A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Regulamentação dos eventos da Brasil Júnior Este documento visa firmar diretrizes para a realização dos eventos do Movimento Empresa Júnior em âmbito.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Regulamentação dos eventos da Brasil Júnior Este documento visa firmar diretrizes para a realização dos eventos do Movimento Empresa Júnior em âmbito."— Transcrição da apresentação:

1

2 Regulamentação dos eventos da Brasil Júnior Este documento visa firmar diretrizes para a realização dos eventos do Movimento Empresa Júnior em âmbito Regional, garantindo que os mesmos estejam alinhados às estratégias da Brasil Júnior e mantenham um padrão de qualidade e seriedade condizente com o perfil do empresário júnior. Essa regulamentação deverá ser seguida pelos Encontros Estaduais de Empresas Juniores promovidos pelas Federações. Aos demais eventos promovidos pelas Federações e EJs, recomendamos que também estejam em conformidade com as diretrizes aqui apresentadas, sendo o cumprimento optativo.

3 Definições 1)Concessão de Inscrições para a Brasil Júnior para os principais eventos estaduais Explicação: A Brasil Júnior necessita garantir sua representatividade, legitimando-se juntos aos empresários juniores das diferentes regiões do país. Além disso, a participação da BJ nos eventos permite o conhecimento das realidades de cada estado e personalização dos projetos. Regra: Serão concedidas 2 inscrições para a BJ em eventos de até 200 participantes. Para eventos com um público superior serão concedidas 4 inscrições para a BJ. No caso da impossibilidade da utilização das inscrições pela diretoria da BJ, as mesmas serão estendidas para a Presidência do Conselho ou devolvidas com um prazo de 15 dias de antecedência.

4 Definições 2) Pacotes preferenciais para empresas confederadas em Eventos Regionais Explicação: É necessário adotar uma política de pacotes especiais a fim de oferecer benefícios para as Empresas confederadas, estimulando as não confederadas a perceberem as vantagens de estarem institucionalizadas no Movimento. Regra: Os pacotes preferenciais, que deverão ser mais baratos, dos eventos regionais, serão concedidos aos empresários juniores de EJs confederadas à BJ. Também é recomendado, porém opcional, que essa diferenciação ocorra de forma que as inscrições para EJs confederadas abram um dia antes do que para as demais, ou com a criação de cotas, sendo que por exemplo, 70% das vagas do evento sejam para EJs confederadas e os outros 30% para as não confederadas. 1

5 Definições 3) Cota mínima para apresentação de Cases em Eventos Estaduais Explicação: Com o intuito de incentivar uma maior participação dos empresários juniores de outras regiões nos eventos estaduais e de estabelecer critérios comuns que delimitem a participação de outros estados nos eventos das federações. Regra: Deverá haver uma cota mínima de 30% de cases de EJs de outras federações contabilizados no número total de cases aprovados no evento.

6 Definições 4) Participação da Brasil Júnior nos eventos regionais Explicação: A Brasil Júnior necessita fortalecer a sua imagem e divulgar seus trabalhos perante o MEJ, além de incentivar a participação das empresas juniores na Confederação. Regras: A. A divulgação da logo da BJ deve aparecer como apoio junto com a logo da Federação organizadora em todos os materiais de divulgação do evento; B. A BJ deverá participar da mesa de abertura do evento; C. O Espaço BJ poderá ser realizado no primeiro ou segundo dia do evento, em horário nobre da programação, antecedendo uma palestra magna; D. Deverá ser reservado um tempo de 1 hora na programação para o Espaço BJ. 2

7 Definições 5) Participação de parceiros da BJ nos eventos regionais Explicação: É de fundamental importância para a BJ ampliar os meios de divulgação de parceiros, ampliando assim os meios de venda a BJ e, por consequência, a captação e prospecção de negócios tanto para a BJ, quanto para as Federações e Empresas Juniores. Regra: Poderá ser inserido o material institucional de pelo menos um parceiro da BJ no kit a ser distribuído aos congressistas do evento e/ou uma mini palestra de um parceiro poderá ser inclusa na programação. O formato e parceiro precisam ser sancionados pela federação.

8 Definições 6) Top Of Mind Explicação: O Top Of Mind tem se estabelecido no cenário nacional como um prêmio importante, motivando as empresas juniores a participarem dos eventos, enviarem cases e compartilharem conhecimento, gerando assim desenvolvimento para o MEJ. Além disso, o prêmio constitui-se como um reconhecimento de classe do MEJ para o MEJ. Regras: A.Todos os eventos regionais deverão disponibilizar 10 minutos em sua programação para o Top Of Mind, além de permitir a aplicação dos questionários da pesquisa durante o evento. B.Para eventos com mais de 350 pessoas será concedida 1 inscrição para a empresa júnior realizadora do Top Of Mind. Esse slide foi excluído 3

9 Definições 6) Fornecer mailing adquirido nos eventos para a BJ Explicação: O intuito deste tópico é criar uma forma de aquisição dos s de empresários juniores de todo o país, a fim de promover maior aproximação direta da Brasil Júnior com os mesmos, mostrando a BJ mais presente em todas as instâncias do MEJ. Regra: Enviar para a Coordenadoria de Relações Públicas da Diretoria de Comunicação da BJ o(s) mailing(s) adquirido(s) nos eventos pelas Federações, através do 30 dias após o encerramento do evento. 4

10 Definições 7) Padronização de cases Explicação: As federações deverão seguir em seus editais de cases, o edital padrão de cases da BJ, elaborado a partir da discussão com as federações. Os cases apresentados devem ser disponibilizados para o E-pratikas da BJ. Regra: Utilização do edital padrão de cases da BJ para todos os eventos regionais.

11 Contra partidas da Brasil Júnior 9) A Brasil Júnior oferece: Divulgação dos eventos no site da BJ; Divulgação por (panorama ou mailing); Divulgação do evento no calendário da BJ; Divulgação do evento no site do ENEJ e no próprio ENEJ, quando possível; Possibilidade de ceder contatos de parceiros, potenciais patrocinadores/participantes* e de palestrantes; Garantia de pelo menos 1 diretor no evento para representar a BJ; Disponibilizar um integrante da equipe de eventos da BJ, para auxiliar a comissão organizadora do evento no que estiver ao alcance da Brasil Júnior e que possa estabelecer a ponte entre a Comissão e a Diretoria Executiva quando isto se fizer necessário; * Dentro de alguns anos espera-se que a Brasil Júnior possa auxiliar as federações com contatos de maneira mais intensa. 5

12


Carregar ppt "Regulamentação dos eventos da Brasil Júnior Este documento visa firmar diretrizes para a realização dos eventos do Movimento Empresa Júnior em âmbito."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google