A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Terceiro Trimestre de 2011 O ministério cristão 2. Proclamação Aconselhamento Intercessão Adoração 1.Serviço Social Ensino Mordomia Liderança Quinto domingo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Terceiro Trimestre de 2011 O ministério cristão 2. Proclamação Aconselhamento Intercessão Adoração 1.Serviço Social Ensino Mordomia Liderança Quinto domingo."— Transcrição da apresentação:

1 Terceiro Trimestre de 2011 O ministério cristão 2. Proclamação Aconselhamento Intercessão Adoração 1.Serviço Social Ensino Mordomia Liderança Quinto domingo 31.Jul.2011

2 Estudo 05 Anunciando a Palavra O ministério da Evangelização Textos bíblicos: At ; At 8.1-4; At 8.5-8; 1Tm ; 1Pe ; 1Jo 4.1-6; Jd Texto áureo: At 8.4: No entanto, os que foram dispersos iam por toda parte, anunciando a palavra.

3 Introdução (I) O ministério da evangelização ou da pregação da palavra é, sem dúvida, o mais conhecido. Em determinado momento do cristianismo poderíamos mesmo afirmar que era o único ministério exercido de maneira eficaz pela igreja de Cristo. Em todo este tempo o ministério da pregação se confundia com o ministério do pastoreio. A verdade é que durante muito tempo, mesmo aqui no Brasil moderno se julgava que o ministério da pregação era algo da exclusividade do pastor. Poucas eram as igrejas que permitiam a pregação por parte dos leigos. Hoje, felizmente, a mentalidade mudou e a pregação passou a ser um ministério do crente em geral.

4 Evangelizar não é a única função da igreja de Cristo. Entretanto, as suas demais funções só poderão ser realizadas a contento se em seu quadro de membros existirem pessoas realmente convertidas. Daí a prioridade que se dá ao Ministério da Evangelização, ou da Pregação, ou ainda da Proclamação. Introdução (II) A mensagem cristã não é um conhecimento reservado apenas a uma elite de iluminados que receberam uma revelação secreta do Senhor. Pelo contrário, a essência da mensagem cristã é acessível a todos os crentes.

5 Introdução (III) Os textos que vamos ler nos evidenciarão a importância que se deu ao ministério da pregação desde a formação inicial da igreja de Cristo: Verificaremos que logo no início da igreja, os crentes em geral, se julgavam na obrigação de pregar o Evangelho (Ato Leiam Atos 8.4: No entanto, os que foram dispersos iam por toda parte, anunciando a palavra

6 Os textos que iremos ler vão-nos mostrar primeiro, que os crentes se julgavam no dever de anunciar a Palavra... Que os diáconos, foram os primeiros evangelistas... Que os apóstolos perceberam esta necessidade e vão incentivá-la aos seus discípulos e aos crentes em geral! 1) Em At , Estêvão é o primeiro leigo pregador; 2) Em At 8.1-4, os crentes em geral também anunciavam; 3) Em At 8.5-8, Filipe é o segundo diácono pregador; 4) Em 1Tm , Paulo ensina sobre este ministério; 5) Em 1Pe , Pedro fala da inspiração necessária; 6) Em 1Jo 4.1-6, João e a pregação que vem do Espírito; 7) Em Jd 20-25, Judas recomenda pregar para salvar. Tais textos fundamentarão para nós o exercício do Ministério da Pregação. Introdução (IV)

7 Vamos abrir as nossas Bíblias e acompanhar com a leitura atenta os ensinamentos nela contidos sobre a prática do ministério da pregação: Veremos aqui que esta prática não é exclusiva do ministério pastoral mas de todos os crentes que se coloquem nas mãos do Senhor!

8 8.Ora, Estêvão, cheio de graça e poder fazia prodígios e grandes sinais entre o povo. 9. Levantaram-se, porém, alguns que eram da sinagoga chamada dos libertos, dos cireneus, dos alexandrinos, dos da Cilícia e da Ásia, e disputavam com Estêvão; 10. e não podiam resistir à sabedoria e ao Espírito com que falava. 11.Então subornaram uns homens para que dissessem: Temo-lo ouvido proferir palavras blasfemas contra Moisés e contra Deus. 12. Assim excitaram o povo, os anciãos, e os escribas; e, investindo contra ele, o arrebataram e o levaram ao sinédrio; 13. e apresentaram falsas testemunhas que diziam: Este homem não cessa de proferir palavras contra este santo lugar e contra a lei; 14. porque nós o temos ouvido dizer que esse Jesus, o nazareno, há de destruir este lugar e mudar os costumes que Moisés nos transmitiu. 15. Então todos os que estavam assentados no sinédrio, fitando os olhos nele viram o seu rosto como de um anjo. Ministério Cristão 1) Estêvão, o primeiro pregador e mártir At

