A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FireWire Universidade do Minho Comunicações Industriais João Guimarães Nº38012 Paulo Ricardo Nº38016 Bruno Matos Nº38040.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FireWire Universidade do Minho Comunicações Industriais João Guimarães Nº38012 Paulo Ricardo Nº38016 Bruno Matos Nº38040."— Transcrição da apresentação:

1 FireWire Universidade do Minho Comunicações Industriais João Guimarães Nº38012 Paulo Ricardo Nº38016 Bruno Matos Nº38040

2 Agenda História do FireWire História do FireWire Topologia do barramento Topologia do barramento Protocolo Protocolo Fichas de ligação Fichas de ligação Conclusões Conclusões Bibliografia Bibliografia Universidade do Minho

3 História do FireWire Desenvolvido pela Apple no começo da década de 1990, mas somente em 1995 o padrão FireWire foi padronizado, através da norma IEEE 1394. Desde então, o uso de dispositivos FireWire começou a crescer. Desenvolvido pela Apple no começo da década de 1990, mas somente em 1995 o padrão FireWire foi padronizado, através da norma IEEE 1394. Desde então, o uso de dispositivos FireWire começou a crescer. A Apple é a empresa que mais utiliza o FireWire, mas empresas como Sony, Kodak, HP entre outras, já possuem equipamentos com o FireWire. Os pioneiros, foram os equipamentos de vídeo. Em computadores recentes, é possível conectar dispositivos FireWire com detecção automática (Plug and Play). A Apple é a empresa que mais utiliza o FireWire, mas empresas como Sony, Kodak, HP entre outras, já possuem equipamentos com o FireWire. Os pioneiros, foram os equipamentos de vídeo. Em computadores recentes, é possível conectar dispositivos FireWire com detecção automática (Plug and Play). Universidade do Minho

4 História do FireWire Os produtos Firewire actuais podem operar a uma taxa de 400 Mbps, contra 12 Mbps do USB. Os produtos Firewire actuais podem operar a uma taxa de 400 Mbps, contra 12 Mbps do USB. USB 2.0 operando a 480Mbps, a fireware 800 opera a 800Mbps sob a nova especificação IEEE1394b. USB 2.0 operando a 480Mbps, a fireware 800 opera a 800Mbps sob a nova especificação IEEE1394b. O Firewire com o auxílio de fibras especiais ou comunicação sem fio ("wireless"),poderá atingir velocidades de 800 a 3.200 Mbps. O Firewire com o auxílio de fibras especiais ou comunicação sem fio ("wireless"),poderá atingir velocidades de 800 a 3.200 Mbps. Universidade do Minho

5 Topologia do barramento A topologia do barramento FireWire é do tipo árvore qualquer dispositivo pode ser conectado a outro, sem a necessidade de um Master. Cada equipamento pode ter várias portas. A topologia do barramento FireWire é do tipo árvore qualquer dispositivo pode ser conectado a outro, sem a necessidade de um Master. Cada equipamento pode ter várias portas. Universidade do Minho

6 Protocolo (Camadas) O protocolo IEEE 1394 está organizado em três camadas. O protocolo IEEE 1394 está organizado em três camadas. 1ª - A camada física trata do envio e recepção de pacotes. 2ª - A camada de ligação formata os dados em pacotes IEEE 1394. 3ª - A camada superior gere o protocolo de pedidos/respostas entre nós. Estas camadas são geridas pelo Serial Bus Management. Universidade do Minho

7 Protocolo (Tipos de Transferências) Assíncrona - Estas transferências não requerem uma largura de banda constante e por isso não precisam de uso regular do barramento Assíncrona - Estas transferências não requerem uma largura de banda constante e por isso não precisam de uso regular do barramento Isócrona - Permite o tráfego de dados em tempo real. Este tipo de serviço é requerido em aplicações como áudio ou vídeo. Isócrona - Permite o tráfego de dados em tempo real. Este tipo de serviço é requerido em aplicações como áudio ou vídeo. Universidade do Minho

8 Protocolo (Identificador de nó virtual) Numa rede de barramentos Firewire, os idenificadores para os nós (dispositivos conectados) possuem alguns atributos interessantes. Um deles é a estabilidade a operações de "reset" nos barramentos e a estabilidade ao caminho percorrido pelo pacote de informação. Numa rede de barramentos Firewire, os idenificadores para os nós (dispositivos conectados) possuem alguns atributos interessantes. Um deles é a estabilidade a operações de "reset" nos barramentos e a estabilidade ao caminho percorrido pelo pacote de informação. Quando um nó é removido ou adicionado em algum barramento, automaticamente é iniciado um processo de "reset" de barramento, dando início a um novo procedimento de auto-identificação de barramentos e nós. Dispositivos conectados facilmente detectam a adição ou remoção de nós, bastando para isto comparar a topologia calculada após este "reset" com a topologia calculada após o "reset" anterior. Existe também uma operação periódica que serve para atualizar os identificadores topológicos, que é chamada de refresco ("refresh"). Quando um nó é removido ou adicionado em algum barramento, automaticamente é iniciado um processo de "reset" de barramento, dando início a um novo procedimento de auto-identificação de barramentos e nós. Dispositivos conectados facilmente detectam a adição ou remoção de nós, bastando para isto comparar a topologia calculada após este "reset" com a topologia calculada após o "reset" anterior. Existe também uma operação periódica que serve para atualizar os identificadores topológicos, que é chamada de refresco ("refresh"). Universidade do Minho

9 Protocolo ( Ponte FireWire ) A ponte FireWire é um circuito capaz de permitir a comunicação entre dois ou mais barramentos série com operações independentes. A ponte FireWire é um circuito capaz de permitir a comunicação entre dois ou mais barramentos série com operações independentes. Como pode ser observado, os 2 portais representados podem trocar informações de forma isócrona e assincrona. As transições de pacotes podem ser bidirecionais. Universidade do Minho

10 Fichas de ligação Universidade do Minho

11 Conclusões Apesar da comunicação FireWire ser bastante rápida, a divulgação deste protocolo é ainda muito restrito. Apesar da comunicação FireWire ser bastante rápida, a divulgação deste protocolo é ainda muito restrito. Universidade do Minho

12 Bibliografia www.clubedohardware.com.br www.clubedohardware.com.br http://www.infowester.com http://www.infowester.com http://www.infowester.com http://www.faculty.iu-bremen.de http://www.faculty.iu-bremen.de Universidade do Minho


Carregar ppt "FireWire Universidade do Minho Comunicações Industriais João Guimarães Nº38012 Paulo Ricardo Nº38016 Bruno Matos Nº38040."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google