A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

XIII ASSEMBLEIA DIOCESANA: COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. APONTAMENTOS PARA O PLANO DIOCESANO E PAROQUIAL DE AÇÃO EVANGELIZADORA 22/02/2014.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "XIII ASSEMBLEIA DIOCESANA: COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. APONTAMENTOS PARA O PLANO DIOCESANO E PAROQUIAL DE AÇÃO EVANGELIZADORA 22/02/2014."— Transcrição da apresentação:

1 XIII ASSEMBLEIA DIOCESANA: COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. APONTAMENTOS PARA O PLANO DIOCESANO E PAROQUIAL DE AÇÃO EVANGELIZADORA 22/02/2014

2 1) LITURGIA Para que todos entendam o significado da Liturgia e ela seja bem celebrada a ponto de se tornar verdadeiro encontro com Jesus Cristo, a XIII Assembleia sugeriu que haja em nossa Diocese e Paróquias: Uma Comissão Diocesana de Liturgia bem formada que ofereça: encontros de formação litúrgica a nível de diocese e/ou setores e acompanhe/oriente os encontros paroquias, material próprio e comum para formação litúrgica; livro de cantos próprio da diocese, cursos de formação específica sobre canto litúrgico/música sacra. As paróquias, com a orientação e apoio dos padres devem proporcionar uma maior formação litúrgica para todas as equipes de celebração contemplando todos os aspectos litúrgicos como: tempo, cores e cantos litúrgicos, partes da Missa, uso dos instrumentos musicais e dos folhetos litúrgicos, entre outros. Dar destaque especial para a formação e preparação dos ministérios litúrgicos: comentaristas, leitores, salmistas, meces, coroinhas.

3 2) CONSELHOS Para que os conselhos se tornem missionários e possam ser fomentadores de novos GRPs e outros pequenos grupos, a XIII Assembleia sugeriu ser necessário: Formação e preparação adequadas para aqueles que assumem e para os que já estão envolvidos na caminhada dos conselhos a mais tempo. Realizar os encontros, reuniões e trabalhos dos conselhos a partir de um encontro com Jesus Cristo por meio de momentos de espiritualidade e/ou leitura orante da Palavra. Envolver todos os conselhos no planejamento paroquial, para desta maneira orientar e incentivá-los a trabalhar em unidade e diálogo com toda a paróquia, grupos, movimentos e pastorais com o mesmo objetivo: a evangelização. Investir não só nas necessidades materiais, mas também nas espirituais e na formação das lideranças agentes da evangelização.

4 3) PASTORAL DO DÍZIMO Para que nossas festas sejam mais evangelizadoras e contribuam melhor na renovação de nossas paróquias, a XIII Assembleia sugeriu ser recomendável que: Sejam realizadas sem o uso de bebida alcoólica, sendo necessário para isso, um ano de conscientização sobre esta necessidade e sobre os malefícios causados pelo consumo de álcool. Ajudaria para isso a colocação de placas de conscientização nos locais de festa da comunidade. Também poderia se começar fazendo a experiência de uma das festas tradicionais sem a venda de bebida alcoólica. Tenham cada vez mais como a razão de ser, a fé em Jesus Cristo e a devoção ao santo padroeiro ou a aquele que é celebrado, com o foco na espiritualidade, realização de tríduos, procissões, confissões e outros momentos afins.

5 Também é necessário tirar das festas a função de arrecadar recursos para a manutenção da Igreja, que é do dízimo. Para isso, é preciso formar uma equipe diocesana da pastoral do dízimo, que seja apresentada ao povo, e que articule as equipes paroquiais da pastoral do dízimo e um trabalho de formação e conscientização sobre o dízimo a nível de diocese e de paróquias. Esta conscientização deverá durar um ano. As equipes paroquiais realizem, com o apoio do padre, formação para os agentes desta pastoral. Realizem também, celebrações mensais sobre o dízimo, na intenção dos dizimistas, com sorteio de brindes aos aniversariantes, e prestação de contas da arrecadação e dos investimentos nas três dimensões: social, evangelização e missionária. É necessário, ainda, adquirirmos a consciência da partilha, principalmente entre as paróquias e comunidades maiores e melhores financeiramente e pastoralmente com as menores e em situação de maiores dificuldades. Para isso, sugere-se a criação de um fundo diocesano, tipo caritas, que receba e encaminhe as doações sob a supervisão e orientação do bispo diocesano.

6 4) SERVIR AOS POBRES A XIII Assembleia Diocesana apontou algumas pistas de ações que favoreçam e iluminem uma pastoral social estruturada na diocese e nas paróquias, que podem ser: Organizar a Caritas ou as pastorais sociais na diocese e nas paróquias formando e capacitando os seus agentes. Ir ao encontro e acolher os pobres e necessitados onde eles estão, conhecendo suas realidades e necessidades sociais de nossas paróquias. Fazer cadastro de pessoas e famílias. Oferecer Jesus Cristo a eles. Acolhê-los nos GRPs. Apoiar os movimentos e pastorais que trabalham com os mais pobres e ter presença nos diversos conselhos públicos. Realizar coletas de donativos, celebrações do quilo, e outras iniciativas, mas sempre com o cuidado de não se tornar apenas assistencialista, mas acima de tudo, amigos dos pobres.

7 5) EVANGELIZAÇÃO DA JUVENTUDE O trabalho do Setor Juventude da diocese precisa ser melhor estruturado, com maior empenho da equipe de assessoria. A XIII Assembleia Diocesana oferece algumas pistas para ações com os jovens em nível de diocese e de paróquia: Acolher os jovens de uma nova forma: conhecendo as suas realidades, escutando e querendo saber deles o que eles esperam da Igreja se fazendo presente onde eles estão: universidades, faculdades, escolas, famílias, grupos, etc. Formar lideranças juvenis acompanhando, encaminhando e incluindo os jovens na caminhada da Igreja, desde a catequese, passando pela infância missionária e pelos grupos de jovens até incluí-los em outras atividades como líderes. Ter representatividade dos jovens nos CPAES, CEPs, CCs e outros. Cativar os jovens através daquilo que mais os encanta: teatro, arte, música, redes sociais e outros meios de comunicação, etc. Aproveitar o espírito e o impulso da JMJ e dar continuidade ao movimento gerado em função dela e por ela, realizando eventos com os jovens e para os jovens a nível de diocese e de paróquia.


Carregar ppt "XIII ASSEMBLEIA DIOCESANA: COMUNIDADE DE COMUNIDADES: UMA NOVA PARÓQUIA. APONTAMENTOS PARA O PLANO DIOCESANO E PAROQUIAL DE AÇÃO EVANGELIZADORA 22/02/2014."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google