A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Fronteiras Abertas da América Latina XXVIII CONGRESSO ALAS 2011 6 a 11 de Setembro, RECIFE-BRASIL Fronteiras Abertas da América Latina.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Fronteiras Abertas da América Latina XXVIII CONGRESSO ALAS 2011 6 a 11 de Setembro, RECIFE-BRASIL Fronteiras Abertas da América Latina."— Transcrição da apresentação:

1 Fronteiras Abertas da América Latina XXVIII CONGRESSO ALAS a 11 de Setembro, RECIFE-BRASIL Fronteiras Abertas da América Latina

2 América Latina pensada desde América Portuguesa ALAS RECIFE

3 RECIFE FRONTEIRA LESTE DA AMÉRICA LATINA BERÇO DO SINCRETISMO LUSO, AFRO E AMERÍNDIO

4 CABOCLO DE LANÇA DO MARACATU RURAL: SUJEITO E SÍMBOLO DA REAÇÃO ESTÉTICA ANTI-COLONIAL

5 UFPE Universidade Federal de Pernambuco - Brasil UFPE Universidade Federal de Pernambuco - Brasil Uma das mais importantes Universidades do Brasil Mais de alunos matriculados em: 89 cursos de graduação 57 Curso de Mestrado 44 Curso de Doutorado 64 cursos de pós-graduação lato sensuwww.ufpe.br

6 CONGRESSO ALAS RECIFE Ao longo dos seus 60 anos de vida, a ALAS se firmou como referência importante para o pensamento crítico na América Latina. E continua a sê-lo neste século XXI, quando os desafios do desenvolvimento da região são também os de organização de um planeta mais equitativo, justo e plural

7 Há dois lados na divisão internacional do trabalho: um em que alguns países se especializam em ganhar, e o outro em que se especializaram em perder. Nossa comarca do mundo, que hoje chamamos de América Latina, foi precoce: especializou-se em perder desde os remotos tempos, em que os europeus do renascimento, se abalançaram para o mar e fincaram os dentes em sua garganta (Eduardo Galeano, As Veias Abertas da América Latina - Paz e Terra, 2008) Fronteiras Abertas da América Latina CONGRESSO ALAS RECIFE

8 A ideia de FRONTEIRAS ABERTAS como tema central da ALAS 2011 justifica-se pela importância de se colocar como pauta de pesquisa e debate público atores, práticas, instituições e saberes que evidenciam os limites e possibilidades dos nossos modelos analíticos. Fronteiras Abertas da América Latina CONGRESSO ALAS RECIFE

9 ALAS 2011: Eixos Temáticos i.Memória, entre o passado e o futuro; ii.Políticas públicas e identidades, entre as singularidades e as universalidades; iii.Modernidades alternativas: política, cultura e sociedade na América Latina, África e Ásia; iv.Disciplinaridades dialógicas, entre o humanismo reflexivo e a variedade epistemológica e técnica; v.Amazônia e ecossistemas, entre a depredação econômica e a sustentabilidade planetária. i.Memória, entre o passado e o futuro; ii.Políticas públicas e identidades, entre as singularidades e as universalidades; iii.Modernidades alternativas: política, cultura e sociedade na América Latina, África e Ásia; iv.Disciplinaridades dialógicas, entre o humanismo reflexivo e a variedade epistemológica e técnica; v.Amazônia e ecossistemas, entre a depredação econômica e a sustentabilidade planetária.

