A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Hinduísmo Escola Básica e Secundária do Porto Moniz Ano letivo 2012/2013 9ºA Trabalho elaborado por: Natalie Ramos, nº10.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Hinduísmo Escola Básica e Secundária do Porto Moniz Ano letivo 2012/2013 9ºA Trabalho elaborado por: Natalie Ramos, nº10."— Transcrição da apresentação:

1 Hinduísmo Escola Básica e Secundária do Porto Moniz Ano letivo 2012/2013 9ºA Trabalho elaborado por: Natalie Ramos, nº10

2 Índice Introdução Hinduísmo  Símbolo;  Origem e evolução;  Religião Bramânica;  Livros sagrados e textos de referência; Princípios fundamentais  Quatro pilares;  Três grandes princípios; Ritmos e costumes

3 Introdução  O Hinduísmo é uma cultura sagrada onde apresenta uma união de crenças com estilo de vida.  O hinduísmo como conhecemos hoje é a união de diferentes manifestações culturais e religiosas.

4 Hinduísmo  A religiosidade principal da índia é o Hinduísmo, que é um fenómeno que engloba a totalidade da vida.  Hinduísmo é o nome que o mundo ocidental atribuiu a um conjunto de crenças, filosofias e rituais adotados pelo povo que viviam nas margens do rio Indo.  Hínduismo é mais do que uma religião, é um conjunto de religiões ou de tendências religiosas, reunindo uma enorme variedade de crenças e cultos.  Os hindus acreditam num Deus superior, que se manifesta em múltiplas divindades, e uma ideia muito bem definida da salvação individual, que alcança através de acções realizadas por cada um, através de contemplações ou através do amor absoluto a Deus.

5 Símbolo O símbolo do Hinduísmo é o “Om”. É a sílaba sagrada e é aquela que dá origem a todas as orações. Graficamente é um yantra que é composta por formas geométricos que é considerado uma representação do ser humano e do universo, mas pronuncia-se um mantra.

6 Origem e evolução A existência do Hinduísmo antecede os registos históricos e as suas origens perdem-se no tempo. A mais antiga evidência de uma religião da Índia data do fim do Neolítico ( a.C.). O Hinduísmo moderno cresceu a partir dos Vedas, dos quais o mais antigo é o Rig Vega, que data de a.C. Os Vedas centralizam o culto em divindades como Indra, Varuna e Agni, e no ritual do soma.

7 Religião Bramânica Esta religião divide a sociedade em quatro castas: os Brâmanes (Sacerdotes), os Cxátrias (guerreiros), os Vaixias (artífices) e os Sudras (servos).

8 Religião Bramânica Na época bramânica também se desenvolve a ideia de karma (herança de encarnações anteriores e destino: castigo ou recompensa), em conformidade como o cumprimento do darma ( lei, deveres). Também na crença na reencarnação (transferência da alma para o outro, após a morte) e no nirvana (libertação das reencarnações e integração na eternidade) se desenvolveram neste período. KarmaDarma Reencarnação

9 Livros sagrados e textos de referêcia As escrituras hindus são chamadas Shastras (“ Tesouros do Conhecimento” ou “Instruções”), dividem- se em dois grupos: Shruti ( «Escutado; Revelado») - textos ouvidos directamente de Deus- e Smriti («Memória»)- textos que contêm explicações sobre o Shruti.

10 Princípios Fundamentais O princípio fundamental no hinduísmo é a rectidão. A índia é possuidora de um dos menores índices de criminalidade no mundo, apesar da sua imensa população de quase mil e duzentos milhões de pessoas que vivem numa condição económica muito precária. O Hinduísmo possui um conjunto de leis (sastras) que norteiam o agir dos crentes: os quatro pilares e o três grandes princípios.

11 Quatro pilares Artha - conjunto de regras que tem por objectivo tratar de riqueza económica, destribuição de bens e valores, administração de riqueza do país, impostos e procura de sustento para famílias. Darma - constitui uma parte religiosa, como o exercício de Direito. Salienta-se no Código de Manu, o mais antigo grupo de regras sociais e civis, não há vingança de sangue. Tem obrigação de cumprir deveres religiosos, morais e sociais. Kama - actividade do gozo, dos sentidos, a arte e a estatística. O hindu tem como obrigação continuar e procurar a linguagem. Moksha – é um conjunto de regras que promove a libertação do interno retorno da alma. O hindu tem como obrigação procurar a auto- realização e libertação do ciclo de reencarnação.

12 Três grandes princípios Ahimsa- conhecido como não violência, à notável conduta de Mahatma Ghandi, libertação da Índia do domínio inglês. Por isso maior parte dos hindus opta pela vegetarianismo uma vez que matar uma criatura é um acto de violência. Karma – Significa acção ao trabalho que não há acção sem reacção, uma vez que está interligado com a natureza. Samsara – Princípio da reencarnação,significa retorno ao mundo materia. O Karma conduza conduz a vida futuro, mas voltamos ao mundo material e somos responsáveis pelo nosso destino através das nossas acções.

13 Ritos e Costumes Principais ritos que consiste na duração da divinidade. Sobressaem-se três divindades maiores: Brama- Deus criador de todas as coisas e para o qual todo regressa; Vixnu- Deus conservador; Xiva – Deus destruidor. Estes três formam a Trimurti. Ao longo dos tempos as divinidades encarnam assumindo individualidades diversas.

14 Conclusão  Com o conhecimento deste trabalho apercebi que esta religião, é uma religião muito sagrada porque eles acreditam em vários deuses, e que também para eles os animais são sagrados.

15 Bibliografia Manual do Aluno de EMRC.: Horizontes de Esperança 9º ano.


Carregar ppt "Hinduísmo Escola Básica e Secundária do Porto Moniz Ano letivo 2012/2013 9ºA Trabalho elaborado por: Natalie Ramos, nº10."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google