A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Juliana Angelo Gomes Mayara Maia Corrêa Orientadores: Cêça Guimaraens Luiz.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Juliana Angelo Gomes Mayara Maia Corrêa Orientadores: Cêça Guimaraens Luiz."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Juliana Angelo Gomes Mayara Maia Corrêa Orientadores: Cêça Guimaraens Luiz Manoel Gazzaneo Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro

2 Esta apresentação objetiva compreender o entendimento dos entornos dos edifícios do Museu Imperial e do Palácio Rio Negro. Para isso, foi elaborado um estudo comparativo das soluções urbanísticas e estilísticas arquitetônicas desses edifícios. Este trabalho segue em paralelo ao projeto Arquitetura dos Lugares de Memória da Cidade de Petrópolis e faz parte do projeto de pesquisa A importância dos museus e centros culturais para a requalificação urbana, coordenado pela professora Cêça Guimaraens no ProArq com auxilio, em sistema de bolsas, do CNPq e FAPERJ. Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro

3 História vinculada ao meio político e econômico do país Império – Museu Imperial República – Palácio Rio Negro Residências de férias de diferentes épocas e autoridades dos regimes imperial e republicano Museus Casas Família Real – Museu Imperial Presidentes da República – Palácio Rio Negro Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Justificativas

4 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro 1822 Independência do Brasil 1843 Apresentação do Plano Koeler 1845 a 1853 Construção do Palácio e jardins 1849 a 1899 Todo ano, Dom Pedro II e sua corte moram durante 6 meses em Petrópolis Linha do tempo histórico

5 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Linha do tempo histórico Século XX Abertura de ruas e praças no terreno do Palácio Imperial Criação e inauguração do Museu Imperial

6 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Percurso Museu Imperial – Palácio Rio Negro

7 2. Eclético Palácio Rio Negro 1.Neoclássico Museu Imperial Percurso Museu Imperial – Palácio Rio Negro Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro

8 4. Neogótico 3. Neocolonial Percurso Museu Imperial – Palácio Rio Negro Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro

9 5. Neoclássico 6.Eclético Percurso Museu Imperial – Palácio Rio Negro Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro

10 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Percurso Museu Imperial – Palácio Rio Negro

11 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Elementos arquitetônicos característicos NEOCLASSICISMO RETORNO AO PASSADO CLASSICISTA ACADEMICISMO

12 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Elementos arquitetônicos característicos Palacete Imperial de Petrópolis. P. Bertichem. litografia, sd Palácio Imperial Foto :Henrique Klumb

13 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Composição em 3 partes: Eixo de simetria Coroamento Corpo Embasamento 1843 Museu Imperial antigo Palácio de Verão Major Koeler Edifício monumental em estilo neoclássico Elementos arquitetônicos característicos

14 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro PLANTAS IMPLANTAÇÃO ORGANIZAÇÃO ESPACIAL ÁREAS EXPOSITIVAS Rua da Imperatriz

15 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro ECLETISMO COMBINAÇÃO DE DIFERENTES ADORNOS E ESTILOS HISTÓRICOS, SIGNIFICOU UMA REAÇÃO AO NEOCLASSICISMO.

16 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Elementos arquitetônicos característicos AS RESIDÊNCIAS URBANAS Implantação no lote estrutura de ferro alpendres e lambrequins Daniele Dantas. 2008

17 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro 1889 Palácio Rio Negro Manoel Gomes de Carvalho – Barão de Rio Negro Engenheiro Antônio Januzzi 1896 – Estado do Rio de Janeiro Residência oficial do governante da província 1903 – Governo Federal Residência oficial de verão do Presidente da República (até o governo de Ernesto Geisel) 1996 – 100 anos de Palácio Fernando Henrique Cardoso

18 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Elementos arquitetônicos característicos IMPLANTAÇÃO ORGANIZAÇÃO ESPACIAL Av. Koeller Praça Rui Barbosa

19 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Levantamento e Identificação

20 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Levantamento e Identificação

21 Casas do Império e da República em Petrópolis Museu Imperial e Palácio Rio Negro Levantamento e Identificação


Carregar ppt "Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Juliana Angelo Gomes Mayara Maia Corrêa Orientadores: Cêça Guimaraens Luiz."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google