Vila Fátima Asilos Janeiro 2009

20 PROGRAMA DE PALESTRAS PARA COMUNIDADE

21

22

23

24

25 Diretores do Instituto de Geriatria e Gerontologia desde sua fundação 1. Prof. Yukio Moriguchi Dezembro de 1975 ~ Dezembro Prof.Antonio Carlos Araújo de Souza Dezembro de 2005 ~ Julho Prof. Newton Luiz Terra Desde Julho de 2007.

26 INFLUÊNCIA DOS FATORES AMBIENTAIS NOS CENTENÁRIOS DE OKINAWA

27 JAPONESES CENTENÁRIOS DE OKINAWA EM 1995 indivíduos por habitantes Residentes em Okinawa 20,9 Residentes no Brasil 6,9 Proporção 1/3

28 Japoneses de Okinawa (%) indivíduos obesos Residentes em Okinawa 33,7 Residentes no Brasil 54,1 Diferença: 37% Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

29 Japoneses de Okinawa (Kg/m 2 ) índice de Massa Corporal Residentes em Okinawa 24,8 Residentes no Brasil 26,2 p < 0,01 Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

30 Japoneses de Okinawa (%) indivíduos Hipertensos Residentes em Okinawa 15,9 Residentes no Brasil 32,8 Diferença de 2 vezes Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

31 Japoneses de Okinawa (%) indivíduos usando medicação anti-hipertensiva Residentes em Okinawa 8,0 Residentes no Brasil 26,2 Diferença de 3 vezes Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

32 Japoneses de Okinawa Taurina (μ mol em urina 24 horas) Residentes em Okinawa 20,77 Residentes no Brasil 14,49 Diferença: 43% Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

33 Japoneses de Okinawa Presença de peixe na refeição (vezes por semana) Residentes em Okinawa 3,6 Residentes no Brasil 0,5 p < 0,001 Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

34 Japoneses de Okinawa Presença de carne na refeição (vezes por semana) Residentes em Okinawa 3,5 Residentes no Brasil 6,3 p < 0,001 Instituto de Geriatria e Gerontologia PUCRS

35 Japoneses de Okinawa (%) Acido Eicosapentaenoico (EPA) nos ácidos graxos dos fosfolipídeos plasmáticos Residentes em Okinawa 2,86 Residentes no Brasil 1,47 Diferença: 2 X Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS

36 Japoneses de Okinawa (%) Acido Docosahexaenóico (DHA) nos ácidos graxos dos fosfolipídeos plasmáticos Residentes em Okinawa 3,08 Residentes no Brasil 1,06 Diferença de 3 vezes Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS

37 Japoneses de Okinawa (%) Ácidos Graxos polínsaturados do grupo ω3 nos ácidos graxos dos fosfolipídeos plasmáticos Residentes em Okinawa 6,4 Residentes no Brasil 2,96 p< Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS

38 Japoneses de Okinawa (mg/dl) Taxas de HDL-Colesterol Residentes em Okinawa 46,6 Residentes no Brasil 36,4 Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS

39 Japoneses de Okinawa (mg/dl) Potássio Sérico Residentes em Okinawa 4,23 Residentes no Brasil 3,87 Diferença de 10% Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS

40 Japoneses de Okinawa (%) Proporção de indivíduos que ingerem álcool p< 0,05 Instituto de Geriatria e Gerontologia -PUCRS ResidentesHomensMulheres Okinawa75,022,0 Brasil58,112,0

41 AGRADECIMENTO


Carregar ppt "CRIAÇÃO DO INSTITUTODE GERIATRIA E GERONTOLOGIA DA PUCRS Y.MORIGUCHI MD.PhD. Professor Titular de Geriatria e Gerontologia da Pontifícia Universidade Católica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google