A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Presente do Homem para Deus "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Presente do Homem para Deus "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura."— Transcrição da apresentação:

1 O Presente do Homem para Deus "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem" (João 4. 23). Disponível no site

2 A adoração semanal A cada semana vamos à igreja. Declaramos que o nosso objetivo é adorar a Deus. Mas... Sabemos o que estamos fazendo? – Por que adorar? – O que é adorar? – Como adorar? – A quem adorar?

3 A Adoração e o Grande Conflito A adoração é tema central do Grande Conflito: – Satanás desejou ser adorado (Isaías 14:13-14) – Ele e seus representantes ainda desejam isso hoje (II Tessalonicenses 2:3-4) – Foi uma das tentações de Jesus (Mateus 4:8-9) – Será o divisor final entre o Povo de Deus e os ímpios (Apocalipse 14:6-12) Das três mensagens angélicas, duas tratam da adoração!

4 O resultado do Grande Conflito E vi tronos; e assentaram-se sobre eles, e foi- lhes dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram degolados pelo testemunho de Jesus, e pela palavra de Deus, e que não adoraram a besta, nem a sua imagem, e não receberam o sinal em suas testas nem em suas mãos; e viveram, e reinaram com Cristo durante mil anos. (Apocalipse 20:4)

5 A importância da Adoração Deus deseja receber a nossa adoração hoje – Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. (João 4:23)

6 Adoração Verdadeira Mas Deus não quer qualquer tipo de adoração. – Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. (João 4:23) Existem três tipos de adoração:

7 Três tipos de Adoração Adoração Falsa – a falsos deuses: – Êxodo 20:3-6; – Deuteronômio 6:14; 8:19; – Daniel 3:17-18

8 Três tipos de Adoração Adoração Vã – ao verdadeiro Deus, mas de forma inaceitável: – Êxodo 20:7; – Isaías 1:11-15 – Amós 5:21-23 – Marcos 7:6-7 Exemplos: Caim (Gênesis 4:3-5) Nem todo aquele que me diz: Senhor, Senhor (Mateus 7:21-23)

9 Três tipos de Adoração Adoração Verdadeira – Deuteronômio 6:13; – Salmos 29:2; 99:9; – Isaías 66:23 – João 4:23-24; – Apocalipse 14:7

10 Por que deveríamos adora-lO? O dever de adorar a Deus se baseia no fato de que Ele é o Criador (G.C., ) –Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque Tu criaste todas as coisas. (Apocalipse 4:11)

11 Outros motivos para adora-lO Salmos 99:9 Exaltai o Senhor nosso Deus e adorai-o no seu santo monte, porque o Senhor nosso Deus é santo.

12 Outros motivos para adora-lO Salmos 95 2 Apresentemo-nos diante dele com ações de graças, e celebremo-lo com salmos de louvor. 3 Porque o Senhor é Deus grande, e Rei grande acima de todos os deuses. 6 Oh, vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor, que nos criou.

13 Outros motivos para adora-lO Salmos Sabei que o Senhor é Deus! Foi ele quem nos fez, e somos dele; somos o seu povo e ovelhas do seu pasto. 4 Entrai pelas suas portas com ação de graças, e em seus átrios com louvor; dai-lhe graças e bendizei o seu nome. 5 Porque o Senhor é bom; a sua benignidade dura para sempre, e a sua fidelidade de geração em geração.

14 Outros motivos para adora-lO Isaías 49:13 Cantai, ó céus, e exulta, ó terra, e vós, montes, estalai de júbilo, porque o Senhor consolou o seu povo, e se compadeceu dos seus aflitos. Salmos 96 9 Adorai ao Senhor vestidos de trajes santos; tremei diante dele, todos os habitantes da terra. 10 Dizei entre as nações: O Senhor reina; ele firmou o mundo, de modo que não pode ser abalado. Ele julgará os povos com retidão.

