A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CRÔNICAS MORTES ANUNCIADAS Florianópolis, 12 de novembro de 2008 Por: Lúcio Botelho e Lilian Diesel.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CRÔNICAS MORTES ANUNCIADAS Florianópolis, 12 de novembro de 2008 Por: Lúcio Botelho e Lilian Diesel."— Transcrição da apresentação:

1 CRÔNICAS MORTES ANUNCIADAS Florianópolis, 12 de novembro de 2008 Por: Lúcio Botelho e Lilian Diesel

2 Situando Gabriel Garcia Marques e sua inspiração. Gabriel Garcia Marques e sua inspiração....todos sabiam que Santiago Nassar seria morto, a sociedade inteira, meio pasma e estupefacta, meio sabendo o que iria acontecer, esperava pela morte anunciada......todos sabiam que Santiago Nassar seria morto, a sociedade inteira, meio pasma e estupefacta, meio sabendo o que iria acontecer, esperava pela morte anunciada... Assim é que assistimos e lamentamos cada uma das inúmeras mortes, pois só falta saber o nome a hora e o local. Assim é que assistimos e lamentamos cada uma das inúmeras mortes, pois só falta saber o nome a hora e o local. Não nos causa mais surpresa saber de mortos no trânsito Não nos causa mais surpresa saber de mortos no trânsito

3 Ainda Situando Santa Catarina é o estado de maior índice de mortalidade por acidentes de trânsito. Santa Catarina é o estado de maior índice de mortalidade por acidentes de trânsito. Fatores epidemiológicos contributivos: Fatores epidemiológicos contributivos: Os de senso comum: Os de senso comum: Malha rodoviária deficiente e irregular, com 3733 Km de rodovias estaduais, a grande maioria de pista simples e 2304 Km de rodovias federais, a grande maioria não duplicada. Malha rodoviária deficiente e irregular, com 3733 Km de rodovias estaduais, a grande maioria de pista simples e 2304 Km de rodovias federais, a grande maioria não duplicada.

4 Ainda Situando Estado altamente produtor, primário, secundário e terciário, dotado ainda de estrutura de escoamento portuário, que atrai produtos de outros estados. Estado altamente produtor, primário, secundário e terciário, dotado ainda de estrutura de escoamento portuário, que atrai produtos de outros estados. As vias são ainda rotas quase obrigatórias para o transporte de mercadorias para o Mercosul. As vias são ainda rotas quase obrigatórias para o transporte de mercadorias para o Mercosul. A frota de veículos é da ordem de , sendo que são veículos de carga dos quais são caminhões. Temos ainda cerca de ônibus e micros. A frota de veículos é da ordem de , sendo que são veículos de carga dos quais são caminhões. Temos ainda cerca de ônibus e micros.

5 Ainda situando Estradas duplicadas, de velocidade mais altas, cruzando cidades e povoados. Estradas duplicadas, de velocidade mais altas, cruzando cidades e povoados. Múltiplos cruzamentos, de veículos e pedestres. Múltiplos cruzamentos, de veículos e pedestres. Veículos cada vez mais rápidos e potentes, com motoristas ainda não devidamente preparados, Veículos cada vez mais rápidos e potentes, com motoristas ainda não devidamente preparados, Tempo e compromissos ainda mais apertados Tempo e compromissos ainda mais apertados

6 Ainda situando Condições climáticas adversas em grande parte do ano. Condições climáticas adversas em grande parte do ano. Relêvo realmente acidentado, acentuando nas rodovias não duplicadas as desigualdades de peso, potência e velocidade. Relêvo realmente acidentado, acentuando nas rodovias não duplicadas as desigualdades de peso, potência e velocidade. Por ter relevo acidentado, profusão de vales e pequenos, médios e alguns grandes rios, com pontes invariavelmente mais estreitas que as rodovias. Por ter relevo acidentado, profusão de vales e pequenos, médios e alguns grandes rios, com pontes invariavelmente mais estreitas que as rodovias.

7 OS ACIDENTES

8 O primeiro acidente de trânsito registrado no Brasil ocorreu no Rio de Janeiro, em 1800, há extamente 208 anos. O abolicionista José do Patrocínio importou um carro e o deu para o Olavo Bilac, que sem ser habilitado, bateu no primeiro obstáculo que encontrou. Gente de guarda-chuva debaixo do braço parava estarrecida, como se tivesse visto um bicho de Marte ou um aparelho de morte imediata. fontes: e 2003_04_01...http://www.detran.ce.gov.br 2003_04_01...

9 As mortes... As mortes tem nomes, são concretamente pessoas, pais, mães, filhos de alguém. As mortes tem nomes, são concretamente pessoas, pais, mães, filhos de alguém. Mais que somente mortos, temos a invalidez como companheira de vida, alguns para o resto da vida. Mais que somente mortos, temos a invalidez como companheira de vida, alguns para o resto da vida. No plano material, temos perdas que são calculáveis, gigantescas. No plano material, temos perdas que são calculáveis, gigantescas.

10 gravidade

11 Gravidade...

12 gravidade

13 gravidade

14 gravidade

15 Gravidade...

16 Gravidade...

17 Gravidade...

18 Gravidade...

19 CONCLUSÕES O fenômeno é social e amplo. O fenômeno é social e amplo. Inicia pela questão econômica produtiva. Inicia pela questão econômica produtiva. Passa pelo modal de transporte e pela forma de produzir. Passa pelo modal de transporte e pela forma de produzir. Excesso de veículos, falta de condições de tráfego, veículos velozes e condutores perigosos Excesso de veículos, falta de condições de tráfego, veículos velozes e condutores perigosos


Carregar ppt "CRÔNICAS MORTES ANUNCIADAS Florianópolis, 12 de novembro de 2008 Por: Lúcio Botelho e Lilian Diesel."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google