A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

...Título I, Dos Princípios Fundamentais, Art. 4º, Parágrafo Único - A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "...Título I, Dos Princípios Fundamentais, Art. 4º, Parágrafo Único - A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social."— Transcrição da apresentação:

1 ...Título I, Dos Princípios Fundamentais, Art. 4º, Parágrafo Único - A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social e cultural dos povos da América Latina, visando a formação de uma comunidade latino-americana de nações... CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

2 VII CONGRESSO INTERNACIONAL DAS ROTAS DE INTEGRAÇÃO DA AMÉRICA DO SUL REUNIÃO TÉCNICA DOS MODAIS ORIGENS, AÇÕES E POR QUE ESTAMOS AQUI JOAL TEITELBAUM, CCIBC, CRIAS,IAQ

3

4

5

6

7

8 A COMPONENTE TÉCNICA: MODAIS A IIRSA instituída no ano 2000 pelos 12 países da América do Sul e se constituí no braço técnico do processo de integração física convergiu hoje para o mapa da figura 10, onde estão representados os 10 eixos de desenvolvimento. Cria-se com esta concepção um conceito de planejamento integrado, onde a infra-estrutura não mais é uma simples ligação física ou espacial, mas sim superfícies e volumes de desenvolvimento, com a implementação de ações congruentes com os pólos de crescimento homogêneo e harmônico. Ao apresentar ainda em 1998 o projetos dos denominados “Pólos de Desenvolvimento para a América do Sul” o CRIAS demarcava uma posição e estabelecia um conceito estrutural e operacional. A esta componente técnica da integração deve-se associar a interação com a componente política e a ação participativa da sociedade civil e a ação competitiva do setor privado, tendo nos processos emergentes das políticas públicas os fundamentos da sustentabilidade

9 A participação do CRIAS se expressa desde 1996 por seus Modais, a seguir elencados: B.4.1. Aéreo B.4.2. Comunicações B.4.3. Energia B.4.4 Ferroviário B.4.5. Hidroviário/Portuário B.4.6. Rodoviário B.4.7. Logística A reunião dos Modais deste VII Congresso analisará a visão sistêmica, de futuro, os recursos materiais para implementar processos e ações, não apenas dos projetos prioritários já determinados pela IIRSA, mas aquelas que possam contribuir para o objetivo comum da integração

10 Temas como o Tratado de Fortaleza e os gargalos que existam no transporte aéreo e destacando que a infra-estrutura disponível alcança a todos os países da sub-região, são prioritários no modal Aeroportuário/Aeroviário. No modal de Comunicações a temática do roaming na América do Sul é primacial e sobre o qual os dois últimos congressos já abordaram e entende-se que uma força tarefa deva de imediato ser constituída para transformar palavras em realidade já que a tecnologia está disponível. A Matriz Energética da sub-região sem desprezar qualquer uma das fontes, aguarda a estruturação de planejamento adequado, no tempo e no espaço

11 A questão Ferroviária onde o trem já foi uma componente atuante de primeira linha, quer para passageiros como para o transporte de cargas e que perdeu espaços na sub-região e hoje, como já se viu em exemplo anterior neste trabalho, a qualidade da infra-estrutura ferroviária se encontra na última posição entre as cinco regiões com um índice aproximado de 1,5 sobre 7,0, em conformidade com estudo do WEF de O tema Hidroviário/Portuário retoma importância e se notam avanços na retomada deste modal, tendo os países se capacitado deste meio de transporte, quer quanto a navegação interior como na de longo curso e que historicamente, junto com as ferrovias se constituiu na força propulsora de economias e de avanços na integração desde a descoberta da máquina a vapor e que, posteriormente, veio sendo abandonado por aqueles países e sub-regiões que mais deles necessitavam, ou seja, os países em desenvolvimento

12 E, por fim, mas não por último, a Logística foi também a grande esquecida na região e busca-se implantar o que deva se chamar em forma correta de Logística Científica. Mas esta logística não se restringe a escolha do sistema mais adequado de transporte, quer seja no tempo como no espaço, mas fundamentalmente quando se pensa na integração sub-regional, também na estruturação completa dos postos de fronteira, fazendo-se uso da tecnologia hoje disponibilizada e promovendo de forma efetiva, quantitativa e qualitativa, estes serviços. O sistema Rodoviário, o que mais cresceu a partir dos anos 30 no século passado foi atingido por uma deterioração alarmante nas vias físicas que, lamentavelmente, não acompanharam a evolução do material rodante. Hoje o estado de conservação dos principais eixos rodoviários e da responsabilidade por sua conservação além das novas rotas necessárias e das obras de arte a eles inerentes, se constituem em gargalos em muitos dos 10 eixos de integração. É oportuno registrar que em 1996 foi o eixo Mercosul-Chile, o início desta atual fase pois foi e continua sendo uma das áreas de maior densidade populacional e produtiva da sub-região e tem-se hoje cerca de 80% concluído neste modal

13


Carregar ppt "...Título I, Dos Princípios Fundamentais, Art. 4º, Parágrafo Único - A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google