A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

(d) Pecuária bovina de corte, cultivo irrigado de frutas e hortaliças e extração de minérios. (c) Produção de laranja, plantação de arroz, tabaco e cana-de-açúcar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "(d) Pecuária bovina de corte, cultivo irrigado de frutas e hortaliças e extração de minérios. (c) Produção de laranja, plantação de arroz, tabaco e cana-de-açúcar."— Transcrição da apresentação:

1 (d) Pecuária bovina de corte, cultivo irrigado de frutas e hortaliças e extração de minérios. (c) Produção de laranja, plantação de arroz, tabaco e cana-de-açúcar. (e) Fruticultura irrigada, extração de petróleo e indústrias de alta tecnologia, principalmente de informática e telecomunicações. (b) Produção de trigo e milho e indústrias química, siderúrgica e automobilística. (a) Indústrias siderúrgica, química, metalúrgica, automobilística e eletrônica.

2 1. Sob o ponto de vista do governo dos Estados Unidos, os subsídios agrícolas são necessários e justificados por diversos aspectos: a) os agricultores norte-americanos enfrentam a concorrência de países onde os custos da terra são muito menores; b) a mão de obra norte-americana é mais cara e em muitos países é baixíssimo o preço da mão de obra dos trabalhadores agrícolas; c) o país é esporadicamente afetado por secas, furacões, tempestades e nevascas.

3 1. Resposta e. folha grande A Califórnia (1) é marcada pelos climas secos, que exigem irrigação, e a Península da Flórida (2) apresenta um clima tropical úmido que favorece as culturas citadas. 2- Subsidiar significa financiar uma atividade, no caso a agrícola. Geralmente é uma prática realizada pelo Estado, que procura, por meio desse mecanismo econômico, amparar uma atividade que seja importante para a sociedade e que passa por alguma dificuldade. Os subsídios agrícolas (principalmente norte-

4 americanos e europeus) afetam o mercado agrícola mundial, pois para os países pobres eles funcionam como uma concorrência desleal: os agricultores norte-americanos podem exportar seus produtos a preços menores que os do mercado mundial, já que o governo cobre a diferença com os subsídios. b) A agroindústria é a associação das produções agrícolas com as indústrias, que utilizam seus produtos como matériaprima. Esse é um processo que tem se intensificado muito nos Estados Unidos, onde vemos a agropecuária cada vez mais controlada pelas grandes empresas industriais, caracterizando-se por uma economia de escala, com alto uso de tecnologia, intensa mecanização e elevada produtividade.

5 CONSEQUENCIAS DO DESENVOLVIMENTO AGROINDUSTRIAL O processo de capitalização do campo e de agroindustrialização trouxe diversas consequencias para os Estados Unidos, das quais destacamos: ÊXODO RURAL – O aumento do uso de máquinas no campo determinou a expulsão de milhões de camponeses. INTENSA UTILIZAÇÃO DE TECNOLGIA – Além da mecanização, que dispensa mão de obra, cresceu enormemente o emprego de outras tecnologias rurais. CONCENTRAÇÃO DA PROPRIEDADE - O espaço cultivado pelos norte-americanos aumentou consideravelmente ao longo do século XX, saltando de 98 milhões de hectares, em 1985 para 178 milhões em 2006.

6

7

8

9

10 GREEN BELTS

11 Os Green belts do Nordeste A região abriga uma grande população, calculada em mais de 100 milhões de pessoas. Para atender a toda essa população, a agricultura é responsável por produzir hortifrutigranjeiros (hortas, granjas e pomares) nos Green belts ("cinturões verdes"), compostos de pequenas propriedades localizadas no entorno das áreas urbanas. Saliente-se que os Green belts não se limitam à região Nordeste, mas também são encontrados no entorno de outras grandes cidades norte-americanas, principalmente as localizadas na costa oeste, como São Francisco e Los Angeles. Na região Nordeste, também se destaca um espaço agrícola regional que recebe o nome de Dairy belt ("cinturão de leiterias"), onde ocorre a criação intensiva de gado leiteiro, sendo considerada a maior indústria de laticínios do mundo.

12 Corresponde à Planície Central, localizada entre os Apalaches e as Montanhas Rochosas. Essa região é ocupada por enormes propriedades monocultoras, que se agrupam em três principais cinturões: 1. Wheat belt, especializado no cultivo do trigo, que ocorre ao norte, plantando-se na primavera e colhendo-se antes das nevascas, e mais ao sul, onde é plantado no inverno; 2. Corn belt, especializado no cultivo do milho; 3. Cotton belt, especializado no cultivo do algodão, ocorrendo tradicionalmente no sul, por ser uma região mais quente; mas, nos últimos anos, sua produção tem-se elevado muito na Califórnia.

13 Ranching Belts 1. Ranching belt - Nesse cinturão estão as maiores propriedades rurais do país, dedicadas principalmente à pecuária bovina de corte e ovina (ovelhas, carneiros, cordeiros). Localizam-se nos planaltos de Colúmbia e Colorado, áreas de clima predominantemente árido e semi-árido (com invernos frios e verões amenos). A produção nas propriedades é, em geral, extensiva e de baixa produtividade. Porém, já são comuns propriedades com produções intensivas de gado de corte. Vale ressaltar que os Estados Unidos possuem o quarto maior rebanho bovino do mundo, com cerca de 100 milhões de animais, superado apenas por Índia, Brasil e China.

14 Dry-farming 2. Dry-farming - São fazendas típicas do sul da Califórnia, área bastante árida, onde se desenvolve uma fruticultura de excepcional qualidade, devido a uma técnica de arar criada no século 19 e empregada até hoje: grandes e poderosos tratores, que revolvem a terra profundamente, trazem para a superfície os solos mais úmidos e férteis. Esse sistema possibilita a produção de laranjas, uvas vinícolas (especialmente no Vale da Califórnia) e morangos. São produzidos ainda legumes e verduras; e cria-se gado leiteiro.

15

16


Carregar ppt "(d) Pecuária bovina de corte, cultivo irrigado de frutas e hortaliças e extração de minérios. (c) Produção de laranja, plantação de arroz, tabaco e cana-de-açúcar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google