15 Mas o que é adoração? Adoração - latim adoratione; derivada do verbo adorare (adorar) verbo trans. direto - "Culto a uma divindade; Culto, reverência, veneração." - Aurélio Isto conceitua o termo, mas não nos explica, de forma prática, como a adoração acontece na vida do cristão Vamos compreender o que a adoração não é

16 Adoração não é sinônimo de louvor! Louvor - "Glorificação, exaltação (Aurélio) – é um elogio mais enfático e mais elaborado Podemos louvar várias coisas: – A culinária típica de algum país – Os grandes homens da nossa pátria – A beleza de um recanto paradisíaco – As qualidades e virtudes da mulher amada – Os méritos de uma conquista esportiva.

17 Adoração x Louvor Adoração - só a Deus (prestar culto) – Relação direta entre o adorador e a divindade. Louvor - pode ser dirigido a homens e coisas. – Talvez por isto hoje, ao referir-se sobre música na igreja, seja colocada tanta ênfase no termo louvor, e fale-se tão pouco em adoração. Será que estamos adorando a uma imagem de nós mesmos, em vez de adorar a Deus?

18 Louvor a Deus na Bíblia Deus é "digno de ser louvado (II Samuel 22:4; I Crônicas 16:25; Salmos 18:3; 48:1; 96:4; 45:3, etc.) Se podemos louvar a homens, quanto mais a Deus, que fez os homens! O louvor a Deus é apenas um dos aspectos da adoração.

19 Adoração E Louvor Quando o louvor é voltado para Deus ele pode fazer parte da adoração e é aí que muitos se confundem. Mas para que ocorra esta fusão, os seguintes requisitos devem ser preenchidos:

20 Adoração E Louvor - 1 O louvor tem que ser dirigido única e exclusivamente a Deus. (I Crônicas 16:8-11; Salmos 16:2; 98:4-6; 113; 117; 147; 148; 149;150; Colossenses 3:23-24)

21 Adoração E Louvor - 2 Deve partir de um coração plenamente consciente de sua condição diante de um Deus supremo, perfeito e santo. (Salmos 138:6; 147:6; Isaías 57:15; 66:2; Miquéias 6:8; Mateus 5:3; 18:4; Efésios 4:1-2; Colossenses 3:12; I Pedro 3:8-9; 5:5)

22 Adoração E Louvor - 3 Toda arte, técnica e gosto humanos tem que estar absolutamente consagrados, para que possam ser apresentados diante de um Deus supremo, perfeito e santo. Não há adoração sem humildade e consagração. (Levíticos 11:44-45; 19:2; 20:7, 26; Salmos 24:3-4; Isaías 6:2-4; Habacuque 2:20; Romanos 12:1)

23 Adoração E Louvor - Conclusão Vamos louvar ao Senhor, porque: – A Bíblia nos ordena – Ele é realmente digno do nosso louvor. Mas não vamos ficar apenas no louvor, porque a Bíblia também nos ordena a adorarmos. De acordo com nosso texto chave, o que Deus procura são adoradores.

24 Adoração não é cantar ou tocar! Para se adorar a Deus não é necessário haver música. A música é apenas um dos veículos da adoração Podemos adorar a Deus cantando ou tocando, mas também podemos adorar perfeitamente a Deus, sem tocar ou cantar, ou seja, sem utilizar música.

25 Música pode até ser odiosa a Deus A música pode até ser abominável a Deus, assim como todo o ritual de adoração, se a adoração não for verdadeira (por exemplo, Ezequiel 26:13; Amós 5:23). Por mais bela, apropriada e harmoniosa que seja a música usada, se a adoração não provêm do coração, ela não será aceita, esteja ou não acompanhada de música.

26 Condições para a música aceitável A música só é aceitável a Deus quando o coração é consagrado, e enternecido e santificado por sua docilidade. Muitos, porém, que se deleitam na música não sabem coisa alguma sobre produzir melodia ao Senhor, em seu coração. Estes foram após seus ídolos. Ezequiel 6:9 (Ellen G. White, Evangelismo, p. 512)

