A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tuberculose pulmonar com baciloscopia negativa Marcus B. Conde

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tuberculose pulmonar com baciloscopia negativa Marcus B. Conde"— Transcrição da apresentação:

1 Tuberculose pulmonar com baciloscopia negativa Marcus B. Conde

2 Definição Indivíduo sintomático respiratório com pelo menos duas baciloscopias (baar) de escarro negativas cujo diagnóstico de TB venha a ser confirmado por cultura, biopsia ou outra forma de investigação. Não inclui Indivíduos sem expectoração Pacientes atendidos em locais sem baar TB extrapulmonar Maher D, Chalet P, Spinaci S, Harries AD. Treatment of tuberculosis: guidelines for national programmes, 2 nd,. Geneva:WHO, 1997.

3 / Quantos são?

4 Characteristics of SNPTB in HIV-/+ Classic features of SNPTB 1.22 cases of SNP and EP TB for each SPP TB case Low bacillary burden with minimal disease and no cavitation Less infectious than SPPTB Lower mortality than SPPTB Effectively treated with a variety of regimens Effect of HIV on SNPTB Disproportionate increase in incidence of SNP TB SNPTB is a marker of advanced immunosuppression Infectivity of SNPTB probably unchanged HIV + with SNPTB have higher mortality rates Treatment is associated with more side effects, increased mortality rates, and higher relapse rates IJTLD 2000; 4(2):97-107

5 Diagnóstico Cultura Broncoscopia AAN Sorologia Escarro induzido Imagem Sistema de escore

6 Sensibilidade 50-60% – baar/µL Sensibilidade 80% 10 – 100 baar/µL

7 Pesquisa de BAAR - escarro induzido versus LBA - N = 207 HIV (-) sens EI: 33,8% sens LBA: 38,1% Kappa = 0.92 N = 25 HIV (+) sens EI: 36% sens LBA: 40% Kappa = 0.93 AJRCCM 2000; 162:

8 EE supervisionado positivo EE supervisionado negativo EI positivo50 EI negativo018 Sintomáticos respiratórios com baar negativo (2 amostras) encaminhados para EI Resultados preliminares

9 Árvore em brotamento LSE + cavitação (com pouco ou nenhum líquido) e/ou lesão calcificada residual em parênquima pulmonar e/ou hilo Altamente sugestivo de TB pulmonar OBS. bronquíolos centrolobulares do lóbulo pulmonar secundário dilatados e preenchidos por muco ou material purulento são visíveis na TC de qualquer condição inflamatória ou infecciosa em que haja disseminação endobronquial

10 Comum infiltrado heterogêneo/nódulos e/ou estrias segmentos posteriores dos LS e nos segmentos superiores dos LIS cavitação única ou múltipla, de bordos espessos de diâmetro 5 cm Menos comum forma nodular (única ou múltipla) consolidação pneumônica em lobos superiores

11 Valor preditivo positivo # sensibilidade DoençaSem doença Rx sugestivo de TB ab Rx não sugestivo de TB cd VPP= a / (a+b) = entre os Rx alterados, quantos estão doentes? Sensibilidade = a/(a+c): entre os doentes, quantos tem Rx alterado?

12 Tosse + expectoração Rx alterado BAAR negativo Tosse + expectoração Rx alterado BAAR não realizado Elevada prevalência de TB Elevado VPP Baixa prevalência de TB Baixo VPP

13

14 Escarro baar – (2 amostras) Expectoração espontânea (baar NR)

15 Rendimento da baciloscopia direta em imagem cavitadas Cavitação com diâmetro de 2 cm: 10 9 bacilos/µL Baciloscopia positiva: 10 4 bacilos/ µL Conclusão imagem cavitada = baar positivo (90%)

16 Cavitação na telerradiogafia de tórax Sem depressão linfócitos T TB, fungos, bactérias, MNTB Com depressão linfócitos T(exemplo. HIV soropositivo) Comuns: R. equi, Aspergillus, MNTB, P. aeruginosa Incomuns: P. carini, Kaposi Gallant et al. CID 1996; 22

17 Diagnóstico: na prática diária EstudolocalNTBnão TB Gerhardt 1988 PS (Caxias) (46%)60 (54%) Fiuza 1988 ICF(SP) 6253 (82%)9 (18%) Fiuza 1990 ICF(SP) (79%)22 (21%) Mello 1996 HUCFF UFRJ 9363 (68%)30 (32%)

18 Rx torax Inadequado para o diag de TB Sistema de escore

19 Sistema de escore para TB em crianças (45 casos de PTB e 96 controles sem PTB) Sant'Anna C e cols. IJTLD 2006; 10: Achados SCOREORCI 95% 0/ -10 / Telerradiografia de tórax-5/+5/ História de contato recente com TB 0/ BCG e PT0/+5/ – 438 Status nutricional0/ =provável TB Sens 60%; Esp 98% 30 =possível TB Sens 89%; Esp 86%

20 OR95% CIp value Typical X-ray No1.00 Yes – 4.45<0.01 Presence of sputum No1.00 Yes – Weight loss No1.00 Yes – Age >60 years – < BMC Public Health 2006, 6:43

21 Conclusões 1)O VPP do Rx de tórax é mais baixo nos pacientes com TB não confirmada bacteriologicamente em relação aos pacientes sem escarro e/ou sem baar realizado 2)Cultura e supervisão da coleta de escarro aumentam o rendimento 3)O diagnóstico radiológico é difícil sobretudo em regiões com elevada prevalência de co-infecção pelo HIV 4)Sistemas de escore devem ser validados nos diferentes cenários epidemiológicos

22


Carregar ppt "Tuberculose pulmonar com baciloscopia negativa Marcus B. Conde"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google