A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Filosófico Científico. >Ao surgir a filosofia fazia indagações filosóficas e científicas. >Os filósofos procuravam responder ao como e porque das coisas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Filosófico Científico. >Ao surgir a filosofia fazia indagações filosóficas e científicas. >Os filósofos procuravam responder ao como e porque das coisas."— Transcrição da apresentação:

1 Filosófico Científico

2 >Ao surgir a filosofia fazia indagações filosóficas e científicas. >Os filósofos procuravam responder ao como e porque das coisas.

3 A filosofia >Modo de se colocar diante a realidade. > Reflexão dos acontecimentos a partir de posições teóricas. >Qualquer objeto pode ser alvo de especulação filosófica. Ex:

4 >Ciência>Arte >Religião >Homem

5 >Questiona o modo de ser das pessoas, das culturas, do mundo

6 Práticas políticas,Científicas, Técnicas,econômicas...

7 >Porque não há área que ela não se meta, perturbe, indague. > Nesse sentido ela é subversiva e perigosa, pois vira a ordem de cabeça para baixo.

8 Por essa razão muitos filósofos foram condenados. Ex: Sócrates Ao indagar sobre a realidade de sua época, fez surgir novas possibilidades de comportamento e relação social. E do ponto de vista do poder estabelecido mereceu a morte.

9 >A filosofia quer encontrar o significado mais profundo dos fenômenos. > Vai além daquilo que é, propõe o que pode ser. >É indispensável para a vida dos que desejam ser seres humanos completos, cidadãos livres e responsáveis por suas escolhas.

10

11 Conhecimento recebido por tradição, Ajuda a nos situarmos no cotidiano para compreendê-lo e agir sobre ele. não crítico

12 Envolve emoções e valores sempre existiu e contribuiu com a sociedade.

13 B usca o conhecimento sistemático e seguro dos fenômenos do mundo. Explicações controláveis pela experiência, podem chegar a conclusões gerais. aspira à objetividade

14 linguagem rigorosa, evita ambiguidades Linguagem precisa que utiliza a matemática

15 Tornar o mundo compreensível ; Proporcionar ao ser humanos meios de exercer controle sobre a natureza ;

16 Todo o conjunto dos conhecimentos racionais integrava o universo do saber filosófico. O saber filosófico era amplo e universalista. Filosofia e ciência estavam vinculadas.

17 Os pré-socráticos transformaram o conhecimento empírico em ciência, por meio de demonstrações matemáticas. >Tales, Pitágoras Na medicina racionaliza-se a prática saindo-se da superstição e magia a partir de Hipócrates (V a.C.). Faz registros detalhados de casos de identificação de várias doenças e formas de tratamento.

18 Ciência, episteme = é para ele o verdadeiro conhecimento. É a dialética, responsável para se chegar ao conhecimento das essências. A tarefa do filósofo elevar o conhecimento de simples opinião até a ciência (conhecimento do ser verdadeiro)

19 A saber filosófico foi reduzido e passou a ser dividido. O que trouxe a separação da filosofia e da ciência.

20 Ocorreu no século XVII com a revolução galileana. ciência e filosofia separam-se, buscando seu próprio caminho, seu método.

21 Cada ciência delimita o campo de pesquisa e procedimentos específicos. A cada dia se torna mais localizada.

22 Método : meta = ao longo de e hodós = via, caminho. É o percurso que se segue na investigação da verdade.

23 São as atividades realizadas e modo de proceder dos cientistas ao conduzirem suas investigações. Esse método segue as seguintes etapas:

24 Observação dos fatos do mundo. Depois anuncia um problema. Propõe resposta possível - hipótese a ser avaliada. > Resposta que deve ser testada.

