A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Dispositivos eletrônicos que se ligam ao computador (CPU), permitindo a introdução de dados e informações e permite ao utilizador receber informações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Dispositivos eletrônicos que se ligam ao computador (CPU), permitindo a introdução de dados e informações e permite ao utilizador receber informações."— Transcrição da apresentação:

1

2 Dispositivos eletrônicos que se ligam ao computador (CPU), permitindo a introdução de dados e informações e permite ao utilizador receber informações. ENTRADA SAÍDA ENTRADA/SAÍDA Tipos de Periféricos a comunicação do usuário com o computador a comunicação do computador com o meio ambiente (dispositivos externos a serem monitorados ou controlados) armazenamento (gravação) de dados

3 Codificam a informação que entra em dados que possam ser processados pelo sistema digital do computador. Efetuam a introdução de dados no computador. Funções: coletar informações e introduzir as informações na máquina, converter informações do homem para a máquina e vice-versa, e recuperar informações dos dispositivos de armazenamento.

4 Tachado WEBCAMDRIVE DE CDMICROFONECANETA ÓTICA LEITOR DE CODIGO DE BARRAS LEITOR DE CARTÕES MAGMÉTICOS SENSORES

5 Mouse: periférico que permite o usuário posicionar uma seta (apontador) através da interface gráfica dos aplicativos. O mouse possui 2 botões padrões, o esquerdo e o direito e um central (scroll). Botão esquerdo tem a função de selecionar com um clique e executar com 2 cliques. Botão direito tem a função auxiliar e na maioria dos aplicativos aciona um menu contextual de atalhos e comandos. Scroll botão central que permite a navegação fácil em páginas. Há diversos tipos de modelos, como touchpad, trackball, óptico. Conectores: PS2, Serial, USB, Infra-vermelho e Bluetooth.

6 Trackball Touchpad Mouse Bluetooth Mouse Serial

7 Scanner: Periférico de entrada, também conhecido como digitalizador de imagens. Captura imagens impressas (foto, livros, documentos) através da decodificação de reflexos gerados por impulsos luminosos. Pode ser de mão ou de mesa. Usado em conjunto com um software de OCR (Optical Character Recognition) reconhecimento óptico de caracteres, pode transformar textos impressos em arquivos editáveis.

8 Teclado: Permite a introdução de dados e informações no computador, através da pressão de teclas que representam caracteres que o utilizador entende e que são transformados em 0s e 1s que o computador entende. Alfanumérico (semelhante ao da máquina de escrever). Numérico (semelhante à uma calculadora). Controle ((formado por um grupo de teclas, que isoladamente ou em conjunto com outras teclas, executam comandos ou funções específicas, como as teclas,,, entre outras...)

9 PERIFÉRICOS DE SAÍDA Permitem a recepção de informações. Decodificam os dados em informação que pode ser entendida pelo usuário. Funções: Exibir e imprimir os resultados do processamento, ou ainda controlar dispositivos externos.

10 PERIFÉRICOS DE SAÍDA Data Show Caixa de Som

11 PERIFÉRICOS DE SAÍDA Monitor - Principal periférico de saída, exibe ao usuário as principais informações do sistema. Os principais tipos são: LCD, CRT, Plasma, OLED Operam comumente em freqüências entre 60HZ e 80HZ Resolução de tela: A resolução é dada pelo número de linhas horizontais por linhas verticais. O encontro dessas linhas formam pontos chamados de pixels, que são a menor unidade visual. As configurações mais comuns são 800×600, 1024×768, 1280× para o formato padrão 4:3 (proporção) e 1280×800 e 1440×900 para formato widescreen, 16:9 (proporção). O tamanho de uma tela é dado pelo diâmetro em polegadas, exemplo: 15, 17, 19, 22, etc.

12 Plotter: É uma impressora destinada a imprimir desenhos em grandes dimensões, com elevada qualidade e rigor, como por exemplo plantas arquitetônicas, mapas cartográficos, projetos de engenharia e grafismo. Essas impressoras podem usar diversos suportes como papel comum, fotográfico, Película, Vegetal, auto- adesivos, lonas e tecidos especiais. Plotter de recorte, na qual uma lâmina recorta adesivos de acordo com o que foi desenhado previamente no computador, através de um programas vetorial. O material é utilizado na personalização de frotas de veículos e ambientes comerciais, como fachadas, vitrines, confecção de banners, luminosos, placas, faixas, entre outros.

13 Impressora: É um equipamento que permite imprimir os trabalhos de textos, desenhos e imagens em uma folha de papel ou folha de transparência. A qualidade de impressão é medida em pontos por polegada (dpi). Uma impressora com qualidade de 600x800 dpi imprime em cada polegada quadrada 600 pontos no sentido longitudinal e 800 pontos no comprimento. As mais comuns são: matricial (baixa resolução, impressão lenta); laser (altíssima resolução, impressão rápida); jato de tinta (alta resolução, impressão em velocidade intermediária).

14 São dispositivos capazes de fornecer dados ao sistema e ao usuário no mesmo hardware. Muitos destes periféricos dependem de uma placa específica: no caso das caixas de som, a placa de som.

