A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Organizar projetos e relatórios de pesquisas Ursula Blattmann UFSC – CED – CIN.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Organizar projetos e relatórios de pesquisas Ursula Blattmann UFSC – CED – CIN."— Transcrição da apresentação:

1 Organizar projetos e relatórios de pesquisas Ursula Blattmann UFSC – CED – CIN

2 Introdução Elaboração de projeto de pesquisa Elaboração do Relatório Técnico – Científico

3 Gerenciar projetos Natureza do projeto: pesquisa, cooperação técnica e científica. Conhecer a viabilidade, evitar problemas e fracassos. Estrutura institucional, formação da equipe, escolha das pessoas, responsabilidade, competências e habilidades. Planejamento, recursos financeiros, apoio, cronograma. Ferramentas de controle: atividades, fluxogramas de processos, diagramas, softwares, inspeções, relatórios parciais e final, avaliação e acompanhamento. Comunicação: divulgação, comunicação formal e informal, relacionamento entre os participantes.

4 Ciclo de vida do projeto Figura 1: Volume de intensidade de atividades no ciclo de vida do projeto em relação ao tempo e nos Recursos financeiros (KEELING, 2006, p. 16)

5 Eventos no ciclo de vida do projeto Figura 2: Seqüência típica de eventos durante o ciclo de vida do projeto (KEELING, 2006, p. 19)

6 Fracasso no projeto Coordenação ineficaz de recursos e esforços. Fracasso em concluir no prazo. Arranjos de entrega inadequados. Relações humanas deficientes. Desempenho fraco com relação à administração de projeto em tempo parcial na organização do cliente, do consultor ou do contratado Organização inadequada – é comum aos projetos malsucedidos quando os papéis, responsabilidades e alcance das contribuições de participantes-chave não são claramente definidos.

7 Fracasso no projeto II Decisões sobre estratégia de contrato tarde demais (restringindo alternativas). Falta de sustentação para os objetivos do projeto. Fracasso em avaliar a viabilidade, calcular riscos e elaborar plano de contingências. Materiais ou equipamentos inferiores às especificações técnicas ou de qualidade. Escalada de custos resultante do controle deficiente, fracasso de programações descontroladas ou expansão imprevista de tarefas. Intromissão ou interferência de políticos ou membros mais velhos da organização do proprietário.

8 Fracasso no projeto III (KEELING, 2006, p ) Administração e logística para operações técnicas complexas Estrutura organizacional mal definida, áreas de responsabilidade imprecisas, limites de autoridade Inadequações no planejamento, orçamento e controle Descuido com o treinamento e as necessidades de desenvolvimento de equipes. Avaliação e acompanhamento inadequados do projeto. Conflito e problemas inter-pessoais provocados por limites mal definidos e organização deficiente do trabalho.

9 Fatores de Sucesso I (KEELING, 2006, p ) Estruturas organizacionais adequadas e convenientes Mecanismos do planejamento adequados e de controle convenientes Compromisso da organização matriz, cliente e gerente do projeto com: Programações das atividades e procedimentos de controle estabelecidos Orçamentos e controle de gastos estabelecidos; e Metas e marcos técnicos vinculado ao tempo e o custo

10 Fatores de Sucesso II ( KEELING, 2006, p ) Estruturas organizacionais adequadas ao caráter do projeto; Participação da equipe no planejamento e definição de métodos, programações e orçamentos; Ausência de impedimentos legais; Minimização do número de entidades burocráticas públicas ou órgãos governamentais envolvidos ; e Apoio público entusiástico.

