A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Teoria da Contabilidade Jorge Katsumi Niyama César Augusto Tibúrcio Silva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Teoria da Contabilidade Jorge Katsumi Niyama César Augusto Tibúrcio Silva."— Transcrição da apresentação:

1 Teoria da Contabilidade Jorge Katsumi Niyama César Augusto Tibúrcio Silva

2 Teoria da Contabilidade Capítulo 3 – Princípios de Contabilidade Geralmente Aceitos nos Estados Unidos

3 Objetivos do Aprendizado A importância de Estudar as normas norte-americanas Como evoluiu a Contabilidade nos Estados Unidos O que são os princípios de Contabilidade norte-americanos As divergências entre os princípios norte- americanos e as normas brasileiras Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

4 Objetivo: Importância do Tema 1) Peso da economia norte-americana 2) Empresas brasileiras possuem títulos negociados nas bolsas de valores dos Estados Unidos 3) As normas dos Estados Unidos são relevantes devido a qualidade de sua contabilidade Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

5 Objetivo 2: Evolução Origem no início do século XIX Contabilidade passar a ser um instrumento de prestação de informações devido as mudanças na economia 1887 = criação do Interstate Commerce Commission (ICC) para regular as ferrovias Sistema contábil padronizado Início do século XX = aumento de exigências da Bolsa de Nova York Entrega e arquivamento das demonstrações financeiras Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

6 Objetivo 2: Evolução Lei Sherman (1890) e Lei Clayton (1914) => Leis antitrustes 1913 = Crise de confiança no mercado financeiro => criação do Banco Central (FRB ou The Fed) 1914 = Criação do Federal Trade Commission (FTC) => proteger o consumidor Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

7 Objetivo 2: Evolução 1886 = American Association of Public Accountants (AAPA) Primeira associação profissional Uniformizar a Contabilidade 1917 = FRB emitiu um documento de auditoria (Uniform Accounting) para empresas com ações negociadas em bolsa Accounting Theory, de Paton Mais tarde, Paton e Littleton defendem que a contabilidade deve ser compreendida também pelo usuários Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

8 Objetivo 2: Evolução – Crise de 1929 Criação, em 1934, da Securities and Exchange Commission (SEC) Surge o Securities Exchange Act que regula o mercado secundário ASR 4 decidiu-se que a profissão contábil seria responsável pelos princípios contábeis Constituição pelo AIA do CAP (Committee on Accounting Procedures) em 1936 Publica diversos boletins com importância na prática contábil Primeira série de documentos sobre US GAAP Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

9 Objetivo 2: Evolução - APB 1959 = AICPA cria o APB, que publica, até 1973, manifestações sobre contabilidade Importantes para estrutura conceitual APB 4 = contempla referencial teórico e conceitual Em resposta as críticas ao APB forma-se dois grupos de estudos Wheat Committee (1972) sugere uma nova estrutura, com extinção do APB Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

10 Objetivo 2: Evolução - Fasb Financial Accounting Standards Board (Fasb) foi criado em 1973 Entidade privada, sem fins lucrativos, com finalidade de desenvolver os Princípios de Contabilidade Geralmente Aceitos (US- GAAP) AICPA transfere a responsabilidade de fixação de padrões de contabilidade Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

11 Pronunciamentos do Fasb Statements of Financial Accounting Standards (Sfas) Fasb Interpretations (Fasb I) Fasb Technical Bulletins (Fasb TB) Statements of Financial Accounting Concepts (Sfac) Emerging Issues Task Fosse (EITF) Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

12 Fases Históricas da Contabilidade Norte-Americana Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo Sarbox

13 Objetivo 3: O que são os US GAAP Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3 Os US GAAPs são regras, práticas e procedimentos contábeis utilizados para elaboração das demonstrações financeiras nos Estados Unidos. Neste país se pratica o sistema common law, onde o governo não interfere nestas regras, pois acredita-se que o setor privado tem competência e recursos para isto. Em outras palavras, o US GAAP não corresponde a uma lei.

14 Hierarquia das normas Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

15 Objetivo 4 : Divergências entre US GAAP e normas brasileiras A principal diferença: o Brasil possui influência da escola italiana e pouca pesquisa teórica para fundamentar a prática da Contabilidade Ênfase em Como fazer e não por que fazer No Brasil, normas contábeis prevalece sobre os princípios contábeis Ausência de uma cultura de pesquisas contábeis Participação do governo na elaboração das normas, estabelecendo critérios conflitantes com os Princípios Teoria da Contabilidade – Jorge Katsumi Niyama e César Augusto Tibúrcio Silva – Capítulo 3

16 Principais Divergências Leasing na Arrendatária Leasing na Arrendadora Títulos e Valores Mobiliários Operações de Créditos – Empréstimos Renegociados Derivativos e Instrumentos Financeiros Ajuste de Exercícios Anteriores Ajuste de Variação Cambial de Investimentos no Exterior

17 Principais Divergências Reavaliação de ativos Equivalência patrimonial Contingências Consolidação de Balanços Demonstração dos fluxos de Caixa Pesquisa e Desenvolvimento de novos Produtos Pesquisa


Carregar ppt "Teoria da Contabilidade Jorge Katsumi Niyama César Augusto Tibúrcio Silva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google