A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pré-modernismo. O que se convencionou chamar de Pré-Modernismo, no Brasil, não constitui uma escola literária. Na realidade, Pré-Modernismo é um termo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pré-modernismo. O que se convencionou chamar de Pré-Modernismo, no Brasil, não constitui uma escola literária. Na realidade, Pré-Modernismo é um termo."— Transcrição da apresentação:

1 Pré-modernismo

2 O que se convencionou chamar de Pré-Modernismo, no Brasil, não constitui uma escola literária. Na realidade, Pré-Modernismo é um termo genérico que designa toda uma vasta produção literária correspondente aos primeiros vinte anos do século XX.

3 Enquanto a Europa se prepara para a Primeira Guerra Mundial, o Brasil vive a República do café-com-leite, dos grandes proprietários rurais. É a época áurea da economia cafeeira no Sudeste, é o momento da entrada de grandes. Levas de imigrantes,notadamente os italianos; é o esplendor da Amazônia, com o ciclo da borracha; é o surto da urbanização de São Paulo.

4 Imigrantes no Brasil

5

6 É o tempo de agitações sociais. Do abandonado Nordeste partem os primeiros gritos de revolta. Em fins do século XIX, na Bahia, ocorre a Revolta de Canudos, tema de Os Sertões, de Euclides da Cunha; nos primeiros anos do século XX, em todo o Sertão, assolado por constantes secas, vive-se o tempo do cangaço, com a figura lendária de Lampião.

7 Apesar de o Pré-Modernismo não constituir uma escola literária, apresenta traços característicos que evidenciam: Obras inovadoras que rompem com o passado, com o academicismo, a exemplo da poética de Augusto dos Anjos cuja tônica literária aponta palavras não- poéticas como cuspe, escarro, vômito, vermes

8 A denúncia da realidade brasileira, do Brasil não- oficial do sertão nordestino, dos caboclos interioranos, dos subúrbios. regionalismo: o Norte e o Nordeste com Euclides da Cunha; o vale do Paraíba e o interior paulista com Monteiro Lobato; o Espírito Santo com Graça Aranha; o subúrbio carioca com Lima Barreto.

9 Os tipos humanos marginalizados: o sertanejo nordestino, o caipira, os funcionários públicos, os mulatos. Uma Ligação com fatos políticos, econômicos e sociais contemporâneos, diminuindo a distância entre a realidade e a ficção.

10 PRINCIPAIS AUTORES E OBRAS Augusto dos Anjos (1884 – 1914): Eu (poesia) Euclides da Cunha (1864 – 1909): Os Sertões Graça Aranha (1868 – 1931): Canaã Lima Barreto (1881 – 1922):Triste Fim de Policarpo Quaresma, Clara dos Anjos. Monteiro Lobato (1882 – 1948): Urupês, Cidades Mortas, Reinações de Narizinho

11

12 Euclides da Cunha

13 Lima Barreto

14


Carregar ppt "Pré-modernismo. O que se convencionou chamar de Pré-Modernismo, no Brasil, não constitui uma escola literária. Na realidade, Pré-Modernismo é um termo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google