25 Verificação da validade da hipótese. P ermite repetição, variação das experiências e simplificação dos fenômenos.

26 A hipótese é confirmada pela experiência, Assim pode ser generalizada.

27 A insaciável sede de conhecimento transformou o mundo num inferno tecnológico. Trouxe regressão dos valores humanos.

28 Os valores morais e sociais influenciam as escolhas das pesquisas. Ex: Galileu que foi obrigado ao silencio pela inquisição.

29 É preciso retirar a falsa ideia da ciência ser a única explicação da realidade, conhecimento certo e infalível. Ela está em constante evolução, sendo suas verdades sempre provisórias.

30 1-Na primeira meditação, Descartes A) percebeu, na idade madura, que havia recebido conhecimentos verdadeiros, só- lidos e bem construídos. B) propõe desfazer-se de todas as opiniões e começar tudo novamente, desde os fundamentos, para estabelecer algo de constante nas ciências. C) percebeu que, na idade madura, faltava tempo para se dedicar à revisão dos fun- damentos do conhecimento. D) quer estabelecer verdades e desfazer-se dos antigos prejuízos.

31 2-Entende-se que, para Platão, na Alegoria da Caverna I) aponta-se para o sentido da entrada do homem no mundo inteligível e o retorno ao mundo sensível. II) aponta-se para o sentido da natureza da educação apropriada ao filósofo. III) o mundo da opinião está presente nas imagens que projetam as sombras e as próprias sombras. IV) a educação deve conduzir para as essências, para a ciência que a alma possui no seu interior. V) a educação deve conduzir para questões que afastem o homem das especulações inte-lectuais. Estão CORRETAS as afirmações contidas na alternativa A) I, II, IV, V B) II, III, IV, V C) I, III, IV, V D) I, II, III, IV

32 3-Na busca do conhecimento, os filósofos da segunda metade do século VI a. C. identificaram um princípio unificador da natureza. Marque a alternativa que CORRETAMENTE explicita tal afirmação. A) Para Aristóteles o primeiro motor; para Heráclito o logos; para Anaxágoras o nous. B) Para Parmênides o ser; para Heráclito o logos; para Anaxágoras o nous. C) Para Parmênides o ser; para Anaxágoras o logos; para Platão o mundo das ideias, para Aristóteles o primeiro motor. D) Para Parmênides o ser; para Anaxágoras o logos; para Platão o demiurgo, para Aristóteles a phisis.

33 Galileu e seus sucessores, atirando objetos de alturas para o solo, e fazendo rolar esferas sobre planos inclinados, contrastavam nitidamente seus métodos com a anterior e habitual especulação inspirada na Metafísica Aristotélica. Achavam-se, pois, abertamente em jogo os procedimentos adequados para a elaboração do Conhecimento. E era preciso não somente determinar esses procedimentos, mas trazer a sua justificação e reeducar-se na condução dos novos métodos. Tanto mais que tais métodos iam chocar-se em última instância com preconceitos profundamente implantados em concepções tradicionais que traziam o poderoso selo de convicções religiosas. As necessidades do momento levavam assim os homens de pensamento a se deterem atentamente nos problemas do Conhecimento. O que, afora as estéreis manipulações verbais a que se reduzira a Lógica formal clássica, praticamente já não detinha a atenção de ninguém. Assinale a alternativa que expressa o problema central desse fragmento de texto.

34 A) A tentativa dos modernos em empreender uma nova metodologia para a Ciência e para a Filosofia. B) A iminente necessidade de se praticar uma Filosofia conduzida por novos métodos e técnicas de aprimoramento da metafísica aristotélica. C) A grande emergência de se fazer uma total integração da Filosofia com a Ciência através de uma tentativa de equiparação dos seus métodos. D) A constatação de que a Filosofia passaria a assumir o comprometimento com as questões relativas ao problema da retórica aristotélica bem como do conhecimento teológico.

35 1-b 2-d 3-b


Carregar ppt "Filosófico Científico. >Ao surgir a filosofia fazia indagações filosóficas e científicas. >Os filósofos procuravam responder ao como e porque das coisas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google