A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MINISTÉRIO DA SAÚDE CGRA/DRAC/SAS ABRIL/2014 TECNOLOGIA DE SUPORTE ÀS CENTRAIS DE REGULAÇÃO SISREG.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MINISTÉRIO DA SAÚDE CGRA/DRAC/SAS ABRIL/2014 TECNOLOGIA DE SUPORTE ÀS CENTRAIS DE REGULAÇÃO SISREG."— Transcrição da apresentação:

1 MINISTÉRIO DA SAÚDE CGRA/DRAC/SAS ABRIL/2014 TECNOLOGIA DE SUPORTE ÀS CENTRAIS DE REGULAÇÃO SISREG

2 REGULAÇÃO ASSISTENCIAL OU REGULAÇÃO DO ACESSO GARANTIR O ACESSO E PRINCIPALMENTE GARANTIR A CONTINUIDADE DO ACESSO, DISPONIBILIZANDO A ALTERNATIVA ASSISTENCIAL MAIS ADEQUADA E QUALIFICADA À NECESSIDADE DO CIDADÃO.

3 SISREG FERRAMENTA TECNOLÓGICA, DISPONIBILIZADA PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE, ESTRUTURADA A PARTIR DE UMA PARCERIA DRAC E DATASUS, PARA OPERACIONALIZAÇÃO DE CENTRAIS DE REGULAÇÃO, QUE TEM COMO OBJETIVO DAR AGILIDADE E TRANSPARÊNCIA AO PROCESSO REGULATÓRIO.

4 CARACTERÍSTICAS SISREG Web – On line Banco: Postgred, Linguagem: C Segurança: - Dados criptografados -Acesso por meio de login/senha -Desconexão por timeout da sessão -9 servidores localizados DATASUS Brasilia

5 INTERNAÇÃO (EM FUNCIONAMENTO) AMBULATORIAL (EM FUNCIONAMENTO) APAC FASE FINAL DE DESENVOLVIMENTO MÓDULOS

6 ABRANGÊNCIAS DAS CENTRAIS SISREG -ESTADUAL -REGIONAL -MUNICIPAL

7 DADOS ATUAIS Módulo Ambulatorial = 291 centrais executantes (administradores) Módulo Ambulatorial = 1546 centrais solicitantes Módulo Hospitalar = 45 centrais executantes (administradores) 3.2 milhões procedimentos regulados milhões de solicitações inseridas

8 São pré-requisitos à operacionalização da regulação do acesso Celebração de contrato, convênio; Cadastrar e manter atualizado SCNES; Cadastrar e manter atualizado CNS Monitoramento e avaliação de contrato e convênio por meio das centrais de regulação, bem como intervenção no caso de descumprimento; Alimentação dos sistemas de produção Respeitar RAS e PPI

9 SISTEMA INTERLIGADO AO SISTEMA DE CADASTRO NACIONAL DE ESTABELECIMENTOS DE SAÚDE - SCNES A GESTÃO TERÁ QUE REALIZAR O CADASTRAMENTO E MANTER ATUALIZADO O SCNES PARA REALIZAR AÇÕES NO SISREG. MÓDULO AMBULATORIAL – OPERADOR ADMINISTRADOR 1- CADASTRO DE ESTABELECIMENTOS

10 CADA OPERADOR NO SISTEMA ACESSA FUNCIONADADES ESPECÍFICAS O HORÁRIO DE ACESSO TAMBÉM É DETERMINADO PELO ADMINISTRADOR 2 – CADASTRO DE OPERADORES

11 OS TRÊS NÍVEIS DE ADMINISTRADORES : FEDERAL / ESTADUAL E MUNICIPAL PODEM A QUALQUER MOMENTO INCLUIR AVISO NA TELA INICIAL DO SISREG. 3 – AVISOS

12 4 – TELA INICIAL SISREG

13 SISREG = INTERLIGADO A BASE DO CAD SUS WEB, O QUE IMPULSIONA A POLÍTICA MUNICIPAL DE CARTÃO NACIONAL DE SAÚDE. * SINCRONIZAÇÃO COM SISREG 5 - CONSULTA AO CADASTRO DE PACIENTES SUS - CADWEB

