A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FILOSOFIA OLHAR QUE QUESTIONA E REVELA Prof. Flávio de Oliveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FILOSOFIA OLHAR QUE QUESTIONA E REVELA Prof. Flávio de Oliveira."— Transcrição da apresentação:

1 FILOSOFIA OLHAR QUE QUESTIONA E REVELA Prof. Flávio de Oliveira

2 DIFERENTES FORMAS DE SE CONHECER A REALIDADE MITO RELIGIAO SENSO COMUM CIÊNCIA ARTEFILOSOFIA

3 MITO intuição compreensiva É uma intuição compreensiva da realidade, uma forma espontânea de o homem situar-se no mundo. conhecimento imediato Intuição é um conhecimento imediato, que dispensa argumentos e fundamentações. não é mentira nem delíri O mito não é mentira nem delírio e até hoje faz parte da nossa vida: no futebol, no carnaval, nos heróis populares.

4 Ã RELIGIÃO Procura conhecer e explicar o Universo, porém o faz através da fé, que se fundamenta nos livros sagrados, revelados, como a biblia no caso dos cristãos. os. Pela fé a religião aceita princípios que não podem ser demonstrados.

5 SENSO COMUM conhecimento herdado É o conhecimento herdado por um grupo social que repete as experiências dos antepassados, sem muito questionamento. se transforma em bom senso não depende de erudição Não é conhecimento inferior desde que as pessoas saibam reelaborar a herança recebida – o senso comum se transforma em bom senso. Esta sabedoria não depende de erudição, mas em dar um sentido humano à vida. O perigo é a proibição do questionamento O perigo é a proibição do questionamento e o aproveitamento da simplicidade das pessoas para dominá-las. O conhecimento deve estar sempre a serviço da emancipação humana.

6 CIÊNCIA Conquista recente da humanidade (século XVII, com Galileu – experimentação e matemática, novo método). as leis gerais dos fenômenos. saber rigoroso e elaborado Assim surgem as leis gerais dos fenômenos. Trata-se de um saber rigoroso e elaborado que mudou a face do mundo com as transformações tecnológicas. não pode ser supervalorizada Apesar do sucesso da ciência ela não pode ser supervalorizada nem os demais tipos de conhecimentos podem ser banidos.

7 ARTE conhecimento intuitivo A arte também é um conhecimento intuitivo do mundo, pois não recorre a conceitos logicamente organizados. fala ao sentimento interpretação da experiência A arte fala ao sentimento e à imaginação. O artista percebe a realidade e provoca naquele que observa sua obra, uma nova interpretação da experiência da vida.

8 A FILOSOFIA De certa forma todos nós filosofamos. Um acidente grave nos faz pensar na finitude da vida e na fragilidade humana. A escolha de um emprego considerando não apenas o salário, mas o grau de felicidade que ele oferece. Quando escolhemos não dar propina aos funcionários públicos. Quando escolhemos lutar pela igualdade entre os homens. Isto é elaborar uma filosofia de vida. uma atitude de colocar em questão Filosofar é uma atitude de colocar em questão o que para muitos parece indiscutível. O filósofo questiona o que é convencional procurando a verdade das coisas.

9 O O filósofo não se interessa em perguntar as horas e os dias, mas em questionar o que é o tempo. Ele não quer saber se tem alguém sonhando, mas lhe interessa saber o que é o sonho. O Ao invés de perguntar se alguém é mais bonito que outro, o filósofo quer saber o que é o belo. Enquanto alguns gritam: Mentiroso!! O filósofo quer saber o que é verdade. Perguntar pelas coisas universais. O Para o filósofo não importa muito o quê um casal de namorado está sentindo, mas ele vai perguntar, o que é o amor, o que é o desejo. Esta é uma atitude filosófica. Perguntar pelas coisas universais.

10 O que é filosofia? O Segundo Marilena Chauí é a decisão de não aceitar como óbvias e evidentes as coisas, as ideias, os fatos, as situações, os valores, os comportamentos de nossa existência cotidiana; jamais aceitá-los sem antes havê-los investigado e compreendido. O Filosofia é a visão de mundo de um povo, de uma civilização ou de uma cultura.

11 Qual a finalidade e a importância da filosofia? O Em nossa sociedade, só é relevante aquilo que tem utilidade prática, imediata, e seja muito visível. O Em relação à ciência, a filosofia oferece os conceitos de verdade, pensamento, relação entre teoria e prática. Em relação à ética e a arte do bem viver, a filosofia vai perguntar: o que é o homem, o que é a vontade, o que é paixão, o que é liberdade, o que é o vício e o que é a virtude.

12 O A atitude filosófica é indagar. A filosofia pergunta o que é a coisa, a ideia ou o valor. Depois pergunta como a coisa, a ideia ou o valor é. Finalmente pergunta porque a coisa, a ideia ou o valor é como é (origem, causa). O Ser útil em nossa sociedade é o que dá prestígio, poder, fama e riqueza, logo, neste sentido a filosofia é inútil e defende o direito de ser inútil.

13 Platão definia a Filosofia como um saber verdadeiro que deve ser usado em benefício dos seres humanos. Kant afirmou que a Filosofia é o conhecimento que a razão adquire de si mesma para saber o que pode conhecer e o que pode fazer, tendo como finalidade a felicidade humana. Marx declarou que a Filosofia havia passado muito tempo apenas contemplando o mundo e que se tratava, agora, de conhecê-lo para transformá-lo, transformação que traria justiça, abundância e felicidade para todos. Merleau-Ponty escreveu que a Filosofia é um despertar para ver e mudar nosso mundo.

14 Qual seria, então, a utilidade da Filosofia? O Abandonar a ingenuidade e os preconceitos do senso comum; O Não se deixar guiar pela submissão às ideias dominantes e aos poderes estabelecidos; O Buscar compreender a significação do mundo, da cultura, da história; O Dar a cada um de nós e à nossa sociedade os meios para serem conscientes de si e de suas ações numa prática que deseja a liberdade e a felicidade para todos.

15 Podemos dizer que a Filosofia é o mais útil de todos os saberes de que os seres humanos são capazes.


Carregar ppt "FILOSOFIA OLHAR QUE QUESTIONA E REVELA Prof. Flávio de Oliveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google