A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MEDIAÇÃO DE CONFLITOS Tania Almeida Médica. Mediadora, Docente e Supervisora em Mediação de Conflitos © TA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MEDIAÇÃO DE CONFLITOS Tania Almeida Médica. Mediadora, Docente e Supervisora em Mediação de Conflitos © TA."— Transcrição da apresentação:

1 MEDIAÇÃO DE CONFLITOS Tania Almeida Médica. Mediadora, Docente e Supervisora em Mediação de Conflitos © TA

2 Por que falar sobre Mediação neste momento? © TA

3 Século XXI O contexto Do pensamento linear ao pensamento sistêmico. Do pensamento linear ao pensamento sistêmico. Do padrão à coexistência de diferenças Do padrão à coexistência de diferenças Da imposição à negociação pelo diálogo Da imposição à negociação pelo diálogo Das fronteiras mais nítidas às mais tênues Das fronteiras mais nítidas às mais tênues (países, mercados, disciplinas, contextos) Velocidade das mudanças Produtos... Idéias... Soluções... © TA

4 Mediação Processo não adversarial, confidencial e voluntário, no qual um terceiro imparcial facilita a negociação entre duas ou mais partes e auxilia na construção de um acordo mutuamente satisfatório. Processo orientado a manter com as pessoas nele envolvidas a autoria das decisões. Princípio fundamental: AUTONOMIA DA VONTADE © TA

5 (MASC - MESC -ADR -RAD)NEGOCIAÇÃO X Y CONCILIAÇÃO C X Y C MEDIAÇÃO X Y M X Y M RESOLUÇÃO JUDICIAL J X Y J X Y ARBITRAGEM A X Y A X Y Usualmente passamos da Negociação à Resolução Judicial Resolução de Conflitos © TA

6 Etapas do Processo de Mediação Pré-Mediação Pré-Mediação - Informação sobre o Processo - Avaliação da Situação e eleição do Mediador Discurso de Abertura Discurso de Abertura - Negociação e Estabelecimento de Procedimentos - Acordo de Participação e Termo de Independência Relato das Histórias Relato das Histórias - Escuta Ativa do Mediador e das Partes - Técnicas de Comunicação Construção, Ampliação e Negociação de Alternativas Construção, Ampliação e Negociação de Alternativas - Elaboração da Agenda e das Opções - Técnicas de Negociação Fechamento do Processo de Mediação Fechamento do Processo de Mediação - Redação das Conclusões Finais - Encaminhamento Necessário Articulando Necessidade, Possibilidade e Direito © TA

7 Familiar Familiar Comercial Comercial Organizacional OrganizacionalInstituiçõesEmpresas Internacional Internacional Comunitária Comunitária Meio ambiente Interesses comunitários vários Político-Social Político-Social Áreas Clássicas de Atuação © TA

8 Celeridade Celeridade Efetividade de resultados Efetividade de resultados Preservação da autoria Preservação da autoria Atendimento dos interesses mútuos Atendimento dos interesses mútuos Redução do custo emocional Redução do custo emocional Redução do custo financeiro Redução do custo financeiro Sigilo e privacidade Sigilo e privacidade Benefícios da Mediação © TA

9 Prevenção na formação de conflitos Prevenção na formação de conflitos Prevenção na reincidência de conflitos Prevenção na reincidência de conflitos Fluidez na comunicação Fluidez na comunicação Melhoria no relacionamento intergrupal Melhoria no relacionamento intergrupal Melhoria no relacionamento interpessoal Melhoria no relacionamento interpessoal Benefícios da Mediação © TA Co-responsabiliade nas decisões co- construídas.

10 Ambientes Propícios à Mediação As relações continuadas no tempo As relações continuadas no tempo A presença de disponibilidade para rever a própria posição e para trabalhar em prol de atender interesses mútuos A presença de disponibilidade para rever a própria posição e para trabalhar em prol de atender interesses mútuos O desejo de manter controle/autoria sobre a decisão O desejo de manter controle/autoria sobre a decisão A necessidade de celeridade e/ou sigilo A necessidade de celeridade e/ou sigilo © TA Instrumento de Eleição para as Relações Continuadas no Tempo.

