A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Clarissa Erico Verissimo (1933) Revisão para a prova Profª. Rafaela.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Clarissa Erico Verissimo (1933) Revisão para a prova Profª. Rafaela."— Transcrição da apresentação:

1 Clarissa Erico Verissimo (1933) Revisão para a prova Profª. Rafaela

2 Contexto histórico Brasil Em seguida da crise de 1929; Revolução de 30 – Getúlio Vargas; Revolução Constitucionalista de 32;

3 Contexto histórico Rio Grande do Sul Período de desestruturação do modelo vigente de desenvolvimento, culminando numa crise econômica de caráter regional; Apoio incondicional a Vargas.

4 Personagens Clarissa: protagosnita, 13 anos; Amaro: bancário que sonha em ser pianista. Nutre uma paixão secreta pela menina Clarissa; D. Eufrasina: dona da pensão e tia de Clarissa; Major Nico Pombo: major reformado, o mais antigo morador da pensão; Levinsky: judeu;

5 Personagens Levinsky: judeu; Nestor: sempre alegre, amante de Ondina; Belmira: mulata, empregada. Tio Couto: marido de D. Eufrasina, desempregado; Belinha: vive com a mãe doente, sonha com um namorado; Dona Glória: mãe de Belinha;

6 Personagens Ondina: mulher de Barata, tem um caso com Nestor; Barata: marido de Ondina, caixeiro viajante; Gamaliel: evangélico; Dr. Maia: médico que cuida do velório do Tonico, mora na casa rica; Zezinho: estudante de Medicina, não suporta sangue;

7 Personagens Dudu: amiga de Clarissa, namoradeira e moderna; Tonico: vizinho pobre da pensão. Criança doente, perdeu uma perna num acidente. A mãe costura para fora para manter a casa; Dona Tatá: mãe de Tonico.

8 A história No livro não um momento em que podemos chamar de clímax, não há uma tensão, a não ser o caso de Ondina e Nestor descoberto por Clarissa que também não dá em nada; Mostra uma época em que se tinha um vida tranquila numa capital, Porto Alegre, as crianças podiam ir sozinhas à escola sem medo;

9 História Segunda fase Modernista; Inovações: gosto pelo rigor da descrição, pela minúcia da fotografia, manifesta, como característica que o acompanhará sempre, sua fidelidade à vida tal como ela é em toda a multiplicidade de variados aspectos, inclusive aqueles que se apresentam sórdidos e desagradáveis.

10 História Erico não se impõe às personagens; ao contrário, prefere ver o mundo através das personagens; e isso as faz viver como gente de carne e osso. A narrativa se organiza entorno do desdobramento psicológico de Clarissa (descobertas das coisas e dos seres); A história ocorre através da consciência de Clarissa, suas divagações, descrições;

11 História Érico Veríssimo preferiu que Clarissa, ela própria, o conduzisse entre coisas que vão aparecendo no fluxo da descoberta. O mundo juvenil, povoado de sonhos e fantasias; Clarissa narra conforme o que vê; Érico Veríssimo optou por um estilo pictórico, no qual as descrições valorizam sobremaneira a visualidade;

12 História Característica simbolista; Amaro reflete o lado amargo da vida; Apresentação das personagens femininas: parte forte" da vida está representada muito mais nas mulheres (autoritárias como Tia Zina, promessas futuras como Clarissa) do que nos homens, que em geral, são indolentes, frustrados ou insensíveis;


Carregar ppt "Clarissa Erico Verissimo (1933) Revisão para a prova Profª. Rafaela."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google