A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PROMINP 8o. Seminário de Transportes Multimodais 19 de Setembro de 2008.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PROMINP 8o. Seminário de Transportes Multimodais 19 de Setembro de 2008."— Transcrição da apresentação:

1 PROMINP 8o. Seminário de Transportes Multimodais 19 de Setembro de 2008

2 Objetivo do PROMINP Maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, em bases competitivas e sustentáveis, na implantação de projetos de óleo e gás no Brasil e no exterior.

3 Níveis de Investimentos da Petrobras no Brasil Fonte: Petrobras Valores domésticos 1° Trimestre / 2008

4 Gestão do PROMINP Comitê Diretivo Comitê Executivo Coordenador Executivo Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis - MME MME MME – Ministro MDIC – Ministro PETROBRAS – Presidente e Diretor de Serviços BNDES – Presidente IBP – Presidente ONIP – Diretor Geral MME – Secretário de Petróleo e Gás MDIC – Secretário do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior PETROBRAS – Gerente Executivo de Engenharia PROMINP – Coordenador Executivo ONIP – Diretor Associações – Presidente / Diretor (CNI, ABCE, ABDIB, ABEMI, ABIMAQ, ABINEE, ABITAM e SINAVAL) IBP – Diretor BNDES – Diretor PETROBRAS IBP BNDES ONIP Associações Outros MME MMA PETROBRAS IBP IBAMA BNDES ONIP Associações Outros Comitês Setoriais E&PGE&TD ABAST TM IND P&G Comitê Temático de Meio Ambiente - MA

5 Política de Maximização do Conteúdo Local Capacidade de Atendimento da Indústria Nacional Demanda das Operadoras de P&G Parque Industrial Nacional Externo Nacional Atendimento da Demanda pela Indústria

6 Externo Competitividade da Indústria Nacional Parque Industrial Nacional Infra- estrutura Física Pessoas Tecnologia Fatores Internos Nacional Política de Maximização do Conteúdo Local Capacidade de Atendimento da Indústria Nacional Demanda das Operadoras de P&G Atendimento da Demanda pela Indústria

7 Externo Infra- estrutura Física Pessoas Tecnologia Fatores Internos Nacional Questões estruturais (Fatores externos) Regulação Tributação FinanciamentoMeio Ambiente Formas de Transação Política de Maximização do Conteúdo Local Capacidade de Atendimento da Indústria Nacional Competitividade da Indústria Nacional Demanda das Operadoras de P&G Atendimento da Demanda pela Indústria Parque Industrial Nacional

8 Temas estratégicos Carteira de Projetos do Prominp DESAFIO Maximizar Conteúdo Local SustentabilidadeCompetitividade SMS Desempenho Empresarial Política Tributária Financiamento Regulação Fomento à Micro e Pequena Empresa Instrumentos de Política Industrial Capacitação Industrial Qualificação Profissional Capacitação Tecnológica Capacitação Estruturação do Programa E&PTMABASTGE&TDIND P&G MA

9 Oferta de Recursos Críticos Demanda de Recursos Críticos CARTEIRA DE INVESTIMENTOS (Conjunto de projetos) Recursos críticos ENGENHARIA Recursos críticos CONSTRUÇÃO & MONTAGEM Recursos críticos MATERIAIS & EQUIPAMENTOS Recursos críticos ENGENHARIA Recursos críticos CONSTRUÇÃO & MONTAGEM Recursos críticos MATERIAIS & EQUIPAMENTOS CAPACIDADE DA INDÚSTRIA Lacunas Diagnóstico da Indústria Nacional

10 Levantamento da Carteira de Projetos da Petrobras Levantamento da Quantidade de Recursos Críticos para os Cronogramas dos Projetos Projeto A Projeto B Projeto C … Total Recurso X Demanda Planejada - Recurso Crítico X Diagnóstico da Indústria Nacional

11 HISTOGRAMA – Recurso Crítico X jan/03 fev/03mar/03abr/03mar/09abr/09mai/09jun/09 ILUSTRATIVO Diagnóstico da Indústria Nacional

