A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Para que a futura realidade do projeto seja bem representada, faz-se uso dos diversos instrumentos disponíveis.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Para que a futura realidade do projeto seja bem representada, faz-se uso dos diversos instrumentos disponíveis."— Transcrição da apresentação:

1 Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Para que a futura realidade do projeto seja bem representada, faz-se uso dos diversos instrumentos disponíveis no desenho tradicional. Basicamente, o desenho arquitetônico manifesta-se principalmente através de linhas e superfícies preenchidas (tramas).

2 Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Costuma-se diferenciar no desenho duas entidades: uma é o próprio desenho (o objeto representado, um edifício, por exemplo) e o outro é o conjunto de símbolos, signos, cotas e textos que o complementam. As principais categorias do desenho de arquitetura são: as plantas, os cortes e secção e as elevações (ou Fachadas).

3 Desenho Arquitetônico Traçado Os traços de um desenho normatizado devem ser regulares, legíveis (visíveis) e devem possuir constraste umas com as outras. Normalmente ocorre uma hieraquização das linhas, obtida através do diâmetro do grafite utilizados para executá-la. Tradicionalmente usam-se tres espessuras: 0,5mm 0,7mm e 0,9mm.

4 Desenho Arquitetônico Traçado Quanto ao tipo de traços, é possível classificá-los em: Traço contínuo. São as linhas comuns. Traço interrompido. Representa um elemento de desenho "invisível" (ou seja, que esteja além do plano de corte). Traço-ponto. Usado para indica eixo de simetria ou linhas indicativas de planos de corte.

5 Desenho Arquitetônico Tramas Os elementos que em um desenho projetivo estão sendo cortados aparecem delimitados com um traço de espessura maior no desenho. Além do traço mais grosso, esses elementos podem estar preenchidos por um tracejado ou trama. Cada material é representado com uma trama diferente.

6 Desenho Arquitetônico Folhas (Papel) Normalmente, as folhas mais usadas para o desenho técnico são do tipo sulfite. Anteriormente à popularização do CAD, normalmente desenvolvia-se os desenhos em papel manteiga (desenhados a grafite) e eles eram arte-finalizados em papel vegetal (desenhados a nanquim ou tinta da China).

7 Desenho Arquitetônico Folhas (Papel) As folhas devem seguir os mesmos padrões do desenho técnico. No Brasil, a ABNT adota o padrão ISO: usa-se um módulo de 1 m² cujas dimensões seguem uma proporção equivalente a raiz quadrada de 2 (841 x 1189 mm). Esta é a chamada folha A0. A partir desta, obtém- se múltiplos e submúltiplos (a folha A1 corresponde à metade da A0.

8 Desenho Arquitetônico Folhas (Papel) Tamanho das folhas Tamanhos de folhas (mm) A4 210 X 297 A3 297 X 420 A2 420 X 594 A1 594 X 841 A0 841 X 1189

9 Desenho Arquitetônico Folhas (Papel) Os escritórios utiliza os formatos A0 e A1, devido à escala dos desenhos. O uso das folhas padronizadas, é muito comum, Isto se dever ao fato de que qualquer folha obtida a partir desde módulo pode ser dobrada e encaixada em uma pasta no tamanho A4, normalmente exigida pelos órgãos públicos de aprovação de projetos.

10 Desenho Arquitetônico Margens A margem deverá ser traçada deixando um espaço de 1 cm nos limites inferior, superior e lateral esquerdo do papel; Enquanto que na lateral direita deverá ser traçada deixando um espaço de 2.5 cm que irá servir para a fixação do papel ao ser arquivado ou encadernado.

11 Desenho Arquitetônico Carimbo ou Legenda Todo desenho deve possuir um carimbo. Serve tanto para identificação como para constar informações sobre o conteúdo da prancha e do desenho. Ele deve conter: Nome da empresa ou profissional responsável Título do desenho ou projeto Nome do projetista / desenhista Nome e dados do Cliente

12 Desenho Arquitetônico Carimbo do desenho

13 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Cotas – são os valores numéricos que indicam a medida da peça. São escritas centralizadas e acima da linha de cota (na horizontal), ou centralizadas e à esquerda, de baixo para cima (na vertical). As unidades das dimensões em um desenho mecânico sempre serão em milímetros,enquanto que no desenho arquitetônico os valores representados estarão em metros.