27 Música não convida os anjos "Aparelhamento faustoso, ótimo canto e música instrumental na igreja não convidam o coro angélico a cantar também. À vista de Deus estas coisas são como galhos da figueira infrutífera, que só mostrava folhas pretensiosas. Cristo espera frutos, princípios de bondade, simpatia e amor. Estes são os princípios do Céu, e quando se revelam na vida de seres humanos, podemos saber que Cristo, a esperança da glória, está formado em nós. Pode uma congregação ser a mais pobre da Terra, sem música nem ostentação exterior, mas se ela possuir esses princípios, os membros poderão cantar, pois o gozo de Cristo está em sua alma, e esse canto podem eles oferecer como uma oblação a Deus." (White – Manuscrito 123, 1899)

28 O lugar da música Quando os professos cristãos alcançam a alta norma que é seu privilégio alcançar, a simplicidade de Cristo será mantida em todo o seu culto. As formas, cerimônias e realizações musicais não são a força da igreja. No entanto, estas coisas tomaram o lugar que deveria ser dado a Deus, tal como se deu no culto dos judeus. O Senhor revelou-me que, se o coração está limpo e santificado, e os membros da igreja são participantes da natureza divina, sairá da igreja que crê na verdade um poder que produzirá melodia no coração. Os homens e as mulheres não confiarão então em sua música instrumental, mas no poder e graça de Deus, que proporcionará plenitude de alegria. (Ellen G. White, Evangelismo, p. 512)

29 Um item essencial – a Fé "E eis que veio um leproso e o adorava, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo." (Mateus 8.2) "Enquanto ainda lhes dizia essas coisas, eis que chegou um chefe da sinagoga e o adorou, dizendo: Minha filha acaba de falecer; mas vem, impõe-lhe a tua mão, e ela viverá." (Mateus 9.18) " Então os que estavam no barco adoraram-no, dizendo: Verdadeiramente tu és Filho de Deus." (Mateus 14:33) " Então veio ela e, adorando-o, disse: Senhor, socorre- me." (Mateus 15:25)

30 Um item essencial – a Fé "Sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que recompensa os que O buscam"(Hebreus 11:6). Adorar com fé é faze-lo confiando em Suas promessas. Somente quando adoramos com fé, agradamos a Deus. Quando prestamos culto a Deus devemos perguntar: – "Deus está satisfeito com o culto a Ele oferecido?"

31 Afinal, o que é adoração? "Adoração é uma reação ativa a Deus, pela qual declaramos a sua dignidade. A adoração não é passiva, mas sim participativa. Adoração não é simplesmente um clima; é uma reação. Adoração não é apenas uma sensação; é uma declaração. (Allen/Borror, pág ênfase no original)

32 A adoração no grego Adorar é render-se; prostrar-se (do grego: "proskuneo"). – pros que significa em relação a – kuneo que significa curvar-se, submeter-se, beijar a mão Quando combinados, referem-se à honra e ao respeito demonstrados em relação a um superior, curvando-se diante dele, chegando ao ponto de beijar-lhe os pés. Os seres celestiais prostraram-se e O adoraram – (Apocalipse 4:10; 5:14; 7:11; 11:17; 15:4; 19:4).

33 Outros termos do grego Adorar é reverenciar (gr. "sebein") a Deus, com temor (gr. "phobos") – (João 9:31; Apocalipse 14:7) Adorar é servir (do grego "latréuô") – Romanos 12:1

34 Também temos que reconhecer: Sua bondade e Sua severidade – (Romanos 11:22 - "considerai a bondade e a severidade de Deus") Sua justiça – (Hebreus 10:31 - "terrível coisa é cair nas mãos do Deus vivo") Sua santidade – (I Pedro 1:16 - "sede santos, porque Eu Sou santo")

35 Isaías 6:1-8 1 No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as orlas do seu manto enchiam o templo. 2 Ao seu redor havia serafins; cada um tinha seis asas; com duas cobria o rosto, e com duas cobria os pés e com duas voava. 3 E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; a terra toda está cheia da sua glória. 4 E as bases dos limiares moveram-se à voz do que clamava, e a casa se enchia de fumaça.

36 Isaías 6:1-8 5 Então disse eu: Ai de mim! pois estou perdido; porque sou homem de lábios impuros, e habito no meio dum povo de impuros lábios; e os meus olhos viram o rei, o Senhor dos exércitos! 6 Então voou para mim um dos serafins, trazendo na mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; 7 e com a brasa tocou-me a boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniqüidade foi tirada, e perdoado o teu pecado. 8 Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem irá por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.