14 6 – ACESSO AO CADWEB

15 CONSULTAR PROCEDIMENTOS – PROPORCIONA AO OPERADOR, VERIFICAR DADOS ORIUNDOS DO SIGTAP, BEM COMO CID RELACIONADOS 7 – CONSULTA PROCEDIMENTOS SIGTAP

16 ADMINISTRADOR DA CENTRAL – ORGANIZA A FORMA DE TRABALHO, DETERMINANDO OS PARÂMETROS DE ABERTURA DE ESCALAS, FILA DE ESPERA, CANCELAMENTO DE AGENDAMENTOS, REAPROVEITAMENTO DE VAGAS NÃO UTILIZADAS, ETC. 8 – PARÂMETROS AMBULATORIAIS

17 TETO = FÍSICO OU FINANCEIRO TETO = CONTRATO/CONVÊNIO = PROCESSO DE CONTRATUALIZAÇÃO É IMPORTANTE MONITORAR, VERIFICAR E ACOMPANHAR OS CONTRATOS PARA A GESTÃO DISTRIBUÍDO NO SISTEMA POR UNIDADE PRESTADORA (UNIDADE EXECUTANTE) DEFINIR COMANDO ÚNICO NA CIR/CIB EM CASO DE CENTRAIS REGIONAIS 9 - TETO

18 PPI SISREG = SOMA DE TODOS OS TETOS DE UM MESMO PROCEDIMENTO (CAPACIDADE INSTALADA) PODE SER DISTRIBUÍDA POR QUANTIDADE FÍSICA OU VALOR FINANCEIRO (MENSAL) OS MUNICÍPIOS RECEBEM A COTA ESTIPULADA NA PPI E ACESSAM O SISTEMA ON LINE (EFETUANDO O AGENDAMENTO E RECEBENDO O MESMO COM DATA/LOCAL/HORÁRIO E PROFISSIONAL QUE REALIZARÁ O PROCEDIMENTO) TRANSPARÊNCIA E GARANTIA DE ACESSO AOS MUNICÍPIOS E A PRÓPRIAS UNIDADES SOLICITANTES PROMOVE A ADEQUAÇÃO DA PPI EM RELAÇÃO A OFERTA REAL DO MUNICÍPIO SEDE RELATÓRIOS EM TEMPO REAL INFORMANDO AOS GESTORES O CONSUMO DAS SUA COTAS 10 - PPI

19 RELACIONADO A UM CÓDIGO DA TABELA SIGTAP, O ADMINISTRADOR PODE OPTAR POR UMA NOMENCLATURA DIFERENCIADA, MELHORANDO A ORGANIZAÇÃO DO PROCESSO DE TRABALHO. 11 – CADASTRO DE PROCEDIMENTOS

20 AS COTAS PARA AGENDAMENTO DIRETO (SEM PASSAR PELA AUTORIZAÇÃO DO REGULADOR) SÃO DISTRIBUÍDAS PERCENTUALMENTE, MEDIANTE AVALIAÇÃO POPULACIONAL E DE VULNERABILIDADE, POR EXEMPLO. 12 – COTAS POR UNIDADE

21 13 - ESCALAS

22 14 – ESCALAS EM UMA ESPECIALIDADE

23 15 – OUTRAS FUNCIONALIDADES DE CADASTRO

24 16 – OUTRAS FUNCIONALIDADE DE CONSULTAR

25 17 – RELATÓRIOS - BI

26 19 - SOLICITAÇÃO

27

28

29

30 20 - AUTORIZAÇÃO

31 21 - AGENDA

32 22 - BPA

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

46

47 SISRCA PORTARIA N PORTARIA N. 238 PREVISÃO JULHO 2014

48 FONE: 61 – –


Carregar ppt "MINISTÉRIO DA SAÚDE CGRA/DRAC/SAS ABRIL/2014 TECNOLOGIA DE SUPORTE ÀS CENTRAIS DE REGULAÇÃO SISREG."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google