A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR COPROFAM EM DEFESA DA AGRICULTURA FAMILIAR, CAMPESINA E INDÍGENA www.coprofam.org.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR COPROFAM EM DEFESA DA AGRICULTURA FAMILIAR, CAMPESINA E INDÍGENA www.coprofam.org."— Transcrição da apresentação:

1 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR COPROFAM EM DEFESA DA AGRICULTURA FAMILIAR, CAMPESINA E INDÍGENA

2 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR A Coordenadora de Organizações de Produtores Familiares do MERCOSUL (COPROFAM): Foi criada em dezembro de 1994, em Porto Alegre Congrega 11 organizações de caráter nacional ou regional: Federação Agrária Argentina (FAA) Confederação Nacional de Trabajadores na Agricultura (CONTAG), Brasil Comissão Nacional de Fomento Rural (CNFR), Uruguai

3 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Associação de Mulheres Rurais do Uruguai (AMRU), Uruguai Associação de Colonos do Uruguai (ACU), Uruguai Intergremial de Produtores de Leite (IPL), Uruguai União Agrícola Nacional (UAN), Paraguai Movimento Unitário de Campesinos y Etnias de Chile (MUCECH), Chile Confederação Nacional da Agricultura Familiar Campesina - Voz del Campo, Chile Coordenadora de Integração de Organizações Econômicas Campesinas (CIOEC), Bolivia Central Campesina do Peru (CCP), Peru

4 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR As associadas da COPROFAM tem: 125 Organizações filiadas de segundo nível (confederações, federações) y 5 mil Organizações de base que (sindicatos, associações) 35 milhões de trabalhadores(as) rurais, Agricultores(as) familiares, campesinos(as) e indígenas representados no âmbito del MERCOSUR ampliado

5 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Princípios Básicos da COPROFAM: Fortalecimento político-institucional de la COPROFAM y suas afiliadas para el cumprimento de seus objetivos Incidir na defesa, na formulação e harmonizarão de políticas públicas para a AFCI no MERCOSUL:\ Fortalecimento e expansão da AFCI Desenvolvimento Rural sustentável Soberania e segurança alimentar Conformar alianças diversas e amplas que permitem alcançar os objetivos

6 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Formulação de Políticas Públicas Quando falamos de políticas públicas, falamos da sociedade composta por distintos grupos com distintos desejos, vontades, potencialidades e necessidades A expressão formalizada desses diversos processos provoca conflitos que devem ser mediados de alguma maneira na política É necessário criar e institucionalizar instrumentos democráticos e participativos de formulação e gestão de políticas A transição para uma sociedade sustentável exige outra maneira de pensar e fazer políticas públicas

7 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR O Papel da COPROFAM Resgatar a utopia como algo concreto a ser construído Construir o poder cidadão dos AFCI e de suas organizações Garantir um espaço de luta e de construção de políticas públicas com vontade coletiva Preparar suas associadas para atuar de maneira decisiva na elaboração das políticas OBS: As políticas públicas resultam de lutas, confrontações e de processos de negociação

8 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Principais Conseqüências do Atual Modelo de Desenvolvimento Rural : Concentração de terra, água e renda Drástica redução da oferta de bens e serviços públicos Exclusão social e aumento do desemprego Destruição do meio ambiente Empobrecimento e fome Êxodo rural

9 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Concepção de Desenvolvimento Rural Superação da visão corporativista para alcançar a melhoria da produção e reprodução da qualidade de vida para todos no campo Articulação de necessidades e potencialidades, centralizadas na expansão e fortalecimento da agricultura familiar, campesina e indígena Sustentabilidade ambiental, política e social com enfoque no desenvolvimento territorial Equidade e solidariedade social: Ampliação das oportunidades Superação das subordinações sociais de gênero, etnia e idade

10 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Desafios da COPROFAM Atuar de forma sistemática no fomento do desenvolvimento rural sustentável Conquistar espaços de formulação de propostas de políticas públicas Capacitação de dirigentes sindicais para a participação qualificada nos os espaços de negociação e gestão de políticas publicas Mobilização das bases com visibilidade pública de pressão e negociação Ampliação das alianças de cooperação: ONGs e movimentos sociais; Agências de Cooperação (FIDA, IICA, FAO, GTZ)

11 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Desafios de la COPROFAM Construção de consensos estratégicos e fortalecimento do poder de suas organizações Articular a luta política das associadas com a melhoria efetiva da qualidade de vida da AFCI Desenhar metodologias que garantam a inclusão dos aspectos de gênero e juventude Articular e divulgar as diversas experiências bem sucedidas (exemplo: PRONAF, REAF)

12 Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR Não diminuirá a pobreza e a fome sem políticas públicas efetivas e adequadas. Não terá políticas públicas eficazes sem luta para conquistá-las. E, não haverá conquista sem organizações fortes e de luta. Facco, janeiro 2004


Carregar ppt "Coordinadora de Organizaciones de Productores Familiares del MERCOSUR COPROFAM EM DEFESA DA AGRICULTURA FAMILIAR, CAMPESINA E INDÍGENA www.coprofam.org."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google