A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Modelo de Casos de Uso Selma Shin Shimizu Melnikoff 2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Modelo de Casos de Uso Selma Shin Shimizu Melnikoff 2006."— Transcrição da apresentação:

1 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Modelo de Casos de Uso Selma Shin Shimizu Melnikoff 2006

2 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Atenção!! Isto não é apostila! Procure a leitura correspondente na Programação da Disciplina

3 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Modelo de Casos de Uso Associa as necessidades dos envolvidos (stakeholders) com os requisitos de software. Define o escopo do sistema. Captura e define o comportamento do sistema. Identifica quem ou o que interage com o sistema.

4 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Principais Elementos Ator: alguém ou algo externo ao sistema que interge com o sistema para desempenhar um papel. Caso de uso: representa algo relevante que o sistema faz para o seu ator ator Caso de uso

5 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Caso de Uso Modela um diálogo entre o sistema e atores É um fluxo de eventos completo e significativo em relação a um ator particular Tem início, meio e fim. É descrito através de linguagem natural.

6 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Caso de Uso É iniciado a partir de um evento acionador do sistema, gerado por um ator. Ocorre uma troca de eventos entre o ator, o sistema e outros atores (se for o caso). As interações entre os atores e os sistema se seguem, até que ocorra a conclusão lógica do caso de uso.

7 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Exemplo Estudante pede dados de uma disciplina Sistema apresenta uma lista de disciplinas Estudante seleciona uma disciplina Sistema apresenta os dados da disciplina estudante Consulta disciplina

8 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Ator e Papéis Um ator representa um papel que um humano, dispositivo, equipamento ou sistema pode desempenhar em relação ao sistema. O nome do ator deve mostrar claramente o papel do ator.

9 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Associação de Comunicação É o canal de comunicação entre um ator e um caso de uso. Representação –Seta: indica quem ou o que inicia a interação –Segmento: indica que ambos elementos das extremidades podem iniciar a interação As setas são opcionais em UML.

10 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Exemplo supervisor sensor híbrido sensor ativo sensor passivo monitorar alarme inicia monitoração responde envia responde e envia

11 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Elaboração de Casos de Uso 1. Definir o contorno do sistema. 2. Definir os atores que interagem com o sistema. 3. Definir as diferentes formas que cada ator usa o sistema. 4. Identificar o evento inicial que dispara cada caso de uso.

12 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Elaboração de Casos de Uso 5. Definir a condição de término de cada caso de uso. 6. Elaborar um cenário que descreve uma transação típica de cada caso de uso. 7. Descrever as variações do cenário, se existir. 8. Identificar e descrever as exceções de cada caso de uso.

13 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Recursos adicionais ExtensãoInclusão avisa cliente cadastrado cadastra cliente > gera relatório diário imprime >

14 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Recursos Adicionais Extensão: –Um caso de uso pode ser estendido por um outro caso de uso –A extensão descreve um caso de uso que pode ser inserido no caso de uso, em uma determinada condição –Exemplo: tratamento de alarme (somente se ocorrer alarme)

15 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Recursos Adicionais Inclusão: –Partes comuns a casos de uso podem ser extraídas para serem considerados como caso de uso abstrato –Casos de uso abstratos são usados pelos casos de uso concretos –Exemplo: caso de uso que faz verificação da senha

16 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Descrição de Caso de Uso Nome Descrição sucinta Evento iniciador Atores (primário e secundários ou de suporte) Pré-condições Seqüência de eventos (cenário primário) Pós-condições Extensões Inclusões

17 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Exemplo Sistema para recolher descartáveis

18 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Exemplo - Descrição do Sistema O sistema a ser desenvolvido é o Sistema para Reciclagem de Itens para garrafas, latas e engradados retornáveis. O cliente insere os itens a serem devolvidos, através de entradas apropriadas. O sistema avalia, para cada item, qual tipo foi devolvido, através das suas dimensões. O sistema pode não aceitar um item, se as suas dimensões não corresponderem às dos tipos cadastrados.