37 Isaías 6:1-8 Texto básico para a compreensão da adoração. – Visão da majestade divina (versos 1-4), – Visão de nossa própria finitude e pecaminosidade, e confissão dos pecados (verso 5), – Recebimento de perdão (ou render-se à divindade) e transformação interior (versos 5-7), – Consagração e disposição para o serviço (verso 8).

38 Três esferas da adoração Comunhão particular Pequenos grupos Congregação na igreja "O Que Deus Diz Sobre a Música", Dra. Eurydice V. Osterman

39 1 - A Comunhão Particular "É o tempo em que podemos ter audiência com Deus em particular, numa situação íntima." (Osterman, pág. 36) II Crônicas 7:14-15; Salmos 55:17; Mateus 6:6; Efésios 6:18; Filipenses 4:6; I Tessalonicenses 5:17; Hebreus 4:16; Tiago 5:16 "A oração é o abrir do coração a Deus como a um amigo" (Caminho a Cristo, pág. 93)

40 Resultados da Comunhão Particular Faz-nos conscientes da presença de Deus Oportunidade de confessarmos nossos pecados, Oportunidade de renovar nosso compromisso em servi-lO Oportunidade de demonstrar-Lhe nosso amor 'Não negligencieis a oração secreta, pois é a alma da religião' (White, Testemonies, vol. 1, pág. 163)

41 2 - Os Pequenos Grupos Culto familiar, grupo de estudos bíblicos, reuniões de oração, vigílias, etc. Para se fazer com que este culto seja como deve ser, é necessário que pensemos previamente na sua preparação. Os pais devem tomar tempo diariamente para o estudo da Bíblia com seus filhos. Não há dúvida de que isto exigirá esforço e a organização de um plano para tal, bem como algum sacrifício para o realizar; o esforço, porém, será ricamente recompensado." (Educação,186)

42 2 - Os Pequenos Grupos É necessário algum planejamento e organização Pode-se adapta-lo de acordo com as circunstâncias Alguém deve assumir a liderança "Mas faça-se tudo decentemente e com ordem." (I Coríntios 14:40)

43 3 - O Culto da Congregação na Igreja Seria ideal que isso representasse a culminância de todas as experiências de adoração que tivessem ocorrido durante a semana." (Osterman, pág. 40) Somos seres sociais e precisamos da comunidade Paulo chama esta comunidade de "Corpo de Cristo" (Romanos 12:5; I Coríntios 10:16; 12:2; Efésios 4:12)

44 Importância da adoração na congregação Lucas 4:16; I Coríntios 12:25-26; I Coríntios 14:26; Efésios 5:19; Colossenses 3:16 Hebreus 10: "e consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras, não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia."

45 Necessidades da adoração na congregação Conforme o número de adoradores cresce, também cresce a complexidade da organização requerida Atos 6:1-8 "Ora, naqueles dias, crescendo o número dos discípulos... Necessidade de organização (Romanos 12:4- 5; 13:1; I Coríntios 12:4-12; 14:40; Efésios 4:11-15)

46 Problemas da adoração congregacional "Outra parte da estrutura organizada da igreja é o ritual, uma lembrança simbólica das crenças (liturgia, batismo, comunhão, etc.). Ele provê estrutura e ordem e pode ser implementado de várias maneiras. Um dos enganos do inimigo é o de levar-nos a crer que o ritual em si é o culto, quando na verdade é somente uma forma de culto. Tal modo de pensar pode conduzir a um culto falso - prestar culto pela razão errada." (Osterman, pág, 45)

47 Conceitos errados de adoração Um problema realmente sério, e que pode conduzir a uma falsa adoração é o ato de ir à igreja sem uma compreensão correta da adoração, sem saber o que se vai fazer na igreja.

