A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Princípios e Parâmetros em Deslocamento Qu-: dados do Russo Thiago Oliveira Motta Sampaio Orientadoras: Aniela Improta França Miriam Lemle XXVIII Jornada.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Princípios e Parâmetros em Deslocamento Qu-: dados do Russo Thiago Oliveira Motta Sampaio Orientadoras: Aniela Improta França Miriam Lemle XXVIII Jornada."— Transcrição da apresentação:

1

2 Princípios e Parâmetros em Deslocamento Qu-: dados do Russo Thiago Oliveira Motta Sampaio Orientadoras: Aniela Improta França Miriam Lemle XXVIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica Novembro de 2006 TEORIA E ANÁLISE LINGÜÍSTICA U F R J w w w. l e t r a s. u f r j. b r / c l i p s e n

3 2 Características Gerais Escrito em alfabeto cirílico, que possui 33 letras, o russo tem basicamente escrita fonética e suas regras de pronúncia são poucas O que João comeu (o que)? что Иван кушал? chto Ivan kushal? O que Ivan comeu Como o Latim, é u ma língua de declinações. Isso faz com que a língua tenha uma grande liberdade na ordem das palavras. Apesar disso, a ordem mais natural dos elementos na frase é SVO Иван кушал торт, Петр кушал печенье, etc Ivan kushal tort, Petr kushal peshenie, etc Ivan comeu bolo, Petr comeu biscoito, etc

4 3 Tipos de Movimento de Qu- em Russo QU- IN-SITU он кушал что? on kushal chto? ele comeu o quê? v Sv T ST kushal chto t on φ Posição que dá ênfase ao Qu-

5 4 Tipos de Movimento de Qu- em Russo DESLOCAMENTO CURTO что он кушал __? chto on kushal __? o quê ele comeu o quê? v Sv T ST kushal t on φ chto QU- IN-SITU он кушал что? on kushal chto? ele comeu o quê? t C SC [+Foco] Posição não-marcada do Qu-

6 5 Tipos de Movimento de Qu- em Russo DESLOCAMENTO CURTO что он кушал __? chto on kushal __? o quê ele comeu o quê? DESLOCAMENTO MÚLTIPLO Кто что __ кушал __? Kto chto __ kushal __? Quem o quê quem comeu o quê? v Sv T ST kushal t on φ chto t kto t C SC [+Foco] C SC [+Foco] SFoco Foco

7 6 Tipos de Movimento de Qu- em Russo DESLOCAMENTO LONGO что ты думаешь он кушал __? chto ты думаецч on kushal __? o quê você acha ele comeu o quê? dumaech on kushal SC t φ v Sv T ST ty chtot O Qu- sai de sua oração, caracterizando um Movimento Longo DESLOCAMENTO MÚLTIPLO Кто что __ кушал __? Kto chto __ kushal __? Quem o quê quem comeu o quê? C SC [+Foco]

8 7 Perguntas Múltiplas em Russo O Russo, assim como o Romeno, apresenta Deslocamentos Múltiplos de palavras Qu- e três teorias tentam explicar esse fenômeno; ST Foco SC As explicações mais aceitas são as que dizem que nas línguas eslavas, os Qu- que não se movem para o Complementizador são atraídos pelo traço [+Foco] do Sintagma de Foco, que se localizaria entre o Complementizador e o Tempo; Por economia, alguns linguistas dizem que o Foco se encontra dentro do Sintagma de Tempo, assim como a Flexão, o Aspecto, o Modo, etc; Para nossos objetivos, consideramos melhor separar o Foco do Tempo para melhor visualisação; Vejamos melhor as três teorias Vejamos melhor as três teorias: [+Foco]

9 8 chto v kushal v gde [φ][φ] T` ST Sv kto C` t t SC t t [+Qu-] ESPECIFICADORES MÚLTIPLOS DO SC Alguns linguistas acreditam que o traço [+Qu-] do Complementizador é tão forte no Russo que atrai todos os Qu-. Quem comeu o quê onde? кто что где кушал? kto chto gde kushal? Quem o quê onde comeu Especificadores Múltiplos Explicando o Deslocamento Múltiplo t 1