19 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Neste caso, o cliente é alertado através da iluminação da mensagem ITEM NÃO VÁLIDO no painel, e deve retirar o item. Se o item for válido, o sistema atualiza o número de itens daquele tipo. Quando o cliente terminar de depositar o último item, ele deve pressionar o botão de pedido de recibo. O sistema imprime a data, a identificação, a quantidade e o valor unitário de cada tipo de item, e o valor total a ser pago pela devolução.

20 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS O sistema é também usado pelo seu operador. Ele pode pedir, no final do dia, a impressão relativa à devolução feita durante aquele dia. O sistema imprime quantos itens de cada tipo foram devolvidos no dia e o número total de itens. Os números registrados são zerados após a impressão, para reiniciar a contagem do novo dia.

21 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS O operador pode, ainda, alterar o valor e as dimensões dos itens, inserir novos itens e eliminar itens existentes. Se o item ficar entalado, ou se acabar o papel para a impressão do recibo, o operador será avisado através de um alarme sonoro. Quando o operador resolver o problema, ele deve resetar o alarme. No caso de item entalado, ele não será contabilizado e o cliente pode prosseguir a operação, sem perder as informações das devoluções já realizadas.

22 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Atores Cliente –coloca os itens a serem devolvidos na máquina e recebe o recibo. Operador –mantém o bom funcionamento da máquina e solicita relatórios diários.

23 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Casos de Uso Devolve item Gera relatório diário Altera item Insere item Exclui item Gerencia item

24 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Diagrama de Caso de Uso gera relatório diário gerencia item devolve item Cliente Operador ator sistema caso de uso

25 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Descrição sucinta Devolve item é disparado pelo cliente, quando ele quer devolver latas, garrafas ou engradados. Para cada item inserido na máquina, o sistema incrementa o contador de itens daquele tipo, para a contabilização do cliente e do total do dia. Após a inserção do último item, o cliente aperta o botão de pedido de recibo; o sistema gera o recibo que contém os itens devolvidos, os valores discriminados por tipo e o valor total a ser devolvido.

26 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Descrição sucinta Gera relatório diário é disparado pelo operador, quando ele deseja imprimir a informação relativa aos itens devolvidos durante o dia. O sistema imprime as quantidades dos itens, discriminados pelos tipos e o total do dia. Os números de itens são zerados para iniciar a contagem do novo dia.

27 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Descrição sucinta Gerencia item é usado pelo operador para alterar as informações armazenadas no sistema. Podem ser alterados: o valor do item, as dimensões do item, bem como inserir ou excluir itens.

28 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Caso de uso Exemplo de extensão: –trata alarme na devolução, quando um item fica entalado Exemplo de inclusão: –imprime: tanto devolve item quanto gera relatório diário tem saída impressa (recibo ou relatório)

29 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Inclusão e Extensão gera relatório diário muda item devolve item avisa cliente > imprime >

30 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Casos de Uso para CRUD CRUD –Create –Retrieve –Update –Delete Alternativas para descrição: –Descrever separadamente –Descrever em conjunto como um caso de uso

31 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Casos de Uso para CRUD Descrição separada: –Cada operação tem metas próprias –Explicita os atores e os níveis de segurança Descrição conjunta –Descrever como caso de uso gerenciar ou manipular, composto pelas operações –Controlar os atores e os níveis de acesso a cada operação.

32 Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Casos de Uso para CRUD Exemplo: Casos de uso distintos para cadastrar, consultar, alterar e eliminar cliente Manipular cliente: –Cadastrar cliente (principal) –Extensões: consultar, alterar, eliminar cliente


Carregar ppt "Selma S. S. Melnikoff EPUSP/PCS Modelo de Casos de Uso Selma Shin Shimizu Melnikoff 2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google