A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Arquetetura Simplificada de Computadores Prof. Fábio Martins Turma: 1-SIMA/06 2° Semestre.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Arquetetura Simplificada de Computadores Prof. Fábio Martins Turma: 1-SIMA/06 2° Semestre."— Transcrição da apresentação:

1 Arquetetura Simplificada de Computadores Prof. Fábio Martins Turma: 1-SIMA/06 2° Semestre

2 Qual é a Menor Unidade de Armazenamento ? Bit ? Byte ? Kilobyte ? Megabyte ? Gigabyte ? Terabyte ?

3 Unidades de Medidas Bit (b) - é menor informação que um computador pode processar. Corresponde a um pulso elétrico. Se existe, tem valor 1 e, se não existe, tem valor 0. Isto forma o código binário (0- 1). Por ser muito pequeno, não é utilizado para medir memória. No entanto, é a unidade de medida da capacidade de processamento dos computadores. Byte (B) - conjunto de 8 bits; representa um caractere. Kilobyte (KB) - conjunto de 1024 Bytes. Megabyte (MB) - conjunto de 1024 KB ou Bytes. Gigabyte (GB) - conjunto de 1024 MB ou KB ou Bytes.

4 Processador Intel 386

5 Processador Intel 486DX

6 Processador Cytrix 5x86

7 Processador AMD 5x86

8 Tabela do Pentium

9 Processador AMD Duron Spitfire Duron Morgan

10 Processador Athlon MP

11 Processador Celeron Tualatin

12 Processador Pentium 4 Northwood

13 Processador Itanium

14 Velocidade de Processamento A velocidade de processamento é medida em GigaHertz; Os Processadores hoje estão sendo muito utilizados dos modelos: AMD Duron 1.0GHZ AMD Semprom 2.0GHZ AMD Athlon 2.8GHZ Intel Celeron 2.0GHZ Intel Pentium IV 2.8GHZ

15 Medida de Freqüência dos Processadores A Freqüência é medida em MegaHertz; É a mesma unidade de medida do SOM; Quanto maior for a freqüência, maior será a resposta do processador.

16 Consumo de Energia dos Processadores Os Processadores consomem por volta de 1,60 Volts a 1,75 Volts; Isso muda muito de fabricante e de modelo; O Duron consome 1,75 volts enquanto o. Pentium consome 1,60 volts

17 Outra Diferença Hoje temos os processadores de 32bits nos modelos mais comuns – Duron, Celeron, Pentium I – II – III e o Semprom; Agora temos os processadores que já estão saindo com 64bits emulado, como é o caso do Athlon 64 e o Intel 64; A versão de Windows para essas máquinas também é outra, o Windows 64bits.

18 Problemas Os Processadores AMD exigem uma refrigeração maior que os da Intel; O AMD é mais fácil de aquecer e assim, fica mais fácil de queima do processador por aquecimento. Os Processadores Celeron não tem memória Cache para processamento, usando assim a memória ram da máquina para esse trabalho.

19 Outras Mudanças Mudança nas pinagens dos soquetes para os processadores; Os mais antigos eram soldados na placa, ai veio o Modelo do 286 e 386 com soquetes modelo 3 e 4 com pinos; Hoje estamos usando o soquete 7 para o AMD e Intel; Temos o modelo que não foi muito aceito no Pentium III e Celeron, que foi o Soquete tipo Slot; E já está saindo micros com um novo modelo que é o soquete 775.

20 Fontes de Força As Fontes de Energia do micro são as mesmas que temos desde o modelo do 286, o que evoluiu foi a potencia e o número de conexões; Temos fontes de 200Watts até 500Watts; Os micros mais novos exigem fontes de 500watts para poder rodar tudo que tem neles.

21 Algumas Fontes

22 Ventilação A Ventilação do micro e do processador são muito vitais ao funcionamento; Verificar sempre se o Cooler (Ventiladores), estão funcionando corretamente, se estão virando livremente ou não; Pode ser usado óleo Singer ou WD para se lubrificar os rolamentos ou roletes que existem nos Coolers.