14 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Linha de cota – São traços contínuos, com linha fina, traçada paralelamente à face do objeto a ser dimensionada, geralmente do lado de fora do desenho. Sobre elas se anota o valor da dimensão. O afastamento dessa linha em relação ao desenho deve variar de 7 a 10 mm.

15 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Linha de chamada ou de extensão São traços contínuos, com linha fina, traçada perpendicularmente à linha de cota e à face a ser dimensionado. São as linhas de chamada que limitam a distância a ser dimensionada. Elas não devem tocar no desenho, devendo manter uma distância de pelo menos 10 mm.

16 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Setas/ traços/ pontos – devem ser colocadas nas interseções da linha de cota com as linhas de chamada. As setas são utilizadas no desenho mecânico, podem ser abertas ou fechadas, e ter um ângulo de 15°. Os traços, ou linhas oblíquas, são utilizadas no desenho arquitetônico, e têm uma inclinação de 45°.

17 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho

18 As cotas serão colocadas no meio e sem tocar a linha de cota; A altura dos algarismos é uniforme dentro do mesmo desenho e está relacionada com a escala do mesmo. Deve-se evitar a repetição de cotas;

19 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Cota total e cota parcial – se os desenhos apresentam reentrâncias, saliências e outros detalhes, deve-se cotar esses detalhes e toda a dimensão do desenho. As cotas dos detalhes são denominadas cotas parciais, e o somatório, cotas totais;

20 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho A Cota total deve ser colocada após as cotas parciais, dependendo do espaço disponível no papel, com uma distância entre linhas de cota de aproximadamente 10 a 25 mm. A cotagem deve ser feita de preferência fora da vista (desenho), sendo porém, em alguns casos, aceitável cotar-se internamente.

21 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Deve-se evitar cotas em arestas não visíveis, se necessário aplicando um corte (a ser visto em outro capítulo); Não deve haver cruzamento de linhas de cotas;

22 Desenho Arquitetônico Cotas do desenho Cotagem de ângulos, raios circunferências A localização de detalhes circulares será sempre feita em função do centro As linhas de centro (traço-e-ponto fina) podem ser usadas como linhas de chamada, mas jamais como linha de cota; As linhas de centro não devem interceptar a linha de cota;

23 Desenho Arquitetônico Cotagem no desenho arquitetônico No desenho arquitetônico temos, além dos elementos e regras já apresentados, a cotagem dos seguintes elementos: Na cotagem de portas, janelas e vãos a primeira medida representa a largura e a segunda medida, a altura (ex: P1=0,70x2,10; J2=2,50x1,00; V4=0,80x2,10).

24 Desenho Arquitetônico Cotagem no desenho arquitetônico Outra forma, coloca-se na planta apenas a indicação de V1, P1, J1 etc. e faz-se um quadro de legenda especificando as dimensões desses elementos. Ainda em relação às janelas, além de determinar a altura e a largura, determina-se também a altura do peitoril (distancia do piso até a base da janela), separando-o das outras medidas com uma barra (/) ou colocando-o como o denominador de uma fração.

25 Desenho Arquitetônico Cotagem no desenho arquitetônico As cotas de nível são sempre em metros no desenho arquitetônico; A cotagem de nível dos pisos é feita colocando dentro dos compartimentos a cota associada (se necessário, com o sinal de (-) quando a cota for negativa) com os símbolos: A cotagem de nível é feita a partir de um valor inicial (nível de referência) fixado em um dos ambientes ou da área externa, ficando as demais cotas em função desse referencial.

26 Desenho Arquitetônico Cotagem no desenho arquitetônico

27 Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Fredy Godoy Arquiteto/Urbanista Engenheiro Seg. Trab. (81) (87) Obrigado


Carregar ppt "Desenho Arquitetônico Elementos do Desenho Para que a futura realidade do projeto seja bem representada, faz-se uso dos diversos instrumentos disponíveis."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google