A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Fibria e o Plano de Desenvolvimento Sustentavel da Costa das Baleias.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Fibria e o Plano de Desenvolvimento Sustentavel da Costa das Baleias."— Transcrição da apresentação:

1 A Fibria e o Plano de Desenvolvimento Sustentavel da Costa das Baleias

2 Estrutura societária (em 31/08/2010) Votorantim Industrial BNDESParFree Float ConpacelVeracel 29,34%30,42%40,24% 50,0%

3 Presença nacional 06 Unidades de celulose e papel hectares de florestas plantadas e nativas Faturamento de R$ 6 bilhões* colaboradores Presença em 06 estados e 252 municípios * Soma dos faturamentos da VCP (R$ 2,5 bilhões) e Aracruz (R$ 3,5 bilhões) no ano de 2009

4 Líder mundial em celulose de mercado Capacidade dos maiores produtores de celulose em 2009 (mil t) Fonte: Hawkins Wright Market share BEKP BHKP Celulose de mercado 30% 20% 10% Fonte: Fibria

5 Competitividade na floresta Fonte: Poyry e Fibria Fibria: competitividade florestal Desenvolvimento genético e tecnológico da Fibria tsa/ha/ano

6 Mais de 1 milhão de hectares de florestas (1)Base: 10/2009. Inclui 50% de Veracel e 50% de Conpacel. Não inclui áreas do fomento florestal

7 Florestas bem manejadas 36% da área total manejada pela Fibria é destinada à preservação

8 Mais de parceiros florestais Fonte: Fibria, 03/2010, Grupo de Trabalho Interno de Fomento Florestal Áreas de Fomento/ Poupança Florestal – Fibria 2010

9 Nossas Florestas são 100% Certificadas FIBRIA pretende obter a certificação FSC e CERFLOR/ PEFC de todas suas operações

10 Respeito à Legislação Florestal FIBRIA Vizinho Reflorestamento de Áreas de Preservação Permanente

11 Nossas crenças Missão Desenvolver o negócio florestal renovável como fonte sustentável da vida Visão Consolidar a floresta plantada como produtora de valor econômico Gerar lucro admirado, associado à conservação ambiental, inclusão social e melhoria da qualidade de vida Valores Solidez Ética Respeito Empreendedorismo União

12 Integração Floresta e Agricultura Planejamento e Implantação de sistemas Agroflorestais

13 Integração Floresta e Agricultura Girasol

14 Milho e Eucalipto

15 Integração Floresta e Agricultura Gado

16 Cultivo de Milho, Abóbora e Eucalipto Integração da Agricultura Familiar com a Floresta

17 Programa Floresta a Mesa - Mais de 500 produtores rurais beneficiados; - Planejamento integral da propriedade; - Mais de ha plantados desde Fonte: FIBRIA AbóboraFeijãoMilhoMelancia Floresta à Mesa

18 Acompanhará o produto até o consumidor Floresta à Mesa – Certificação de Produtos

19 A COSTA DAS BALEIAS

20 CODES (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Bahia) aprovou a elaboração, do Plano de Desenvolvimento Sustentável da Costa das Baleias, no Extremo Sul da Bahia: Após a exposição da idéia de se criar na região condições para se construir de forma participativa um projeto de futuro para os municípios da região, hoje considerada problemática sob o ponto de vista da sustentabilidade principalmente socioeconômica; Sugerida a constituição de uma governança para a elaboração do plano, contando com a participação do governo da Bahia, das prefeituras, dos empresários e da sociedade local organizada, tendo como referência para o desenvolvimento do projeto o PENSAR BAHIA 2023; Sugerida a realização de estudo de mudanças climáticas na região para apoiar a construção de cenários futuros e a elaboração do Plano de Desenvolvimento. Criado o Comitê Executivo para a elaboração e gestão do Plano (Governo da Bahia, Associação de Prefeitos do Extremo Sul da Bahia, Fibria e Suzano). Parceria entre Fibria, Suzano, ArcelorMittal e Governo Estadual para viabilização financeira da elaboração do Plano de Desenvolvimento. Contextualização

21 O Projeto irá abranger os seguintes municípios agrupados em duas sub- regiões, sendo Teixeira de Freitas o município - pólo da região: Região de abrangência.

22 OS DESAFIOS DA REGIÃO

23 1- CRISE E ESTAGNAÇÃO DA AGROPECUÁRIA NAS DÉCADAS DE 70 E 80: Migração do interior para os núcleos urbanos, em especial Teixeira de Freitas Redução da atividade econômica e crise de emprego e renda para a população; RETROSPECTO 2- DINAMISMO ECONÔMICO TRAZIDO PELA SILVICULTURA E INDÚSTRIA DE CELULOSE – DÉCADAS DE 80-90: Melhoria acentuada na oferta de emprego e renda para a população; Diminuição das atividades econômicas tradicionais; Formação de pequenos núcleos de população nas áreas de florestas plantadas. 3- CRISE ATUAL: Situação deteriorada: alta incidência de pobreza, dinâmica econômica precarizada; Aumento da insegurança; Aumento das atividades ilícitas: furto de madeira e comercialização ilegal de carvão.