15 Gravador de DVD Hard Disk Flop Monitor TouchScreenJoystick

16 Modem: Hardware que pode ser instalado no interior do gabinete ou externamente (logo, torna-se um periférico). Seu nome vem de Modulador e Demodulador de sinais, ou seja, transforma tipos de sinais para o tráfego de dados. Um modem ADSL (de internet de alta velocidade) é capaz de demodular o sinal analógico do telefone e modular o sinal digital do computador, para troca de dados através do cabo do telefone. Principais exemplos: Quando um modem é utilizado para trazer (download) informações para um computador, ele serve como periférico de entrada. Quando é usado para enviar (upload) informações para outro computador, ele serve como periférico de saída. Principais exemplos: Fax-modem ADSL modem Cable modem WiFi modem

17 PenDrive: (ou "flash memory" ou "memory key") é uma espécie de disco rígido portátil, com capacidade de armazenamento de dados muito superior à de um disquete ou de um CD. Os primeiros modelos tinham a aparência de uma pequena caneta ( em inglês, pen) o que originou esse apelido. Modo de conexão USB. Há modelos que parecem um canivete suíço hi-tech. Além de ser um porta-arquivos, podem tocar músicas em MP3, funcionar como bloco de notas, ter rádio FM e agenda de telefone.

18 Multifuncional: Um equipamento multifuncional é aquele que possui múltiplas utilidades. Geralmente consiste de um equipamento integrado por digitalizador (ou Scanner), impressora, copiadora e fax (geralmente através de software). Utilizado atualmente tanto por grandes como por pequenas empresas, encontra-se atualmente a entrar no mercado domestico. Atualmente estas este tipo de equipamento conta com características mais avançadas no tratamento e gestão documental da informação tais como: enviar imagens colocadas no digitalizador diretamente para uma pasta (scan to folder), para um endereço eletrônico (scan to ), entre mais um sem número de funções a nível da impressão, copia e FAX.

19 As características que regem a comunicação de cada um dos dispositivos de E/S (entrada e saída) com o núcleo do computador (composto de UCP e memória principal) são muito diferentes entre si. Cada dispositivo de E/S se comunica com o núcleo de forma diversa do outro. Entre os dispositivos de E/S e a CPU trafegam informações relativas a dados, endereços e controle..

20 A UCP não se comunica diretamente com cada dispositivo de E/S e sim com "interfaces", de forma a compatibilizar as diferentes características. O processo de comunicação ("protocolo") é feito através de transferência de informações de controle, endereços e dados propriamente ditos. Inicialmente, a UCP interroga o dispositivo, enviando o endereço do dispositivo e um sinal dizendo se quer mandar ou receber dados através da interface. O periférico, reconhecendo seu endereço, responde quando está pronto para receber (ou enviar) os dados. A UCP então transfere (ou recebe) os dados através da interface. O dispositivo responde confirmando que recebeu (ou transferiu) os dados (acknowledge ou ACK) ou que não recebeu os dados, neste caso solicitando retransmissão (not-acknowledge ou NAK).

21 A compatibilização de velocidades é feita geralmente por programa, usando memórias temporárias na interface chamadas "buffers" que armazenam as informações conforme vão chegando da UCP e as libera para o dispositivo à medida que este as pode receber. De uma forma geral, a comunicação entre o núcleo do computador e os dispositivos de E/S poderia ser classificada em dois grupos: comunicação paralela ou serial. Comunicação em Paralelo: Na comunicação em paralelo, grupos de bits são transferidos simultaneamente (em geral, byte a byte) através de diversas linhas condutoras dos sinais. Desta forma, como vários bits são transmitidos simultaneamente a cada ciclo, a taxa de transferência de dados ("throughput") é alta.

22 A utilização da comunicação em paralelo se limita a aplicações que demandem altas taxas de trasferência, normalmente associadas a dispositivos mais velozes tais como unidades de disco, ou que demandem altas taxas de transferência, como CD-ROM, DVD, ou mesmo impressoras, e que se situem muito próximo do núcleo do computador. Em geral, o comprimento dos cabos paralelos é limitado a até um máximo de 1,5 metro.

23 Comunicação em Serial: Os bits são transferidos um a um, através de um único par condutor. Os bytes a serem transmitidos são serializados, isto é, são "desmontados" bit a bit, e são individualmente transmitidos, um a um. Na outra extremidade do condutor, os bits são contados e quando formam 8 bits, são remontados, reconstituindo os bytes originais. A transmissão serial é intrinsecamente mais lenta (de vez que apenas um bit é transmitido de cada vez). Como os bits são transmitidos seqüencialmente um a um, sua utilização é normalmente indicada apenas para periféricos mais lentos, como por exemplo teclado, mouse, etc. ou quando o problema da distância for mandatório, como nas comunicações a distâncias médias (tal como em redes locais) ou longas (comunicações via linha telefônica usando modems).

24


Carregar ppt "Dispositivos eletrônicos que se ligam ao computador (CPU), permitindo a introdução de dados e informações e permite ao utilizador receber informações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google