9 Ministério Cristão 2) Os crentes pregavam também – At Naquele dia levantou-se grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e da Samária. 2. E uns homens piedosos sepultaram a Estêvão, e fizeram grande pranto sobre ele. 3. Saulo porém, assolava a igreja, entrando pelas casas e, arrastando homens e mulheres, os entregava à prisão. 4. No entanto os que foram dispersos iam por toda parte, anunciando a palavra.

10 Ministério Cristão 3) Filipe, o diácono-pregador At E descendo Filipe à cidade de Samária, pregava-lhes a Cristo. 6. As multidões escutavam, unânimes, as coisas que Filipe dizia, ouvindo-o e vendo os sinais que operava; 7. pois saíam de muitos possessos os espíritos imundos, clamando em alta voz; e muitos paralíticos e coxos foram curados; 8. pelo que houve grande alegria naquela cidade.

11 Ministério Cristão 4) Paulo ensina a Timóteo sobre o sermão 1Tm Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Cristo Jesus, nutrido pelas palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido; 7. mas rejeita as fábulas profanas e de velhas. Exercita-te a ti mesmo na piedade. 8. Pois o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, visto que tem a promessa da vida presente e da que há de vir. 9. Fiel é esta palavra e digna de toda aceitação. 10.Pois para isto é que trabalhamos e lutamos, porque temos posto a nossa esperança no Deus vivo, que é o Salvador de todos os homens, especialmente dos que crêem. 11. Manda estas coisas e ensina-as.

12 Ministério Cristão 5) Pedro fala sobre a inspiração necessária 1Pd Mas já está próximo o fim de todas as coisas; portanto sede sóbrios e vigiai em oração; 8. tendo antes de tudo ardente amor uns para com os outros, porque o amor cobre uma multidão de pecados; 9. sendo hospitaleiros uns para com os outros, sem murmuração; 10. servindo uns aos outros conforme o dom que cada um recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus. 11. Se alguém fala, fale como entregando oráculos de Deus; se alguém ministra, ministre segundo a força que Deus concede; para que em tudo Deus seja glorificado por meio de Jesus Cristo, a quem pertencem a glória e o domínio para todo o sempre. Amém.

13 Ministério Cristão 6) João fala sobre a presença do Espírito 1Jo AMADOS, não creiais a todo espírito, mas provai se os espíritos vêm de Deus; porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo. 2. Nisto conhecereis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus; 3. e todo espírito que não confessa a Jesus não é de Deus; mas é o espírito do anticristo, a respeito do qual tendes ouvido que havia de vir; e agora já está no mundo. 4. Filhinhos, vós sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo. 5. Eles são do mundo, por isso falam como quem é do mundo, e o mundo os ouve. 6. Nós somos de Deus; quem conhece a Deus nos ouve; quem não é de Deus não nos ouve. Assim é que conhecemos o espírito da verdade e o espírito do erro.

14 20. Mas vós, amados, edificando-vos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, 21. conservai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna. 22. E apiedai-vos de alguns que estão na dúvida, 23. e salvai-os, arrebatando- os do fogo; e de outros tende misericórdia com temor, abominando até a túnica manchada pela carne. 24. Ora, àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçar, e apresentar-vos ante a sua glória imaculados e jubilosos, 25. ao único Deus, nosso Salvador, por Jesus Cristo nosso Senhor, glória, majestade, domínio e poder, antes de todos os séculos, e agora, e para todo o sempre. Amém. Ministério Cristão 7) Judas ensina pregar para salvar Jd 20-25

15 Conclusão 1.O que você tem feito para evangelizar? 2. Você concorda que é responsabilidade de todos? 3. Como você pode evangelizar, se não prega? 4. Você ora enquanto o pastor prega? 5. Você acha que o ministério da evangelização está sendo bem praticado na sua igreja?


Carregar ppt "Terceiro Trimestre de 2011 O ministério cristão 2. Proclamação Aconselhamento Intercessão Adoração 1.Serviço Social Ensino Mordomia Liderança Quinto domingo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google