10 9 chto kushal gde kto t tt кто что где кушал? kto chto gde kushal? Quem o quê onde comeu Explicando o Deslocamento Múltiplo Quem comeu o quê onde? 2 MOVIMENTO DE FOCO Os Qu- não seriam atraídos pelo traço [+Qu-] como os deslocamentos tradicionais. O Movimento seria então motivado pelo traço [+Foco]. ST SFoco Foco [+Foco] SFoco Foco [+Foco] SFoco Foco [+Foco] Nódulos de Foco

11 10 chto kushal gde kto t tt кто что где кушал? kto chto gde kushal? Quem o quê onde comeu Explicando o Deslocamento Múltiplo Quem comeu o quê onde? 3 ST SFoco Foco [+Foco] SFoco Foco [+Foco] SC C [+Qu-] UM ÚNICO ESPECIFICADOR DO SC E OS OUTROS QU- EM FOCO Esta teoria que diz que o primeiro Qu- sobe para SC enquanto os outros são deslocados para Foco. Nódulos de Foco Especificador de SC

12 11 Conclusões: Testando a ordem dos Qu- deslocados para início da oração, obtivemos dos informantes duas respostas diferentes. Para o primeiro informante existe uma ordem a ser respeitada no deslocamento, para outro, não importa a ordem dos Qu-; кто что где кушал? kto chto gde kushal? Quem o quê onde comeu где кто что кушал? gde kto chto kushal? onde Quem o quê comeu Кто где что кушал? kto gde chto kushal? Quem onde o quê comeu Uma possível explicação para tal divergência seria a diferença de geração entre os informantes e o fato de um deles ser docente e estar mais familiarizado com uma linguagem mais formal, o CSCR, (Russo Padrão Contemporâneo Coloquial), enquanto o segundo, estaria mais acostumado com o Russo Coloquial Informal (CIR). Fato observado também por Tanya Scott em CUNY / SUNY / NYU Linguistics Mini-Conference, 2002.

13 12 Conclusões: Para dar conta dos dados do informante que respeita a ordem dos Qu-, ou seja, respeita o Efeito de Superioridade, a Teoria que diz que existe um especificador único no SC e que os outros Qu- são movidos por Foco seria a mais conveniente pois o Qu- mais alto estará sempre na frente dos outros. кто что где кушал? kto chto gde kushal? Quem o quê onde comeu ST t kushal t t SFoco Foco [+Foco] SFoco Foco [+Foco] SC C [+Qu-] kto chto gde Especificador de SC Nódulos de Foco

14 13 Conclusões: Para dar conta dos dados do informante que não respeita o Efeito de Superioridade, propomos que exista uma operação de embaralhamento (scrambling) que acontece pós sintaticamente, na fonologia. Adotando esse ponto de vista, descartamos o Movimento de Foco como explicação para a falta de Efeito de Superioridade deste informante; O Tcheco, outra língua da família eslava e tema do próximo trabalho, apresentará uma evidência contra a Teoria dos Especificadores Múltiplos.

15 14 Referências bibliográficas HAEGEMAN, Liliane (1991). Introduction to Government & Binding theory. Oxford UK & Cambridge USA, Blackwell Publishing. LIAKIN Denis & NDAYIRAGIJE, Juvénal (2001). New look at an old problem: Multiple Wh-fronting in Slavic. In Aktuelle Beitraege zur formalen Slavistik. Linguistik international, pp. 206-213. Frankfurt. BOSKOVIC, Zeljko (2000) Sometimes in Spec(CP) Sometimes in-situ, Step by step: Essays on minimalism in honor of Howard Lasnik, ed. by R. Martin, D. Michaels, and J. Uriagereka, 53-87. Cambridge, Mass.: MIT Press http://web.uconn.edu/boskovic/papers/ BOSKOVIC, Zeljko (2002) On multiple wh-fronting, Linguistic Inquiry 33, 351-383. http://web.uconn.edu/boskovic/papers/ SCOTT, Tanya (2002) CUNY / SUNY / NYU Linguistics Mini-Conference. STEPANOV, Arthur (1997) On wh-fronting in Russian. University of Connecticut SEKERINA, Irina A. (1997) The Syntax and Processing of Split Scrambling Constructions in Russian. Doctoral dissertation, CUNY Graduate School and University Center http://163.238.8.180/~sekerina/publications.html


Carregar ppt "Princípios e Parâmetros em Deslocamento Qu-: dados do Russo Thiago Oliveira Motta Sampaio Orientadoras: Aniela Improta França Miriam Lemle XXVIII Jornada."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google