11 Fórmula para o sucesso ( KEELING, 2006, p. 85) V (P + P) x (L C C) ou Viabilidade de objetivos, planejamento e programação x (liderança, comunicação, controle)

12 Bases do referencial lógico (KEELING, 2006, p. 187) Sumário da concepção Alvos de desempenho Mecanismos de monitoração Premissas e riscos Metas (objetivos de longo prazo) Propósito (objetivos imediatos) Produtos Insumos

13 Elaboração de projeto de pesquisa Normas para projetos de pesquisa da ABNT Formulários específicos das agências de Fomento: CAPES CNPQ FINEP FAPESC UFSC

14 Critérios de avaliação de documentos Título Autoridade (link) Instituição Data da criação ou revisão Público-alvo (no contexto) Propósito da informação: informa, exemplifica ou julga

15 Normas técnicas da ABNT NBR 6023 Referências 6024 Numeração Progressiva do Documento 6028 Resumo Citações Apresentação do Relatório técnico- científico Trabalhos acadêmicos Projeto de Pesquisa

16 Escolha do tema Apresentar o tema, com clareza e coerência, aspectos conceituais e a relevância do estudo. Contextualizar as justificativas sociais, científicas e pessoais. Problema respaldado em experiências prévias (respaldo técnico e cientifico). Apresentar questões norteadoras, variáveis e/ou hipóteses relacionadas ao problema Objetivos relacionados as questões de pesquisa. Utilizar as citações de acordo com a ABNT NBR 10520, as referências conforme NBR 6023.

17 Elaboração de projeto de pesquisa REVISÃO BIBLIOGRÁFICA Fundamentação teórica adequada à discussão do problema. Sistematização e organização lógica das fontes consultadas (do geral ao particular) Clareza na expressão Análise interpretativa própria das idéias dos autores. Citações de acordo com a ABNT NBR Coerência do referencial teórico com o que propôs investigar e atingir na introdução.

18 Elaboração de projeto de pesquisa METODOLOGIA Apresentar com objetividade o enfoque e o tipo de estudo. Se for descritivo, analítico. Destacar o local, as características das fontes de informação, as técnicas que pretende utilizar para a coleta de dados. Indicar e caracterizar os instrumentos. Escrever com coerência o método com o que se propôs investigar (ver introdução). Citar de acordo com a ABNT – NBR

19 Elaboração de projeto de pesquisa REFERÊNCIAS E PÓS-TEXTO Referências apresentar conforme a ABNT NBR 6023, pode incluir a referência dos documentos consultados. Apêndices (obrigatórios) Modelo(s) do(s) instrumento(s) de coleta de dados) Outros formulários ou roteiros Anexos (opcionais)

20 Elaboração do Relatório Técnico – Cientifico Verificar normas institucionais: UFSC, CAPES, CNPq, FINEP, FAPESC... Utilizar para apresentação do trabalho acadêmico a norma da ABNT NBR Observar prazos: edital, mensagens Divulgar os resultados da pesquisa: artigos, comunicações técnico –científicas. Participar de eventos da comunidade científica. Dar continuidade na pesquisa - com novos projetos de pesquisa.

21 Procedimentos na pesquisa Tipo de pesquisa Escolha do tema Levantamento de fontes de informação Armazenamento (disquetes, pen-drive, favoritos, impressos) Seleção do material para leitura Elaboração dos resumos Análise dos documentos Estrutura do relatório da pesquisa

22 Estrutura do Relatório ABNT (2005, p.7)

23 Trabalho técnico e científico Qual o destino do trabalho os meios de comunicação e os repositórios como circulam as informações organização da informação Diferenças de tipos dos documentos Preparo do relatório Publicação do relatório Softwares: processador de textos, planilhas eletrônicas (facilidade de uso, recursos, custos)

24 Referências ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Disponível em:.http://www.abnt.org.br BIANCHETTI, Lucídio; MACHADO, Ana Maria Netto (Org.) A bússola do escrever: desafios e estratégias na orientação de teses e dissertações. 2. ed. Florianópolis: Ed. da UFSC, p. ISBN KEELLING, Ralph. Gestão de projetos uma abordagem global. São Paulo : Saraiva, 2006.

25 E a vida segue... Planejar, organizar e executar projetos! À todos desejo sucesso! Grata!


Carregar ppt "Organizar projetos e relatórios de pesquisas Ursula Blattmann UFSC – CED – CIN."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google