11 Objeto Negociável Objeto Negociável Desejo de negociar Desejo de negociar Interesses compatíveis Interesses compatíveis Não envolver questões de prova Não envolver questões de prova Requisitos para a Utilização Participam da Mediação aqueles (partes ou representantes) que têm poder decisório. © GA

12 Como escolher um Mediador? © TA

13 Mediador O mediador é um terceiro imparcial que, por meio de uma série de procedimentos próprios, auxilia as partes em conflito a identificarem interesses comuns e a construírem, em conjunto, alternativas de solução visando o consenso e/ou a realização do acordo. © TA Código de Ética dos Mediadores Código de Ética dos Mediadores : Capacitação Específica IMPARCIALIDADE - CREDIBILIDADE - COMPETÊNCIA - CONFIDENCIALIDADE Capacitação EspecíficaCONIMA

14 © TA A Mediação de Conflitos na Área da Saúde

15 © TA Paciente / Cliente Paciente / Cliente Família / Acompanhante(s) Família / Acompanhante(s) Médico(s) / Assistente(s) Médico(s) / Assistente(s) Especialista(s) Especialista(s) Técnicos Técnicos Entidade médica: administradores, fornecedores, funcionários, prestadores de serviço, terceirizados... Entidade médica: administradores, fornecedores, funcionários, prestadores de serviço, terceirizados... Seguros Seguros As questões que envolvem múltiplas partes são complexas e se beneficiam dos processos de diálogo não-adversariais (ganha-ganha). Um Diálogo com Múltiplas Partes

16 © TA Discursos Estrangeiros Discurso Técnico Staff Médico Pacientes e Família Empresa Seguros Discurso Emocional Discurso Financeiro Considerar e falar o idioma do outro pode necessitar de um terceiro-facilitador.

17 © TA Particularidade Na grande maioria dos processos judiciais da área da saúde, questões relacionais são citadas e implicadas no conflito. Essa qualidade de queixa não é resolvida pela litigância.

18 © TA O diálogo com o paciente e a família é parte do tratamento e da prestação de serviços.

19 © TA A ambientação auxilia na geração e na manutenção do conflito. Usualmente focamos nas pessoas em conflito e não na ambientação / contexto do conflito.

20 © TA A Mediação de Conflitos e a Facilitação de Diálogos na Área da Saúde Os diferentes cenários de negociação Os diferentes cenários de negociação As múltiplas partes envolvidas e suas necessidades As múltiplas partes envolvidas e suas necessidades As particularidades éticas e negociais nesse campo As particularidades éticas e negociais nesse campo Os custos e os benefícios da utilização do diálogo ou de outros instrumentos de resolução Os custos e os benefícios da utilização do diálogo ou de outros instrumentos de resolução

21 © TA A Resolução de Conflitos em Tempo Real (Just in Time Resolution) Os sistemas de gestão de conflitos e seus benefícios para as entidades médicas Os sistemas de gestão de conflitos e seus benefícios para as entidades médicas As juntas de resolução de desacordos e os projetos de parceria médica - Dispute Review Boards As juntas de resolução de desacordos e os projetos de parceria médica - Dispute Review Boards As cláusulas contratuais de resolução de conflitos As cláusulas contratuais de resolução de conflitos Uma nova cultura para a era das parcerias e das ações cooperativas Uma nova cultura para a era das parcerias e das ações cooperativas

22 Mediador De Terceiro Imparcial nas situações de conflito a Facilitador de Diálogos nas questões do cotidiano. © TA

23 Livros e Revistas Processo de MediaçãoProcesso de Mediação Cristopher Moore - Ed. ArtMed Cristopher Moore - Ed. ArtMed Renegotiating Health Care: Resolving Conflict to Build CollaborationRenegotiating Health Care: Resolving Conflict to Build Collaboration Leonard J. Marcus & Col. - Ed. Jossey-Bass The Quarterly Magazine of the Association for Conflict Resolution ( Spring 2003) The Quarterly Magazine of the Association for Conflict Resolution ( Spring 2003) © TA

24 Sites Program for Health Care Negociation and Conflict Resolution: Harvard School of Public HealthProgram for Health Care Negociation and Conflict Resolution: Harvard School of Public Health American Health Lawyers AssociationAmerican Health Lawyers Association Association for Conflict ResolutionAssociation for Conflict Resolution © TA

25 (MASC - MESC -ADR -RAD)NEGOCIAÇÃO X Y CONCILIAÇÃO C X Y C MEDIAÇÃO X Y M X Y M RESOLUÇÃO JUDICIAL J X Y J X Y ARBITRAGEM A X Y A X Y Usualmente passamos da Negociação à Resolução Judicial Resolução de Conflitos © TA

26 Muito obrigada pela atenção de todos! © TA


Carregar ppt "MEDIAÇÃO DE CONFLITOS Tania Almeida Médica. Mediadora, Docente e Supervisora em Mediação de Conflitos © TA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google