23 Dúvidas ???? Pó afeta no Funcionamento? Devemos limpar o micro com o que ? Produtos de limpeza estragam o micro ? Podemos deixar o micro aberto ? Aparelhos de Som prejudicam o computador ? Podemos colocar imã na CPU ?

24 OverClock OverClock de Processadores é você mexer na Bios do micro de forma a forçar uma maior velocidade de processamento no processador e em placas de vídeo; Exemplo: Duron 1.3GHZ mexemos na bios e colocamos com 1.5GHZ Isso é legal de se fazer ?

25 Placas On-Board e Off-Board Qual a diferença de uma para a outra ? Qual é a Melhor delas ? 1- Asus 2- PCChips 3- Gigabit 4- Via 5- etc

26 O que é BIOS ? BIOS, em computação, é a sigla para Basic Input/Output System (Sistema Básico de Entrada/Saída) ou Basic Integrated Operating System (Sistema de Operação Básico Integrado). A BIOS é o primeiro programa executado pelo computador ao ser inicializado. Sua função primária é preparar a máquina para que outros programas, que podem estar armazenados em diversos tipos de dispositivos (discos rígidos, disquetes, CDs, etc) possam ser executados. A BIOS é armazenada num chip ROM (Read-Only Memory, Memória de Somente Leitura) localizado na placa-mãe, chamado ROM BIOS.BIOS, em computação, é a sigla para Basic Input/Output System (Sistema Básico de Entrada/Saída) ou Basic Integrated Operating System (Sistema de Operação Básico Integrado). A BIOS é o primeiro programa executado pelo computador ao ser inicializado. Sua função primária é preparar a máquina para que outros programas, que podem estar armazenados em diversos tipos de dispositivos (discos rígidos, disquetes, CDs, etc) possam ser executados. A BIOS é armazenada num chip ROM (Read-Only Memory, Memória de Somente Leitura) localizado na placa-mãe, chamado ROM BIOS.computaçãoprogramacomputadordispositivosdiscos rígidosdisquetesCDs chipROMplaca-mãeROM BIOScomputaçãoprogramacomputadordispositivosdiscos rígidosdisquetesCDs chipROMplaca-mãeROM BIOS

27 Bios Phoenix

28 O Que é CMOS ? A CMOS é a memória da BIOS que guarda dados da máquina como data e hora atual, além de detalhes dos equipamentos configurados. Enquanto o computador está desligado, é esta memória (alimentada geralmente por uma bateria de 3V) que mantém o relógio atualizado e permite que os últimos equipamentos utilizados sejam identificados rapidamente na inicialização.CMOSmemória bateria3V

29 CMOS

30 O Que é Eprom ? Uma EPROM, ou erasable programmable read-only memory, é um tipo de chip de memória de computador que mantém seus dados quando a energia é desligada. Em outras palavras, é não-volátil. Uma EPROM é programada por um dispositivo eletrônico que dá voltagens maiores do que os usados normalmente em circuitos elétricos. Uma vez programado, uma EPROM pode ser apagada apenas por exposição a uma forte luz ultravioleta. EPROMs são facilmente reconhecíveis pela janela transparente no topo do pacote, pela qual o chip de silício pode ser visto, e que admite luz ultravioleta durante o apagamento. O processo de apagamento dura de 10 a 30 minutos. ultravioletasilício

31 Eprom

32 Uma EPROM programada mantém seus dados por aproximadamente dez a vinte anos e pode ser lida ilimitadas vezes. A janela de apagamento tem que ser mantida coberta para evitar apagamento acidental pela luz do Sol. Antigos chips de BIOS de PC eram freqüentemente EPROMs, e a janela de apagamento era frequentemente coberta com um adesivo contendo o nome do produtor da BIOS, a revisão da BIOS, e um aviso de copyright.BIOS Alguns microcontroladores, frequentemente aqueles de antes da era da memória flash, usam EPROM para armazenar seus programas. Isto é útil para desenvolvimentos, pois usar dispositivos programáveis apenas uma vez seria terrivelmente difícil para depurar.microcontroladores memória flash A EPROM foi inventada pelo engenheiro Dov Frohman.Dov Frohman Para se programar uma EPROM, é necessário utilizar um equipamento conhecido como Programador. O Gravador tipo Willem é um exemplo desse tipo de equipamento. Também é possível se recorrer a empresas epecializadas (no Brasil temos a SAMTECH, cujo endereço é tipo Willem Existem EPROMs em vários tamanhos ambos físicos e de capacidade de armazenamento:

