A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PESQUISAS E ESTUDOS NA PRIMEIRA INFÂNCIA 2 o Seminário Internacional da Primeira Infância Porto Alegre, 18-19 de Nov. 2004 Alessandra Schneider Coordenadora.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PESQUISAS E ESTUDOS NA PRIMEIRA INFÂNCIA 2 o Seminário Internacional da Primeira Infância Porto Alegre, 18-19 de Nov. 2004 Alessandra Schneider Coordenadora."— Transcrição da apresentação:

1 PESQUISAS E ESTUDOS NA PRIMEIRA INFÂNCIA 2 o Seminário Internacional da Primeira Infância Porto Alegre, de Nov Alessandra Schneider Coordenadora do Escritório-Antena da UNESCO no Rio Grande do Sul UNESCOBRAZIL

2 2 Roteiro 1.Contribuições da UNESCO 2. O que dizem as pesquisas 2.1 Estudo sobre Políticas de Educação e Cuidado na Primeira Infância (OCDE, 2001) 2.2 Projeto Pré-Escolar High Scope Perry (EUA, ) 2.3 O impacto da Educação Pré-Escolar no Brasil (Banco Mundial/IPEA, 2001) 2.4 Benefícios da CEPI 3. Como os países investem na primeira infância 4. Programa Fundo do Milênio para a Primeira Infância

3 3 A UNESCO é a agência especializada das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura Criada em 16 de novembro de 1945 Se as guerras nascem na mente dos homens, é na mente dos homens que devem ser erguidas as defesas da paz Agência de Cooperação Técnica 190 Estados-Membros UNESCOBRAZIL

4 4 EDUCAÇÃO PARA TODOS UNESCOBRAZIL

5 5 EDUCAÇÃO PARA TODOS Princípios Educação é um direito humano fundamental Constitui a chave para um desenvolvimento sustentável, assim como para assegurar a paz e a estabilidade dentro de cada país e entre eles Educação ao longo de toda a vida, para todos os cidadãos, de todas as sociedades (lifelong learning) Todas as pessoas têm características, interesses, capacidades e necessidades de aprendizagem que lhes são próprias – os sistemas educativos devem ser desenhados considerando estas diferentes características e necessidades UNESCOBRAZIL

6 6 Conferência Mundial sobre Educação para Todos Jomtien/Tailândia A aprendizagem inicia com o nascimento. Isso implica cuidados básicos e educação inicial na infância, proporcionados seja através de estratégias que envolvam as famílias e comunidades ou programas institucionais, como for o caso. Declaração Mundial sobre Educação para Todos, Art. 5 UNESCO UNESCOBRAZIL

7 7 Fórum Mundial de Educação para Todos Dacar Definiu metas para a década: A expansão e o aprimoramento da assistência e educação na primeira infância, especialmente para as crianças mais vulneráveis e desfavorecidas. UNESCOBRAZIL

8 8 Todas as crianças devem ser criadas em ambientes seguros e acolhedores que lhes permitam tornarem-se saudáveis, ativas, confiantes e capazes de aprender. A última década ofereceu evidências de que a assistência e a educação de boa qualidade para a primeira infância, tanto na família como em programas mais estruturados, têm um impacto positivo na sobrevivência, crescimento e desenvolvimento do potencial de aprendizagem das crianças. Marco de Ação de Dacar – 2000 UNESCO UNESCOBRAZIL

9 9 A UNESCO tem orientado sua ação para a difusão da importância de uma educação infantil de qualidade desde os primeiros anos de vida. UNESCOBRAZIL

10 A UNESCO no Brasil oferece cooperação técnica na área, contribuindo para a formulação e o aprimoramento de políticas e programas. Seus principais eixos de ação são: 1) Assessoria ao poder executivo na formulação de projetos e programas para a valorização e a melhoria da qualidade da educação e dos cuidados na primeira infância

11 UNESCOBRAZIL 2) Realização de seminários para fomentar o debate sobre a primeira infância, o alcance das metas pactuadas nacionalmente (PNE) e a formulação de políticas articuladas - Educação Infantil: Construindo o Presente (Brasília-DF, abril 2002) - Infância e Mídia (Porto Alegre-RS, 05 de agosto de 2003) - A Mídia e os Direitos da Criança e do Adolescente: Um Compromisso Social (Brasília-DF, 07 agosto 2003) - A Primeira Infância na Construção da Cultura de Paz (São Paulo-SP, 08 de agosto de 2003) - Financiamento da Educação Infantil (Brasília-DF, setembro 2003)

12 UNESCOBRAZIL 3) Desenho e gestão do Programa Fundo do Milênio para a Primeira Infância no Brasil (UNESCO Brasil, Banco Mundial e Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho)

13 13 4) Publicação de estudos e pesquisas sobre temas relevantes na área, visando à disseminação de conhecimentos, qualificação do debate teórico e aprimoramento da prática de educação infantil UNESCOBRAZIL

14 Starting Strong Early Childhood Education and Care UNESCOBRAZIL OECD Publication 2001

15 15 Starting Strong Estudo realizado em 12 países membros da OCDE * Austrália * Holanda * Bélgica * Noruega * República Tcheca * Portugal * Dinamarca * Suécia * Finlândia * Inglaterra * Itália * Estados Unidos Estudo UNESCO Paris/OCDE em curso * Brasil * Quênia * Indonésia * Cazaquistão