10 Universidades Consorciadas Brasileiras Universidades Consorciadas Brasileiras Universidades Consorciadas Brasileiras Universidades Consorciadas Brasileiras Comitê Organizador Comitê Organizador Comitê Organizador Comitê Organizador Comitê Nacional Comitê Nacional Comitê Nacional Comitê Nacional Conselho Interuniversitário ALAS Conselho Interuniversitário ALAS Conselho Interuniversitário ALAS Conselho Interuniversitário ALAS Diretoria ALAS Diretoria ALAS Diretoria ALAS Diretoria ALAS Revista e Boletim Revista e Boletim Revista e Boletim Revista e Boletim GTs, Mesas, Fóruns Conferências, Homenagens GTs, Mesas, Fóruns Conferências, Homenagens GTs, Mesas, Fóruns Conferências, Homenagens GTs, Mesas, Fóruns Conferências, Homenagens Organograma XXVIII Congresso ALAS Comitê Editorial ALAS Comitê Editorial ALAS Comitê Editorial ALAS Comitê Editorial ALAS

11 Equipe Técnica Recife Débora Barros – Coordenação Técnica Hélia Cavalcanti – PROPESQ-UFPE Jorge Barbosa – NUCEM André Gonçalves – NUCEM/ALAS Simone Duarte – ALAS Éder Leão – Jornal do MAUSS/NUCEM São Paulo Camilo Flamarion e Equipe Síntese Eventos Recife Débora Barros – Coordenação Técnica Hélia Cavalcanti – PROPESQ-UFPE Jorge Barbosa – NUCEM André Gonçalves – NUCEM/ALAS Simone Duarte – ALAS Éder Leão – Jornal do MAUSS/NUCEM São Paulo Camilo Flamarion e Equipe Síntese Eventos

12 | site |

13 1. Ciência, tecnologia e inovação; 2. Cidades latinoamericanas no novo milênio; 3. Produção, consumos culturais e meios de comunicação; 4. Controle social, legitimidade e seguridade cidadã; 5. Desenvolvimento rural, globalização e crises; 6. Imaginários sociais, memórias e poscolonialidade; 7. Desenvolvimento territorial e local: desigualdades e descentralização; 8. Desigualdade, vulnerabilidade e exclusão social; 9. Estrutura social, dinâmica demográfica e migrações; 10. Estudos políticos e sociojurídicos; Grupos de Trabalho

14 11. Gênero, desigualdades e cidadania; 12. Globalização, integração regional e subregional; 13. Reforma do estado, governabilidade e democracia; 14. Hegemonia estadunidense, políticas públicas e sociais e alternativas de desenvolvimento na América Latina; 15. Meio ambiente, sociedade e desenvolvimento sustentável; 16. Metodologia e epistemologia das ciências sociais; 17.Pensamento Latinoamericano e Teoria Social; 18. Reestructuração produtiva, trabalho e dominação social; 19. Saúde e seguridade social: transformações sociais e impactos na população; 20. Sociedade civil: protestos e movimentos sociais; Grupos de Trabalho

15 21. Sociologia da religião; 22. Sociología da infância e juventude; 23. Sociología do esporte, ócio e tempo livre; 24. Violência, Democracia e seguridade. Defesa e promoção dos direitos; 25. Educação e desigualdade social; 26. Sociologia das emoções e do corpo; 27. Movimentos campesinos e indígenas na América Latina; 28. Interculturalidad: povos originários, afro e asiáticos na América Latina e Caribe; 29. Outra Globalização: novos saberes e práticas científicas, literárias e artísticas; 30. América Central e Caribe: conflitos, crises e democratização. Grupos de Trabalho

16 Foto Maracatu Rural – Rose Gondim Foto Estátua Maracatu – Éder Leão Foto Rua da Aurora – imagem pública Foto UFPE – Ascom/UFPE Foto Centro de Convenções – Alan Vinícius

17 Boletim e Revista ALAS

18 2009 – 2011 Presidente da Associação Alberto Leonardo Bialakowsky (Argentina) Vice presidente da Associação e Presidente do Comitê Brasileiro do Congresso ALAS 2011 Paulo Henrique Novaes Martins de Albuquerque (Brasil) Secretaria Adjunta da Associação Silvia Lago Martínez (Argentina) Secretaria Geral do Congresso ALAS 2011 José Luiz Ratton (Brasil) Secretaria Geral Adjunta do Congresso ALAS 2011 Cibele Rodrigues (Brasil) Membros do Comitê Diretivo María Isabel Domínguez (Cuba) Rudis Yilmar Flores Hernández (El Salvador) Julio Víctor Mejía Navarrete (Perú) Ximena Sánchez Segura (Chile) Carolina Tetelboin Henrion (México) Coordenadores Regionais Verónica Filardo (Uruguay) Manuel Rivera (Guatemala)