48 Conceitos errados de adoração Um grande número de cristãos que acha que vir à igreja é uma espécie de experiência mística e supersticiosa, um ritual que, caso seja seguido em todos os seus detalhes, garantirá ao crente uma semana de proteção divina contra todos os males

49 Adoração individual e comunitária É na esfera individual que a adoração comunitária tem a sua origem. De todo aquele que se aproxima do Senhor para adorá-Lo, exige-se que reconheça a Sua santidade e dignidade. Porém, este conhecimento só brota quando temos um relacionamento com Ele, em nossa comunhão diária.

50 Conhecer a Deus Para adorar a Deus, precisamos saber quem Ele é, ler nas Escrituras Sua auto-revelação ao Seu povo, meditar em Seus atributos; e, sobretudo, aceitar pela fé Sua manifestação em Cristo. Somente depois que O reconhecermos como nosso soberano é que daremos a devida importância à Sua vontade na nossa vida, e O serviremos voluntariamente, de todo coração.

51 Por que Deus procura adoradores? Será que é tão difícil de achar adoradores genuínos? Quantos cristãos existem? O problema, que gera esta dificuldade para encontrar verdadeiros adoradores, é que não pode existir adoração sem comunhão.

52 Os adoradores de Belém "Nos campos em que o jovem Davi guardara seus rebanhos, havia ainda pastores vigiando durante a noite. Nas horas caladas, conversavam entre si acerca do prometido Salvador, e oravam pela vinda do Rei ao trono de Davi." (White - O Desejado de Todas as Nações, pág. 47)

53 Os adoradores de Belém "Ao estudarem esses magos o céu estrelado, procurando sondar os mistérios ocultos em seus luminosos caminhos, viram a glória do Criador. Buscando mais claro entendimento, voltaram-se para as Escrituras dos hebreus. (...) Os magos souberam, com alegria, que Seu advento estava próximo, e que todo o mundo se encheria do conhecimento da glória do Senhor." (D.T.N., pág )

54 Comparando com Isaías 6:1-8 Antes da adoração, sempre deve haver a contemplação, através da comunhão. Os mesmos eventos acontecendo: – visão da majestade divina – visão de nossa própria finitude e pecaminosidade – confissão e recebimento de perdão (ou render-se à divindade) – consagração e disposição para o serviço

55 Nosso problema atual Quando vai à igreja, você vai assistir a um culto ou vai prestar um culto? Deus e Jesus Cristo são desconhecidos. Por que ir à Sua casa? "Não negligencieis a oração secreta, pois é a alma da religião" (Testemonies, vol. 1, pág. 163) – Não é o ir a igreja a alma da religião, mas sim a oração secreta, a comunhão pessoal

56 Cristãos vazios Quando chegamos vazios à igreja, nada tendo a oferecer, (...) o homem torna-se então a audiência (...) o desejo de uma emoção intensa é a única coisa que parece satisfazer a alma vazia." (Osterman, O Que Deus Diz Sobre Música, pág. 46) Na falta de uma gratificação espiritual, sente-se, então, necessidade de uma excitação aos sentidos, uma gratificação aos prazeres comuns da natureza humana.

57 Culto com excitação – um exemplo A adoração ao bezerro de ouro, relatada em Êxodo 32 é o exemplo mais gritante de um culto falso onde foram introduzidas excitações não produzidas nas cortes celestiais, inclusive música e dança. Hoje em dia, para designar este tipo de culto vazio e emocional podemos usar palavras como "celebração" ou "louvor".

58 Culto com excitação – um exemplo Na verdade, isto é uma adoração falsa, feita a nós mesmos, gratificando aos nossos desejos carnais. O eu tem a supremacia neste tipo de culto Desde os tempos antigos, a substância dos cultos vazios é a mesma, assim como são os mesmos os seus resultados.