16 16 Identifica 4 questões: Clara responsabilidade do Estado na provisão de educação e cuidados na primeira infância; O acesso aos serviços de educação e cuidado na primeira infância é um direito em muitos países; Há um movimento para garantir cobertura universal às crianças de 3 a 6 anos; Importância da qualidade e integração dos serviços;

17 17 8 Elementos-chave das Políticas: 1)Abordagem sistêmica e integrada no desenvolvimento das políticas e na implementação, com ênfase na coordenação; > tratar educação e cuidados de forma integrada; > um Ministério deve liderar o trabalho; > fortes vínculos entre serviços, profissionais e familiares promove coerência; 2)Forte cooperação com o sistema de Educação > apóia lifelong learning e reconhece que educação e que o cuidado, desde o nascimento, constituem uma importante etapa do processo educativo;

18 18 3) Acesso universal, com especial atenção às crianças com necessidades especiais; > assegurar acesso eqüitativo para que todas as crianças tenham garantidas oportunidades iguais de freqüentar serviços de educação de qualidade; > as políticas e os serviços voltados às crianças menores de 3 anos devem receber maior atenção e fortalecimento; 4) Substantivo investimento público em serviços e infra- estrutura; > o investimento público garante sustentabilidade e acesso aos serviços;

19 19 5) Abordagem participativa para melhoria sistemática da qualidade; > abordagens pedagógicas centradas no desenvolvimento integral das crianças reforçam práticas de qualidade; 6) Capacitação dos recursos humanos e adequadas condições de trabalho em todas as modalidades de atendimento; 7) Atenção sistemática para coleta de dados e monitoramento; 8) Agenda de médio e longo prazo para pesquisas e avaliação;

20 20 Desafios: Acesso precário às crianças menores de 3 anos; Profissionalização dos recursos humanos que atuam na área; Utilização de indicadores para avaliação dos serviços e realização de estudos comparativos; Baixos salários, condições de trabalho nem sempre favoráveis, acesso reduzido à capacitação em serviço;

21 Projeto Pré-Escolar HIGH/SCOPE PERRY Década de 60 em Michigan/EUA – estudo longitudinal; Descrição: pré-escola de meio-turno de alta qualidade, por 1 ou 2 anos, para crianças afro-americanas de 3 e 4 anos; visitas domiciliares semanais; Aos 27 anos os participantes do programa apresentavam: Renda mais alta (29% x 7% ganhando US$ 2 mil) Maior nível de instrução (71% x 54% - 2 o Grau) Percentagem mais baixa de pessoas assistidas por serviços sociais (59% x 80%) Menor n o de prisões aos 27 anos (7% x 35%) UNESCOBRAZIL

22 22 A relação custo-efetividade indicou benefícios estimados em sete vezes o custo original do Programa. Para cada dólar gasto, calculou-se uma economia de 7,16 dólares. UNESCOBRAZIL

23 23 Filhos de Pais com 4 Anos de Educação UNESCOBRAZIL 0.4 anos a mais de educação 0.4 anos a mais de educação 1 Ano de Pré-escola 1 Ano de Pré-escola 5.0% 5.0% 2.0% 2.0% = 7 % 7 % RENDA

24 24 UNESCOBRAZIL Filhos de Pais Analfabetos 0.6 anos a mais de educação 0.6 anos a mais de educação 1 Ano de Pré-escola 1 Ano de Pré-escola 6.5% 6.5% 6.0% 6.0% = 12.5% 12.5% RENDA

25 25 Os Benefícios de programas de qualidade * Benefícios Educacionais - Permanência na escola por mais tempo - Menores índices de evasão e repetência - Melhor Performance * Benefícios Econômicos - Mais tempo na escola emprego melhor remunerado - Estímulo à força de trabalho feminina * Benefícios Sociais - Melhores indicadores de nutrição e saúde - Probabilidade de crime e delinqüência reduzidas - Eqüidade de gênero - Inclusão Social UNESCOBRAZIL

26 26 Como os países investem na Primeira Infância? Eles variam UNESCOBRAZIL

27 27 UNESCOBRAZIL

28 28 UNESCOBRAZIL

29 29 1. Seja carinhoso, amoroso e atencioso. 2. Dê atenção às sugestões e idéias da criança. 3. Converse, cante e leia para seu filho. 4. Estabeleça rituais e rotinas. 5. Estimule descobertas ou jogos de forma segura. DEZ DICAS UNESCOBRAZIL

30 30 6. Selecione o que será visto na televisão. 7. Use disciplina como uma oportunidade para ensinar. 8. Reconheça que cada criança é única. 9. Escolha serviços de educação e cuidado de qualidade e participe. 10. Cuide de você mesmo. UNESCOBRAZIL

31 31 UNESCOBRAZIL


Carregar ppt "PESQUISAS E ESTUDOS NA PRIMEIRA INFÂNCIA 2 o Seminário Internacional da Primeira Infância Porto Alegre, 18-19 de Nov. 2004 Alessandra Schneider Coordenadora."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google