24 Poucas alternativas econômicas na região; Trabalho infantil; Capital social reduzido; Tráfico de drogas e prostituição; Comunidades isoladas; Quadrilhas do carvão ilícito; Agressão ambiental; Incêndios criminosos; Furto de madeira. FATOS E CONSTATAÇÕES O Furto de Madeira é comum na região

25 IMPACTOS DA SITUAÇÃO Circulo Vicioso A geração de renda das atividades ilegais dificulta o início de outras atividades na região, que poderiam a médio prazo serem muito mais rentáveis. A atividade de produção de carvão vegetal em fornos rudimentares gera doenças graves, que afetam adultos, e o que é mais grave, crianças. O clima de impunidade favorece outros crimes, como exploração sexual, trabalho insalubre, trabalho infantil e tráfico de drogas.

26 OS DESAFIOS DA PROSPERIDADE A REGIÃO TEM RIQUEZAS, POTENCIALIDADES E OPORTUNIDADES PARA CRESCER E DESENVOLVER-SE DE FORMA MAIS JUSTA, ABRANGENTE E INCLUSIVA

27 O PROJETO

28 Elaboração, construção e execução participativa de um projeto comum e coletivo de desenvolvimento sustentável - Plano de Desenvolvimento Sustentável para o território, sustentado por uma Visão Costa das Baleias O que se quer com o plano? Crescimento econômico; Crescimento dos pequenos empreendimentos; Geração de emprego e distribuição de renda; Redução das Desigualdades; Qualidade de vida; Equilíbrio social, de gênero, étnico e racial; Equilíbrio sócio-territorial; Fortalecer as identidades culturais. Objetivos do projeto

29 Para isso, o Projeto buscará: Construir uma visão de futuro (imagem ideal) e determinar os objetivos estratégicos (imagem objetiva), metas e indicadores para a região que compõe o território; Estimular a convergência das estratégias dos agentes econômicos, do poder público e da sociedade; Criar as condições para estabelecimento permanente de parcerias entre o setor público e setor privado em projetos voltados para a melhoria das comunidades locais; Criar espaços sociais de diálogos para a solução de problemas e construção de projetos compartilhados de desenvolvimento da comunidade. Princípios

30 AS ETAPAS DO PROJETO 1.Organização e Mobilização; 2.Diagnóstico Estratégico e Construção de Cenários; 3.Diagnóstico participativo: Pesquisas Oficinas municipais: 13 Oficinas regionais: 3 4.Construção de Propostas de Enfrentamento de Desafios e de Promoção do Desenvolvimento da Região; 5.Trabalhos Finais de Elaboração do Plano; Seminário de validação final 6.Construção de Modelo de Gestão do Plano: Como o Plano vai ser implementado.

31 Quali em profundidade com atores Mobilização dos atores locais Oficinas regionais Oficinas municipais Evento final Condicionantes internos e externos Diagnóstico Inventário de dados e informações Organização dos trabalhos e treinamento da equipe Problemas, necessidades, potencialidades, oportunidades e recursos Montagem dos projetos MODELO DE ELABORAÇÃO DO PLANO Lançamento e mobilização Cenários Carteira de projetos Objetivos estratégicos Construção da Visão de Futuro Formulação do plano Formulação do Modelo de Governança do Plano

32 Finalizado e aprovado o Termo de Referência para elaboração do Plano de Desenvolvimento Sustentável para o Território da Costa das Baleias – Bahia – VISÃO 2023; Contratada a empresa de consultoria Futura para a elaboração do Plano, que será conduzida em um processo participativo agregando os conteúdos e resultados produzidos pelo trabalho do governo do estado, Pensar Bahia 2023; Contratada a Escola Politécnica da Universidade Federal da Bahia para elaboração do estudo "Mudanças Climáticas na Costa das Baleias; Pesquisa Quantitativa com a População – campo finalizado. Relatório em andamento; Inventário de informações sobre a região – em andamento; Em execução um plano de interlocução para sustentação do projeto; Elaborado Site do Projeto - Link Provisório - (http://www.futuranet.ws/costabaleia) Operacionalização do projeto

33 Fibria Alameda Santos 1357 | 6º andar | São Paulo SP Tel Obrigado!


Carregar ppt "A Fibria e o Plano de Desenvolvimento Sustentavel da Costa das Baleias."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google