59 Culto com excitação – Testemunho "Quantas vezes em nossos próprios dias é o amor aos prazeres disfarçado por uma "aparência de piedade"! (II Timóteo 3:5). Uma religião que permite aos homens, enquanto observam os ritos do culto, entregarem-se à satisfação egoísta ou sensual, é tão agradável às multidões hoje como o foi nos dias de Israel. E ainda há Arãos flexíveis, que ao mesmo tempo em que mantêm posições de autoridade na igreja, cederão aos desejos dos que não são consagrados, e assim os induzirão ao pecado." (White, Patriarcas e Profetas, pág. 317)

60 Ofensa a Deus A menos que aos crentes sejam inculcadas idéias precisas acerca do culto verdadeiro e da verdadeira reverência para com Deus, prevalecerá entre eles a tendência para nivelar o sagrado ao comum. Tais pessoas, professando a verdade, serão uma ofensa a Deus e uma lástima para a religião. (White – Testemunhos Seletos, vol. 2, p. 202)

61 Adoração como presente Todos aqueles que vêem à igreja o fazem, segundo afirmam, para adorar a DEUS. O ato de adoração envolve nossa homenagem, gratidão, louvor e reverência. Tudo isso é oferecido a DEUS tal qual um presente de amor. I Crônicas 16:29 – Tributai ao SENHOR a glória de seu nome; trazei presentes, e vinde perante ele; adorai ao SENHOR na beleza da sua santidade.

62 Dar um presente Você gosta de receber presentes? Quantos gostam de recebê-los? – Um ditado popular diz que "a cavalo dado não se olha os dentes", e outro diz ainda que "de graça, até injeção na testa". Mas, será que todo presente é bem-vindo? – O que uma namorada faria se recebesse uma vassoura de presente do namorado? Será que alguém gostaria de receber um penico de presente de aniversário? Um adventista ficaria contente se recebesse um leitão assado e uma garrafa de pinga de presente? – Será que, nalgum desses casos, ajudaria se alguém dissesse que o "presente" foi dado com boas intenções?

63 Presentear a Deus? Presentear bem envolve relacionamento. Como podemos presentear de forma correta alguém que: – Não conhecemos – Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu. (João 1:10) – Tem tudo – Teus são os céus, e tua é a terra; o mundo e a sua plenitude tu os fundaste. (Salmos 89:11)

64 Visitantes na Bíblia Os pastores (Lucas 2:8-20) – Ficaram ansiosos e admirados Os sábios do Oriente (Mateus 2:10-11) – "Ao verem eles a estrela, regozijaram-se com grande alegria. E entrando na casa, viram o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro incenso e mirra." – Ficaram muito alegres, adoraram e deram presentes

65 Agradou-se Deus disso? Certamente que sim. E afirmo mais: Ele ainda quer atitudes como esta. – "...o Pai procura a tais que assim o adorem" (João 4. 23). Deus está pedindo a nossa adoração! Está desejoso de receber presentes!

66 Os Motivos da Verdadeira Adoração Leia a história relatada em Lucas 7:37-48 Que presente esta mulher trouxe? – Era um presente muito caro? – Quanto valia? (Marcos 14:5)

67 É realmente este o presente? Jesus cita o perfume apenas como um dos componentes da ação da mulher, sem qualquer destaque especial. " Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade." (João 4:24) O presente material (assim como as obras) nunca será essencial (embora seja uma conseqüência). O que Jesus enfatizou foi "porque ela muito amou" (Lucas 7:47)

68 O verdadeiro presente Este é o verdadeiro presente da adoração: Um coração transformado, transbordante de amor! Este amor nasce de conhecermos a bondade e a misericórdia de Deus O conhecimento nasce da contemplação A contemplação acontece na comunhão Portanto, sem comunhão, não há adoração!

69 A comunhão de Moisés Quando Moisés pediu ao Senhor que lhe mostrasse Sua glória, o Senhor disse: "Eu farei passar toda a Minha bondade por diante de ti." Êxodo 33:19. "Passando, pois, o Senhor perante a sua face, clamou: Jeová, o Senhor, Deus misericordioso e piedoso, tardio em iras e grande em beneficência e verdade; que guarda a beneficência em milhares; que perdoa a iniqüidade, e a transgressão, e o pecado; que ao culpado não tem por inocente.... E Moisés apressou-se, e inclinou a cabeça à terra, e encurvou- se." Êxodo 34:6-8. Quando formos capazes de compreender o caráter de Deus como Moisés, também nós nos daremos pressa em curvar-nos em adoração e louvor. (Conselhos aos Professores, Pais e Estudantes, pág. 30 – ênfase acrescentada)