12 HISTOGRAMA – Recurso Crítico X jan/03 fev/03mar/03abr/03mar/09abr/09mai/09jun/09 ILUSTRATIVO Levantamento da Oferta de Recursos Críticos junto às Associações OFERTA Diagnóstico da Indústria Nacional

13 HISTOGRAMA – Recurso Crítico X jan/03 fev/03mar/03abr/03mar/09abr/09mai/09jun/09 ILUSTRATIVO OFERTA Consolidação dos Resultados LACUNAS Demanda não atendida Diagnóstico da Indústria Nacional

14 SustentabilidadeCompetitividade SMS Desempenho Empresarial Política Tributária FinanciamentoRegulação Fomento à Pequena e Média Empresa Instrumentos de Política Industrial Capacitação Industrial Qualificação Profissional Capacitação Tecnológica Capacitação Resultados

15 SustentabilidadeCompetitividade SMS Desempenho Empresarial Política Tributária FinanciamentoRegulação Fomento à Pequena e Média Empresa Instrumentos de Política Industrial Capacitação Industrial Qualificação Profissional Capacitação Tecnológica Capacitação SustentabilidadeCompetitividade SMS Desempenho Empresarial Política Tributária FinanciamentoRegulação Fomento à Pequena e Média Empresa Instrumentos de Política Industrial Plano Nacional de Qualificação Profissional Resultados

16 Carteira de ProjetosRegionalização da Demanda Categorias Profissionais Demanda RJ Demanda SP Demanda BA Demanda ES Demanda XX Demanda Regional COMITÊ DE GESTÃO DO PNQP DIAGNÓSTICO IMPLEMENTAÇÃO IMPLEMENTAÇÃO Plano Nacional de Qualificação Profissional Conceitos

17 Qualificação Profissional Necessidade de Capacitação PROFISSIONAIS REQUERIDOS PARA IMPLANTAÇÃO DE EMPREENDIMENTOS DE P&G CATEGORIAS PROFISSIONAIS MAPEADAS PELO PROMINP * profissionais qualificados profissionais qualificados ENGENHARIA % CONSTRUÇÃO & MONTAGEM CONSTRUÇÃO & MONTAGEM % SUPERIOR % MÉDIO % MÉDIO % BÁSICO % INSPETORES % CONSTRUÇÃO CIVIL CONSTRUÇÃO CIVIL77 13% BÁSICO % MANUTENÇÃO DA OPERAÇÃO MANUTENÇÃO DA OPERAÇÃO3131 6% BÁSICO % MÉDIO % SUPERIOR % TÉCNICO 22 3% TÉCNICO 33 8% 460 TÉCNICO 66 5% 320 * Existem três categorias comuns aos segmentos de C&M e M&O

18 Qualificação Profissional Necessidade de Treinamento por Estado

19 Resultados PNQP Brasil

20 METAS DO PNQP EM 3 ANOS Recursos Financeiros a serem AplicadosR$ 304 milhões Pessoas a serem Treinadas profissionais Localidades17 Estados / 34 Cidades Quantidade de Cursos953 Quantidade de Turmas6.328 Entidades de Ensino Envolvidas 71 Plano Nacional de Qualificação Profissional Ciclos de Cursos 1º CICLO 2º CICLO3º CICLO4º CICLO CURSOS Seleção Realizada CURSOS SELEÇÃOCURSOS Set. 06 a Jun. 07 Jul. 07 a Mar. 08 Abr. 08 a Nov. 08 Dez. 08 a Jun pessoas pessoas pessoas pessoas Seleção Realizada Data atual 5º CICLO SELEÇÃOCURSOS pessoas Jul. 09 a Dez. 09 Seleção Realizada

21 Educação Profissional Etapas e Agentes Tempo Nível de Qualificação Profissional (Escolaridade + Experiência) N 1 perfil inicial N 2 perfil final N3N3 Educação regular Estágio Programas de Inclusão Social (Jovem Aprendiz; Cidade da Solda) Plano Nacional de Qualificação Profissional do Prominp – PNQP Programas de estágio/trainee Ações Experiência Profissional Nivelamento de Qualificação ou Formação t2t2 t1t1 Ações Governamentais + Ações de Inclusão Social das Empresas + ONGs Ações das Empresas Ação PROMINP Cursos Qualificação Profissional