19 Conselho Interuniversitário ALAS Universidad de Buenos Aires, Facultad de Ciencias Sociales, Argentina Universidade Federal de Pernambuco, Brasil Universidad de San Martín, Instituto de Altos Estudios, Argentina Universidad Nacional del Nordeste, Argentina Universidad Nacional de Villa María, Argentina Universidad Nacional de Cuyo, Argentina Universidad Autónoma del Estado de México, México Instituto Universitario Internacional de Toluca, México Universidad de Guadalajara, CUCSH, México Universidad Nacional de México, México Universidad de Concepción, Chile Universidad de Chile, Chile Universidad de la República, Uruguay Universidad de Santo Tomás, Colombia Universidad ICESI, Colombia, Universidad Nacional de San Agustín, Arequipa, Perú Universidad Nacional Mayor de San Marcos, Perú Universidad Autónoma de Santo Domingo, República Dominicana Universidad de El Salvador, El Salvador Universidade Federal Rural de Pernambuco, Brasil Universidade Federal da Paraíba, Brasil Fundação Joaquim Nabuco, Brasil

20 Comitê Editorial Jorge G. Arzate Salgado (México) Maira Baumgarten (Brasil) Dídimo Castillo Fernández (México) Nestor Rubén Cohen (Argentina) Julio Fuentes Fuentes (Perú) Herminia Foo Kong Dejoo (México) Edgar Gutiérrez Mendoza (Guatemala) Silvia Lago Martínez (Argentina) Sandra Leiva Gómez (Chile) Alicia Itatí Palermo (Argentina) Roberto Pineda Ibarra (Costa Rica) Jorge Rojas Hernández (Chile) Marta Nélida Ruiz Uribe (Mexico) Darío Salinas Figueredo (México) Eduardo Sandoval Forero (México) Rogerio de Souza Medeiros (Brasil) Jaime Tamayo Rodríguez (México) Eliseo Zeballos Zeballos (Perú)

21 Comitê Nacional Anete Ivo (UFBA) Celi Scalon (UFRJ – SBS) César Barreira (UFC) José Vicente Tavares dos Santos (UFRGS) Maria Stela Grossi (UNB) Ricardo Antunes (UNICAMP)

22 Comitê Organizador Paulo Henrique Martins (UFPE) José Luis Ratton (UFPE) Cibele Rodrigues (FUNDAJ) Isolda Belo (FUNDAJ) Maria Luiza Pires (UFRPE) Josias de Paula Júnior (UFRPE) Betânia Avila (SOS Corpo) Drance Elias (UNICAP) Teresa Sales (Centro Josué de Castro) Rogério Medeiros (UFPB-João Pessoa) Artur Perrusi (UFPB-João Pessoa)

23 Contato ALAS 2011 – RECIFE 30 GRUPOS DE TRABALHO MAIS DE 40 MESAS REDONDAS E FÓRUNS CONFERENCISTAS RENOMADOS JÁ CONFIRMADOS: EMIR SADER, ALAIN CAILLÉ, MIGUEL BARNET ENTRE OUTROS HOMENAGENS VIDA ASSOCIATIVA 30 GRUPOS DE TRABALHO MAIS DE 40 MESAS REDONDAS E FÓRUNS CONFERENCISTAS RENOMADOS JÁ CONFIRMADOS: EMIR SADER, ALAIN CAILLÉ, MIGUEL BARNET ENTRE OUTROS HOMENAGENS VIDA ASSOCIATIVA

24 Universidades Consorciadas Brasileiras


Carregar ppt "Fronteiras Abertas da América Latina XXVIII CONGRESSO ALAS 2011 6 a 11 de Setembro, RECIFE-BRASIL Fronteiras Abertas da América Latina."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google