70 A comunhão de Davi Revelações diárias do caráter e majestade de seu Criador enchiam o coração do jovem poeta, de adoração e regozijo. Na contemplação de Deus e Suas obras, as faculdades do espírito e coração de Davi estavam a desenvolver-se e a fortalecer para a obra de sua vida posterior. Ele diariamente vinha a ter uma comunhão mais íntima com Deus. (...) e, ao ver o amor de Deus em todas as providências de sua vida, seu coração palpitava com mais fervorosa adoração e gratidão, sua voz soava com mais magnificente melodia, sua harpa era dedilhada com alegria mais exultante; e o moço pastor ia de força em força, de conhecimento em conhecimento; pois o Espírito do Senhor estava sobre ele. (Patriarcas e Profetas, pág. 642 – ênfase acrescentada)

71 E a nossa comunhão? Todo o Céu está interessado em nós. Devemos estar ativos e despertos para honrar, glorificar e adorar o Alto e Sublime. Nosso coração deve transbordar em amor e gratidão por Aquele que tem sido tão cheio de amor e compaixão por nós. Devemos honrá-Lo com nossa vida, e com pura e santa conversação mostrar que fomos nascidos de cima, que este mundo não é nosso lar, mas somos peregrinos e estrangeiros aqui, a caminho de um país melhor." (White, Primeiros Escritos, pág. 113)

72 Como Devemos Adorar? "Religião não é limitar-se a formas e cerimônias exteriores.... Para O servirmos devidamente, é mister nascermos do divino Espírito.... Esse é o verdadeiro culto. É o fruto da operação do Espírito Santo. É pelo Espírito que toda prece sincera é ditada, e tal prece é aceitável a Deus. Onde quer que a alma se dilate em busca de Deus, aí é manifesta a obra do Espírito, e Deus Se revelará a essa alma. A tais adoradores Ele busca. Espera recebê-los, e torná-los Seus filhos e filhas." (D.T.N., 189)

73 Verdadeira Adoração A verdadeira adoração é refletida por uma vida de serviço abnegado, pelo amor a Deus e ao próximo – Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis. Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros. (João 13:34-35)

74 Adoração Racional Paulo explica um princípio básico, em Romanos 12: – Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

75 Deus opera em vós... Filipenses 2:13 "porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade." "Não podeis mudar vosso coração, não podeis por vós mesmos consagrar a Deus as vossas afeições; mas podeis escolher servi-Lo. Podeis dar-Lhe a vossa vontade; Ele então operará em vós o querer e o efetuar, segundo a Sua vontade. Desse modo toda a vossa natureza será levada sob o domínio do Espírito de Cristo." (Caminho a Cristo, 47)

76 Qual será a tua atitude? Faça um voto hoje, entre você e Deus, de busca-lO a cada dia, de conhece-lO com intimidade. Não espere até "sentir" algo, alguma sensação ou que ocorra espontaneamente alguma transformação; ela não acontecerá, pois a nossa natureza é pecaminosa. Ofereça o que você tem hoje, doe-se a Deus como você está hoje.

77 Deus espera por você Deus está ansioso por isto, ou ele não teria dito à igreja de Laodicéia "Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. Ao que vencer, eu lhe concederei que se assente comigo no meu trono." (Apocalipse 3:20-21)

78 Conclusão "Que Deus nos conceda uma sede se Sua presença que faça do ato de busca-lO em adoração o nosso estilo de vida (Colossenses 3:17), uma fome que nos leva a uma comunhão mais íntima com Seu povo. Isso resultará em uma rica experiência de adoração coletiva, caracterizada por unidade, sensibilidade e compreensão (João 17). Ao amar a Deus com todo o nosso ser, amaremos o que Ele ama, odiaremos o que Ele odeia e ansiaremos que os Seus propósitos sejam concretizados por nosso intermédio! (Mateus 22:37- 39)" (Allen/Borror, pág. 184)


Carregar ppt "O Presente do Homem para Deus "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google