22 Formação e Nivelamento Módulo Básico para C&M PROFISSIONAIS QUALIFICADOS PROMINP Nível de Qualificação Tempo CURSO PNQP PRÉ-REQUISITOS BÁSICOS ESCOLARIDADE MÍNIMA EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL Mecânica - Dutos Mecânica - Montagem Soldagem / Revestimento Elétrica / Eletrônica MÓDULO DE NIVELAMENTO EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

23 Nivelamento Técnico Módulo Básico para C&M CM - SOLDADOR DE ESTRUTURA CM - SOLDADOR DE PIPE LINE CM - SOLDADOR DE TUBULAÇÃO CM - ACOPLADOR CM - CALDEIREIRO CM - CURVADOR CM - ENCANADOR CM - ISOLADOR CM - MECÂNICO AJUSTADOR CM - MECÂNICO MONTADOR CM - OPERADOR DE PAY WELDER CM - REVESTIDOR CM - ELETRICISTA FORÇA E CONTROLE CM - ELETRICISTA MONTADOR Construção e Montagem SoldagemElétrica Foram criadas 3 Rotas de nivelamento técnico Foram eliminados os pré-requisitos de experiência de 14 cursos, totalizando 21 cursos de nível básico sem experiência no 3º ciclo. Escolaridade Nivelamento Técnico Curso Estágio/ Trainee GovernoProminp Empresa

24 Apresentação de Resultados PNQP Avaliação dos Alunos (Nota) Nota Média dos itens avaliados pelos alunos: 88 pts Nota Média dos itens avaliados pelos alunos: 88 pts Quando os alunos avaliam os cursos do Prominp:

25 Índices obtidos Não há diferenças significativas entre os níveis no resultado geral. A percepção de qualidade dos cursos diminui com o aumento da escolaridade. Comentários

26 Apresentação de Resultados PNQP Você recomendaria este curso para outras pessoas? O Prominp melhorou seu desempenho profissional? O Curso do Prominp atingiu as suas expectativas? Ex-alunos entrevistados 9 Estados 15 Cidades 61 Categorias Profissionais Dados da Pesquisa

27 Portal de Qualificação Profissional Currículo no Portal - Macro Fluxo Cadastro no Portal Busca por alunos aprovados Visualização dos profissionais disponíveis Visão Aluno Inscrição no Portal Realização do Curso Aprovação no Curso Detalhamento do Currículo Visão Empresa Contratação Profissional

28 1º PASSO ACESSAR O PORTAL DE QUALIFICAÇÃO DO PROMINP

29 Portal de Emprego do Prominp 2º PASSO REALIZAR O CADASTRO DA EMPRESA NO PORTAL

30 Portal de Emprego do Prominp 2º PASSO REALIZAR O CADASTRO DA EMPRESA NO PORTAL

31 Portal de Emprego do Prominp Empresa XYZ Av. Rio Branco XXº ANDAR XX CENTRO RJRio de Janeiro Abastecimento e Refino Construção Civil João Silva Recrutador / Médio301 a 500 XXXXXXXXX 3º PASSO PREENCHER E ENVIAR OS DADOS DA EMPRESA

32 EMPRESA

33 Portal de Emprego do Prominp empresaxyz ********* 4º PASSO ACESSAR A ÁREA RESTRITA DO SITE UTILIZANDO O LOGIN E SENHA ENVIADOS NA CONFIRMAÇÃO DE CADASTRO

34 Portal de Emprego do Prominp 5º PASSO SELECIONAR A OPÇÃO BUSCAR CURRÍCULOS

35 Portal de Emprego do Prominp RJRIO DE JANEIROMÉDIO CM – SUPERVISOR DE PLANEJAMENTO 6º PASSO SELECIONAR A LOCALIDADE, ESCOLARIDADE E CATEGORIA DO PROFISSIONAL QUE SE DESEJA CONTRATAR.

36 RJRIO DE JANEIROBÁSICO CM – SUPERVISOR DE PLANEJAMENTO 7º PASSO SELECIONAR O CURRÍCULO DO ALUNO PARA VIZUALIZAÇÃO

37

38


Carregar ppt "PROMINP 8o. Seminário de Transportes Multimodais 19 de Setembro de 2008."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google