A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Lição 10 para o dia 6 de Dezembro de 2008. Quanto mais se aproximava o Getsemâni, Jesus sentiu uma tremenda angustia e uma grande necessidade do apoio.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Lição 10 para o dia 6 de Dezembro de 2008. Quanto mais se aproximava o Getsemâni, Jesus sentiu uma tremenda angustia e uma grande necessidade do apoio."— Transcrição da apresentação:

1 Lição 10 para o dia 6 de Dezembro de 2008

2 Quanto mais se aproximava o Getsemâni, Jesus sentiu uma tremenda angustia e uma grande necessidade do apoio por parte de seus discípulos. A minha alma está profundamente triste, triste até a morte (Marcos, 14: 34)

3 Qual foi a causa de semelhante angustia? Qual foi a causa de semelhante angustia? Foi o temor do que os seres humanos podiam fazer-lhe? Foi a carga que sentia ao suportar o pecado do mundo? Começou a ser consciente de que se aproximava a sua morte eterna?

4 Jesus devia beber a taça da ira de Deus. Três vezes rogou ao Pai que passara dele esse cálice, que buscasse alguma outra maneira de salvar o homem. A resposta do Pai foi o silencio. A resposta do Filho a submissão. E nesse momento, um anjo baixou para consolar-lhe e fortalecer- lhe. Não beberei, porventura, o cálice que o Pai me deu? (João, 18: 11) Não beberei, porventura, o cálice que o Pai me deu? (João, 18: 11)

5 A separação de seu Pai? O cumprimento das profecias messiânicas? A ira do justo Juiz? Que significava a cálice para Jesus? Que significava a cálice para Jesus?

6 Diariamente, estando eu convosco no templo não pusistes as mãos sobre mim. Esta, porém é a vossa hora e o poder das trevas (Lucas, 22: 53) No momento de maior escuridão, Jesus foi entregue nas mãos dos poderes do mal.

7 Quem entregou a Jesus nas mãos dos pecadores? Quem entregou a Jesus nas mãos dos pecadores? Judas Iscariotes? O Pai? Ele mesmo? Você e eu?

8 O Pai, o Filho e o Espírito Santo sofreram terrivelmente na cruz. Jamais antes haviam estado separados e jamais o volverão a estar. Mas por um momento, sofreram essa separação por amor ao homem, para conseguir sua salvação. Deus meu, Deus meu, porque me desamparastes? (Mateus, 27: 46)

9 Qual foi a natureza do sofrimento experimentado pela separação da Divindade? Qual foi a natureza do sofrimento experimentado pela separação da Divindade? O pecado que Cristo carregava em nosso lugar? Que não existisse um mediador que pudesse nos reconciliar? O fato de experimentar a morte eterna?

10 Voluntariamente Jesus deu a sua vida na cruz. Entregou seu espírito para volver a tomar. Ninguém podia tirar a vida do justo, ele a deu por amor. Por isso o Pai me ama, porque eu dou a minha vida para a reasumir. Ninguém a tira de mim: pelo contrário eu expontâneamente a dou (João, 10: 17-18)

11 O que consumou a Jesus na cruz? Seu ministério terrenal? A reconciliação do homem com Deus? O plano da salvação? A expiação?

12 Nossa salvação foi alcançada mediante o sofrimento infinito do Filho de Deus. Seu peito divino levou a angustia, agonia, a dor que o pecado de Adão trouxe sobre a raça humana. O calcanhar de Cristo foi ferido de verdade quando sua humanidade sofreu, e o pesar más profundo que haja oprimido alguma vez aos seres que havia criado, afligiu a sua alma enquanto estava pagando a imensa dívida que o homem devia a Deus E.G.W. (Manuscrito 75, 1886)

13


Carregar ppt "Lição 10 para o dia 6 de Dezembro de 2008. Quanto mais se aproximava o Getsemâni, Jesus sentiu uma tremenda angustia e uma grande necessidade do apoio."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google