33 Memória Flash Memória Flash é uma memória de computador do tipo EEPROM NAND que permite que múltiplos endereços sejam apagados ou escritos numa só operação. Em termos leigos, trata-se de um chip re-escrevível que, ao contrário de uma RAM, preserva o seu conteúdo sem a necessidade de fonte de alimentação. Esta memória é comumente usada em cartões de memória e em drives flash USB.memóriacomputadorEEPROM NANDRAM flashUSB Também vem começando a ser chamado de disco sólido pelo grande futuro que tem pela frente, já que além de ser muito mais resistente que os discos rígidos atuais, apresenta menor consumo, maiores taxas de transferência, latências e peso muito mais baixos. Chega a utilizar apenas 5% dos recursos normalmente empregados na alimentação de discos rígidos. Já é cogitado o seu uso em notebooks, o que será expandido para a versão desktop em no máximo 5 anosdiscos rígidos

34 O que é Prom ? Uma PROM (do inglês programmable read-only memory, ou seja, memória programável só de leitura) é uma forma de memória digital onde o estado de cada bit está trancado por um fusível ou antifusível. A memória pode ser programada só uma vez depois do fabrico pelo "rebentamento" dos fusíveis (usando um PROM blower), o que é um processo irreversível. O rebentamento de um fusível abre uma ligação, enquanto que o rebentamento de um antifusível fecha uma ligação (daí o nome). A programação é feita pela aplicação de pulsos de alta voltagem, que não são encontrados durante a operação normal (tipicamente, de 12 a 21 volts). Read-only, ou só de leitura, significa que, ao contrário do que acontece com a memória convencional, a programação não pode ser alterada (pelo menos pelo utilizador final).memória digitalfusívelantifusívelvolts Uma PROM típica sai da fábrica com todos os bits no estado 1. A queima de um fusível durante a programação faz com que o seu bit passe a 0. Estas PROMs são usadas para armazenar permanentemente os programas. São frequentemente encontradas em jogos de computador ou em produtos como dicionários electrónicos, onde é possível substituir PROMs para diferentes línguas.jogos de computador Atualmente muitos microcontroladores utilizam PROMs internas, permitindo que sejam adquiridos limpos (sem dados) para que possam ser programados pelo utilizador ou pela fábrica que o esteja utilizando nos seus projetos. Esta tecnologia é conhecida como OTP ((One-Time Programmable - Programável uma Única Vez)microcontroladoresOTP

35 Como Surgiu a Prom História A PROM foi inventada em 1956 por Wen Tsing Chow, trabalhando na Arma Division da American Bosch Arma Corporation em Garden City, Nova Iorque. A invenção foi feita a pedido da Força Aérea dos Estados Unidos, que procurava uma maneira mais flexível e segura de armazenar as constantes de alvo no computador digital do Atlas E/F ICBM. A patente e tecnologia associada esteve sob segredo durante os vários anos em que o Atlas E/F permaneceu como o principal míssil operacional da força de ICBMs dos Estados Unidos. O termo "queimar" (burn out) também se pode encontrar na patente original, visto que uma das implementações originais incluía queimar, literalmente, os filamentos internos dos díodos com uma sobrecarga de corrente a fim de produzir uma descontinuidade no circuito. As primeiras máquinas de programação de PROMs também foram desenvolvidas pelos engenheiros da Arma sob a direcção de Chow e estiveram instaladas no laboratório da Arma em Garden City e no quartel- general do Comando Aéreo Estratégico da Força Aérea. Sendo que naquela época,se planeja a união de sistemas para a visão estrutural1956Wen Tsing ChowGarden CityNova IorqueForça Aérea dos Estados UnidosICBMdíodosComando Aéreo Estratégico


Carregar ppt "Arquetetura Simplificada de Computadores Prof. Fábio Martins Turma: 1-SIMA/06 2° Semestre."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google