A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1Dr.Osvaldo Luiz Saide Prof.Osvaldo Luiz Saide. Livre-Docente e Prof Adjunto de Psiquiatria UERJ Genética das Dependências Químicas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1Dr.Osvaldo Luiz Saide Prof.Osvaldo Luiz Saide. Livre-Docente e Prof Adjunto de Psiquiatria UERJ Genética das Dependências Químicas."— Transcrição da apresentação:

1 1Dr.Osvaldo Luiz Saide Prof.Osvaldo Luiz Saide. Livre-Docente e Prof Adjunto de Psiquiatria UERJ Genética das Dependências Químicas

2 2Dr.Osvaldo Luiz Saide Genética nas Dependências Químicas: Estudos epidemiológicos Estudos em famílias Estudos de gêmeos Estudos de adoção Estudos de vulnerabilidade. Estudos moleculares Metabolismo do etanol Sistema dopaminérgico Receptores opióides Relação c/ patologias psiquiátricas

3 3Dr.Osvaldo Luiz Saide Modelo Epigênico e Dependência Química VULNERABILIDADE Dependência. Química Gen A Gen A fator ambiental A fator ambiental A Gen B fator ambiental B Gen C Gen C fator ambiental C Gen D Gen D fator ambiental fator ambiental D fator ambiental Gen Efator ambiental E

4 4Dr.Osvaldo Luiz Saide Dependências Químicas: Alcoolismo Métodos deEstudos Epidemiológicos Métodos de Estudos Epidemiológicos 1.Parentes de alcoolistas com amostras da população geral ou com filhos de não alcoolistas; 2. Filhos de alcoolistas com seus meio-irmãos, filhos de não alcoolistas; 3.Gêmeos monozigóticos de alcoolistas com gêmeos dizigóticos de alcoolistas; 4.Filhos de alcoolistas criados por eles com filhos de alcoolistas adotados logo ao nascer por não- alcoolistas 5.Filhos de alcoolistas adotados logo ao nascer por não alcoolistas, com filho desses pais adotivos.

5 5Dr.Osvaldo Luiz Saide Classificação dos Tipos de Alcoolismo Tipo I 1. Ambos os sexos 2.Formas recorrentes paroxísticas 3.Aparição em > 25 anos. 4. Associada a enfermidades psiquiátricas. 5.Personalidade passivo- dependente. Tipo2 1. Sexo masc. 2. Formas contínuas. 3. Aparecimento precoce < 25 anos 4. Personalidade Anti-Social. 5. Elevada busca de novidades. Fonte: Cloninger,1987.

6 6Dr.Osvaldo Luiz Saide Alcoolismo: Estudos de gêmeos a partir de registros AutorAno Sujeito (nº) Sexo SexoCorrelação Jonsson e Nilsson MZ 750DZ MMMM Clifford MZ 102 DZ 207MZ 165 DZ MMFFMMFF Kaprio MZ 1970 DZ MMMM Fonte: Clemente, Sánchez-Turet,2000

7 7Dr.Osvaldo Luiz Saide Alcoolismo: Alguns estudos de adoção. AutorAnoPaísN Alcoolismo % Risco relativo Goodwin 1973Dinamarca 55 casos M 70 cont Goodwin1977Dinamarca 49 casos F 48 cont Cadoret1985U.S.A 127 casos M 28 cont. 28 cont casos F 24 cont Fonte: Clemente, Sánchez-Turet,2000.

8 8Dr.Osvaldo Luiz Saide Fatores ambientais predisponentes ao Alcoolismo 1.Hábito de tomar bebida forte sem comer. 2.Ocupar empregos como garçom de bar ou de relações publicas que dão a oportunidade de beber muito. 3.Conviver com amigos que usam álcool de forma abusiva. 4.Viver em sociedade em que bebidas estão disponíveis e não são objeto de proibições. 5.Preço baixo das bebidas alcoólicas, principalmente as fortes. 6.Instabilidade social ou quebra de padrões culturais consagrados. apud Vaillant,1999

9 9Dr.Osvaldo Luiz Saide Alcoolismo: Fatores de Vulnerabilidade. -Transtorno de conduta: hiperatividade - Déficit Neuropsicológico. - Traços de personalidade: impulsividade baixa tolerância a frustração Fatores Neurofisiológicos: EEG: % em repouso amplitude do P-300 Fonte: Clemente, Sánchez-Turet,2000

10 10Dr.Osvaldo Luiz Saide - Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) - Personalidade Anti- Social (traços de impulsividade e extroversão). - Personalidade Dependente. -Transtorno Afetivo X Alcoolismo: sexo masc: Alcoolismo Conjunto de poligenes cumulativos sexo fem: depressão (Winokur) Alcoolismo / Drogas Relações com Distúrbios Mentais

11 11Dr.Osvaldo Luiz Saide ÁlcoolAcetaldeido Etanol Acetaldeido Acetato DesidrogenaseDesidrogenase NAD+ NADH NAD+ NADH Esquema de Metabolização do Álcool.

12 Inicialmente o uso de Drogas é voluntário mas o indivíduo pode progredir para o estado de adição caracterizado por procura e uso compulsivo. A adição é um distúrbio de caráter crônico com lapsos. estímulos estressantes e agentes farmacológicos que ativam o sistema dopaminérgico mesocorticolímbico podem reativar a auto-administração Ex- dependentes de cocaína e opiácios apresentam responsividade atípica ao estresse Questões Biológicas e a Clínica das Adições

13 13Dr.Osvaldo Luiz Saide Dependências Químicas Estudos moleculares: - Sistema dopaminérgico: ligado ao prazer e a recompensa - 5 tipos de receptores: DRD1,,DRD3,DRD4,DRD5 DRD2 A1 B1 ALCOOLISMO ! ( Noble 1998) COCAÍNISMO ! ( O´Hara 1992) Receptores opióides mu e alcoolismo (Krungler, 1998)

14 14Dr.Osvaldo Luiz Saide Áreas de Prazer e Uso de Drogas

15 15Dr.Osvaldo Luiz Saide Circuitos Relacionados a Neurofisiologia do TOC

16 16Dr.Osvaldo Luiz Saide Obrigado ! Dr. Osvaldo Luiz Saide.


Carregar ppt "1Dr.Osvaldo Luiz Saide Prof.Osvaldo Luiz Saide. Livre-Docente e Prof Adjunto de Psiquiatria UERJ Genética das Dependências Químicas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google